Leixões nega ter colocado adeptos na bancada a ver um jogo

Episódio aconteceu numa partida de voleibol em Gondomar. Presidente garante que jovens pertencem aos órgãos sociais do clube, Federação não confirma a identidade à entrada.

A Supertaça de voleibol começou, no Grupo B, com o duelo entre Leixões e Fonte do Bastardo. A partida foi ganha pela equipa açoriana por 3-0 e foi animada por sete jovens apoiantes do Leixões, presentes numa bancada do Pavilhão Multiusos de Gondomar.

No meio do silêncio e das cadeiras vazias, facilmente aqueles jovens – quase todos eles na casa dos 20/30 anos – se destacaram porque aplaudiram constantemente o conjunto nortenho, entoaram vários cânticos de apoio e por vezes gritaram palavras menos adequadas sobre o árbitro ou algum adversário.

Na fase inicial do jogo também estiveram de pé, contrariando as normas que o novo contexto impõe – sentaram-se pouco depois – e um dos elementos esteve quase sempre sem a sua máscara colocada corretamente:

No final do encontro, os jogadores do Leixões deslocaram-se até perto destes apoiantes e agradeceram o incentivo dado ao longo da partida, enquanto os jovens voltaram a aplaudir os atletas e a entoar cânticos.

Quem são os jovens?

O ZAP quis saber se os elementos que se encontravam nos (poucos) lugares destinados aos convidados, eram adeptos do Leixões. O presidente Jorge Moreira assegurou-nos que todos pertencem aos órgãos sociais do emblema de Matosinhos.

No entanto, nas imagens disponíveis da tomada de posse e da composição de todos os órgãos sociais do Leixões, aparecem nas fotografias apenas dois dos sete homens presentes em Gondomar. Confrontado com esse facto, o presidente do Leixões manteve a garantia de que todos fazem parte dos órgãos sociais.

O ZAP pediu, por diversas vezes, a Jorge Moreira que indicasse os cargos que cada um ocupa, para confirmar, na lista oficial, que todos pertencem à estrutura do Leixões. O líder do clube nunca nos divulgou os cargos e insistiu: “Os dirigentes foram apoiar os atletas, algo normal num clube com a nossa mística e identidade”.

O que dizem as novas regras?

Assim, oficialmente não esteve na bancada qualquer adepto “comum” do Leixões. Mas, se tivesse estado, estaria o Leixões a “desviar-se” das regras?

O regulamento publicado pela Federação Portuguesa de Voleibol informa que podem estar nas bancadas, no máximo, 10 pessoas que fazem parte dos órgãos sociais dos clubes envolvidos no jogo. Aqui não houve qualquer problema, já que a Fonte do Bastardo não superou os três representantes.

A questão é: a Federação controla ao detalhe a identidade, no momento entrada das pessoas? Pede, por exemplo, o Cartão de Cidadão para confirmar que cada pessoa que entra no pavilhão pertence aos órgãos sociais? Não.

Fonte da Federação confirmou ao ZAP que o Leixões “tem direito” àqueles lugares nas bancadas, mas confessou que a Federação não verifica individualmente a identidade das pessoas.

Ou seja, os lugares nas bancadas destinados aos órgãos sociais de um clube podem ser ocupados por pessoas que não fazem parte dos órgãos sociais.

NMT, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Federer acusado de manobrar a tabela ATP

Contas da associação de tenistas foram alteradas por causa do coronavírus. Roger Federer está no quinto lugar mas só disputou um torneio ao longo de 2020. Em ano anormal, contas anormais: a tabela oficial da Associação …

Astrónomo do Instituto SETI garante que vamos encontrar extraterrestres até 2036

Seth Shostak, astrónomo e astrofísico do Instituto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence) está convencido de que os humanos vão encontrar uma civilização extraterrestre inteligente até 2036. “O SETI duplica a velocidade aproximadamente a cada dois anos …

Mais leve e elegante. Assim é a nova e-bike que vai chegar às ruas da Europa

A startup Urban Cycles Oy, com sede em Helsínquia, demarcou uma espécie de lacuna no mercado europeu de bicicletas elétricas e por isso quis preenchê-la. O objetivo era produzir uma bicicleta elegante e mais leve. Um …

Incêndio reduz a maior ilha de areia do mundo a metade. É Património da Humanidade

Quase metade de Fraser, a maior ilha de areia do mundo, que se situa no nordeste da Austrália e foi classificada como Património da Humanidade pela UNESCO, foi destruída por um incêndio florestal. O incêndio queimou …

"Toca de bruxaria" permaneceu até agora numa casa do século XVI. Encontrados crânios de cavalo e veneno

Uma casa cheia de objetos ocultos foi recentemente alvo de grande interesse. O espaço estava localizado dentro de numa casa do século XVI no País de Gales, e encontrava-se repleto de objetos ocultos, incluindo crânios …

Em 1843, o primeiro cartão de Natal foi considerado "escandaloso" (agora vai ser leiloado pela Christie)

Um exemplar do primeiro cartão de Natal impresso comercialmente, em 1843, que retratava uma cena da era vitoriana que escandalizou a população, vai ser posto à venda esta sexta-feira e é considerado um item raríssimo. Este …

Marcelo quer alívio de restrições no Natal sem pôr em xeque janeiro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esta sexta-feira esperar que a "possível exceção" no Natal ao quadro de restrições para conter a covid-19 "seja bem entendida e bem vivida" e não provoque …

Bill Gates diz que o mundo estará de volta à normalidade já na primavera de 2021

Bill Gates, que desde 2015 tinha vindo a lançar alguns alertas sobre uma possível pandemia, deixou agora uma mensagem de esperança ao dizer que acredita que os EUA irão voltar ao normal na primavera de …

Mais um passo na hegemonia. China constrói aldeia nos Himalaias, em zona também disputada pela Índia e pelo Butão

Novas imagens de satélite mostram que a China construiu uma aldeia nos Himalaias, ao longo de uma fronteira que também é disputada pela Índia e pelo Butão, e que foi palco de um impasse agressivo …

João Félix eleito jogador do mês da liga espanhola. Ronaldo vence prémio em Itália

O português João Félix, do Atlético de Madrid, foi eleito o melhor jogador da Liga espanhola de futebol do mês de novembro. O luso revelou-se uma peça fundamental durante todo o mês e ajudou a equipa …