Lagarde passa na primeira votação no Parlamento Europeu. Maioria dá luz verde à ida para o BCE

Christine Lagarde recebeu esta quarta-feira o apoio da maioria dos deputados do Comité Económico e Monetário do Parlamento Europeu, que se reuniu para uma audição à candidata proposta pelo Conselho Europeu para chefiar o Banco Central Europeu (BCE).

Na votação secreta que decorreu ao final da tarde de quarta-feira, Lagarde teve o apoio de 37 deputados e a oposição de 11, tendo-se, ainda, registado 4 abstenções.

Segue-se dentro de duas semanas uma votação no plenário do Parlamento Europeu, confirmando ou não a posição do Comité.

As votações no Parlamento Europeu não são vinculativas, mas são um passo político importante na escolha da ainda diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI) para presidente do BCE, decisão final que será tomada em outubro pelo Conselho Europeu.

Lagarde abandona o FMI a 12 de setembro e, caso seja escolhida finalmente pelo Conselho Europeu, sucederá a Draghi a 1 de novembro.

Christine Lagarde tornou-se, em 2011, na primeira mulher a liderar o FMI, sucedendo a Dominique Strauss-Kahn, outro antigo ministro francês que se demitiu após ser alvo de acusações de agressão sexual contra uma empregada de um hotel nova-iorquino. Se for escolhida para liderar o BCE, será também a primeira mulher a assumir a presidência daquele órgão.

Por enquanto, o banco central da zona euro tem apenas duas mulheres entre os 25 membros do seu orgão máximo, o Conselho de Governadores.

Presença inconfundível, com um discurso acutilante e um estilo aplaudido como distinto, elegante e chique, Lagarde nasceu há 63 anos em Paris e licenciou-se em Direito, tendo uma pós-graduação em Ciência Política.

Começou a exercer advocacia em 1981, contratada pelo escritório internacional de advogados Baker & McKenzie, no qual trabalhou como especialista em questões laborais, de concorrência e fusões e aquisições.

Com o tempo, Christine Lagarde foi subindo na hierarquia da Baker & McKenzie, já nos Estados Unidos, e entrou em 1995 no conselho executivo, tornando-se, quatro anos depois, sua presidente, e tornando-se na primeira mulher a ocupar a direção da firma. Em junho de 2005 deixou a empresa para fazer parte do governo de Nicolas Sarkozy.

Foi nomeada em 2005 para a pasta do Comércio e, dois anos depois, Nicolas Sarkozy escolheu-a para assumir a tutela da Economia e Finanças. Em 2009, o diário Financial Times considerou-a a melhor ministra das Finanças na Europa.

Como ministra francesa das Finanças, presidiu ao Ecofin no segundo semestre de 2008 e depois ao G20 durante a presidência francesa, em 2011.

Quando terminou o seu primeiro mandato de cinco anos no FMI, após ter atuado na primeira linha de gestão da crise da dívida na zona euro, foi reeleita por consenso para um segundo mandato, em julho de 2016, sem que qualquer outro candidato se tivesse apresentado.

Christine Lagarde esteve em Portugal em março, quando participou no Conselho de Estado, que decorreu no Palácio de Belém, em Lisboa, onde a diretora-geral do FMI foi a convidada especial.

Nessa altura, Lagarde elogiou os “enormes progressos” de Portugal, mas frisou que é preciso intensificar esforços para que o País esteja preparado para o futuro. Lagarde é divorciada e mãe de dois filhos.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Astrónomos descobriram um buraco negro "incapaz" de fazer o seu trabalho

Astrónomos descobriram o que pode acontecer quando um buraco negro gigante não interfere na vida de um enxame de galáxias. Usando o Observatório de raios-X Chandra da NASA e outros telescópios, mostraram que o comportamento passivo …

Homem na casa dos 20 anos morre de peste no Novo México

Um homem na casa dos 20 anos morreu de peste septicémica no estado norte-americano do Novo México, anunciaram as autoridades de saúde deste estado. A vítima, cuja identidade não foi revelada publicamente, viva em Rio …

Cara do pintor italiano Rafael reconstruida para resolver mistério do seu túmulo

Uma equipa de especialistas fez uma reconstrução em 3D da cara do pintor italiano renascentista Rafael. Assim, confirmaram o seu aspeto físico e resolveram o mistério relativamente ao seu túmulo. O rosto do pintor italiano Rafael …

Novo método não-invasivo permite diagnosticar cancro cerebral sem fazer incisões

Diagnosticar tumores cerebrais pode ser difícil e muito invasivo. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu um método para detetar cancro no cérebro sem ser necessária qualquer incisão. Os tumores cerebrais são normalmente diagnosticados através de imagens …

A última plataforma de gelo intacta do Canadá colapsou. Criou um icebergue maior do que o Porto

A plataforma de gelo Milne, no Canadá, fragmentou-se no final do mês de julho, formando vários icebergues, dois dos quais de grandes dimensões. Cientistas ouvidos pela agência noticiosa AP referem que esta era uma plataforma especial, …

Ícones da moda de luto: a indústria fashion nunca mais será a mesma

Muitas são as áreas da economia a ser gravemente afetadas pela pandemia de covid-19. A indústria da moda não foge à tendência e já são muitos os líderes de grandes marcas a "declarar morte" à …

Covid-19: Cigarros eletrónicos aumentam riscos de infeção em cinco a sete vezes para jovens

O risco de contrair covid-19 entre adolescentes e jovens adultos que fumam cigarros eletrónicos é cinco a sete vezes superior, segundo um estudo liderado pela faculdade de Medicina da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. O …

Apenas 10% da população escreve com a mão esquerda. Cientistas lutam para explicar porquê

Em praticamente qualquer lugar do globo, apenas 10% das pessoas são canhotas, isto é, têm maior habilidade com o lado esquerdo do corpo, especialmente com a mão, comparativamente com o lado direito. Os cientistas tentam há …

Para reavivar o turismo, esta pequena cidade está a contar com a ajuda dos "vampiros"

A pequena cidade de Forks, em Washington, nos Estados Unidos, é lar de 3.600 pessoas, cujos meios de subsistência nos últimos 15 anos foram impulsionados por uma indústria do turismo alimentada por "Crepúsculo", a série …

Tim Cook acaba de se juntar ao clube dos milionário à boleia de recorde histórico da Apple

O diretor-executivo (CEO) da Apple, Tim Cook, acaba de se juntar à lista de multimilionários do mundo, depois de a gigante tecnológica norte-americana atingir um valor de mercado histórico. De acordo com os cálculos da …