Lei que proíbe eutanásia “comercial” considerada inconstitucional por tribunal alemão

O Tribunal Constitucional da Alemanha considerou esta quarta-feira inconstitucional uma lei de 2015 que proíbe o suicídio assistido “organizado” por médicos ou associações.

A lei privou doentes em fase terminal do “direito de escolher [a sua] morte”, afirmou o presidente do Tribunal Constitucional Federal em Karlsruhe, Andreas Vosskuhle. Segundo o próprio, citado pela agência Lusa, “este direito inclui a liberdade de tirar a vida e de pedir ajuda para o fazer”.

Os médicos protestaram contra o termo “comercial” que do ponto de vista jurídico não se refere apenas a ofertas propriamente comerciais, mas também, por exemplo, conversas entre médicos e pacientes.

Os doentes graves que apresentaram queixa ao Tribunal Constitucional evocam o direito da personalidade, o qual, a seu ver, incluiria o direito de morrer de uma determinada forma. As associações que defendem o direito à morte assistida queixam-se de que a legislação impede que possam agir em prol dos associados.

A eutanásia ativa, por exemplo através de uma injeção, continua a ser proibida na Alemanha. A medicação é fornecida, mas o paciente toma sozinho.

Lusa //

PARTILHAR

RESPONDER

Suécia já tem acordo para impor medidas restritivas (mas ainda não está convencida)

A Suécia vai recuar na sua abordagem light à covid-19 e prepara-se para aplicar medidas restritivas. Os partidos já chegaram a acordo, mas o Governo não tem planos para usar já os novos poderes. Os partidos …

Bernie Sanders desiste da candidatura à Casa Branca

Bernie Sanders desistiu da corrida à nomeação para as eleições presidenciais de 2020 nos Estados Unidos, abrindo assim o caminho para que Joe Biden venha a competir com Donald Trump. Bernie Sanders desistiu da candidatura à …

Se o turismo contrair 25%, a economia portuguesa recua 2,9%

Em Portugal, o setor do turismo tem um peso de 11,3% no PIB. Com o setor fechado, o impacto no crescimento português será significativo. Uma redução de 25% na atividade turística, quer do turismo de visitantes …

Federação Portuguesa de Futebol dá por concluídos campeonatos não profissionais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) explica que não existem condições que permitam finalizar as provas não profissionais, pelo que as dá por concluídas, sem vencedores. Os campeonatos seniores não profissionais de futebol e futsal da …

"Seus burros." Nova Jérsia decidiu revelar os nomes de quem viola o recolher obrigatório

O estado norte-americano de Nova Jérsia está a revelar os nomes de quem viola o recolher obrigatório, uma decisão que partiu do ministro da Justiça estadual, Gurbir Grewal. De acordo com o Expresso, Gurbir Grewal, ministro …

Quatro em cada cinco trabalhadores serão suspensos total ou parcialmente

A Organização Mundial do Trabalho estima que 38 por cento da força de trabalho global (1,25 mil milhões de trabalhadores) esteja empregada nos setores de maior risco. A Organização Internacional do Trabalho (OIT) estima que quatro …

Empresas em lay-off vão poder reduzir potência da eletricidade e gás natural

As empresas que acionaram o regime de lay-off vão poder ajustar a potência contratada e de energia para reduzir a fatura. A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) anunciou, esta quarta-feira, que as empresas que acionaram …

Cinco a zero. Fisco perde mais um caso sobre ISV de carro usado

O Fisco perdeu mais um caso em tribunal e vai ter de devolver 355 euros de imposto cobrado a mais ao contribuinte que avançou com a ação na Justiça. A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) foi, …

Trinta empresas autorizadas a trabalhar durante o cerco a Ovar

São já 30 as empresas autorizadas a trabalhar durante o cerco a Ovar. No entanto, o autarca de Ovar quer que o Governo vá mais longe e autorize todas as empresas do concelho a laborar. O …

França em recessão. PIB cai para 6%, o pior resultado desde 1945

O Produto Interno Bruto (PIB) francês caiu cerca de 6% no primeiro trimestre, segundo estimativas publicadas esta quarta-feira pelo Banco de França (BdF), o pior desempenho trimestral da economia francesa desde 1945. Tecnicamente, França está em …