França inaugura o primeiro “lar de idosos” de elefantes da Europa

É em França que se localiza o primeiro santuário da Europa para a família Elephantidae. O local abriga espécimes que viveram em circos e jardins zoológicos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O país abriu as portas ao primeiro santuário de elefantes da Europa. O Elephant Heaven European Elephant Sanctuary (EHEES) situa-se na região de Nouvelle-Aquitaine, no Parque Natural Regional Périgord-Limousin, e ocupa um espaço de 28 hectares.

O objetivo é cuidar dos animais que outrora viveram em jardins zoológicos ou circos europeus, tratando-os com respeito e incentivando a sua reconexão com o meio natural.

“É o primeiro e único santuário para elefantes na Europa. Uma das razões é porque às vezes, nos jardins zoológicos, os elefantes velhos começam a lutar e é difícil encontrar um sitío para um elefante velho. E também há muitos países que proibiram animais nos circos, mas a questão depois é onde pôr esses elefantes“, explica Tony Verhulst, cofundador do Elephant Haven, à Euronews.

Neste sentido, os voluntários e os visitantes não têm contacto direto com os animais, de modo a garantir a sua tranquilidade e adaptação positiva ao ambiente.

A primeira residente do EHEES chama-se Gandhi, e chegou ao estabelecimento em outubro. Trata-se de um elefante asiático (Elephas maximus) com 52 anos, que viveu grande parte da sua vida em jardins zoológicos na Dinamarca e em França.

Para já, o projeto encontra-se ainda em fase inicial, mas a equipa espera conseguir construir mais celeiros e expandir os seus terrenos, para dar abrigo a mais elefantes.

O santuário foi instalado numa propriedade com 29 hectares de terreno. A adaptação do local para poder receber os inquilinos custou cerca de um milhão de euros.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.