Jovem saudita que apareceu de mini-saia em vídeo foi libertada sem acusação

A jovem de origem saudita que causou polémica nas redes sociais por surgir apenas de mini-saia num vídeo foi libertada sem acusação.

A polícia saudita tinha detido na terça-feira para interrogatório a jovem que aparece num vídeo, partilhado nas redes sociais, a passear numa cidade histórica de Ashkir vestida com uma mini-saia e um top curto.

Segundo o Público, a mulher, conhecida apenas por Khulood, foi detida pelas autoridades e o caso foi remetido para o procurador, pois a indumentária utilizada por si violaria o rígido código de conduta da Arábia Saudita, sendo por isso considerada “roupa indecente”.

Depois de algumas horas sob detenção, Khulood foi libertada sem acusação de qualquer crime, informou em comunicado o ministro da Informação saudita, citado pela comunicação social local.

O vídeo que gerou polémica foi publicado num primeiro momento no Snapchat e rapidamente se espalhou pela Internet. A protagonista negou que tenha sido responsável pela partilha das imagens, garantindo à polícia que as imagens foram partilhadas a partir da sua conta no Twitter sem o seu conhecimento.

Enquanto que alguns utilizadores pediram a prisão da mulher por desrespeitar o código de vestuário local e a chamaram obscena, outros surgiram a apoiar a rapariga, defendendo o direito individual sobre o corpo e a sua coragem.

A jovem recebeu também o incentivo de vários internautas, que exaltaram a coragem e não consideraram o vídeo um crime que deveria acabar em prisão. Alguns apontaram que seria a beleza da jovem a chamar a atenção.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Grávidas sem covid-19 voltam a ter acompanhantes no Hospital de Santa Maria

A suspensão, que decorria desde há 2 semanas no Hospital de Santa Maria, foi levantada "a pensar nos enormes benefícios para as grávidas nesse momento único", devido à "introdução de colheitas sistemáticas do novo coronavírus". As …

Miranda Sarmento acusa ministro da Economia de ter faltado à verdade

Joaquim Miranda Sarmento considera que o ministro da Economia "disse duas coisas que não são verdade" ao comentar as 18 propostas apresentadas pelo PSD esta segunda-feira. Em entrevista à Rádio Observador, Joaquim Miranda Sarmento, Presidente do …

Hospital da Cruz Vermelha acusa Francisco George de pôr em risco sobrevivência da unidade

Clínicos do Hospital da Cruz Vermelha Portuguesa (HCVP) acusam Francisco George de estar a colocar em risco "a sobrevivência clínica e económica" daquela unidade de saúde de Lisboa. Mais de 50 clínicos do Hospital da Cruz …

André Ventura acredita que será reeleito

A demissão do líder do Chega deverá ser feita oficialmente esta semana, mas André Ventura acredita que será reeleito com o apoio das distritais, das regionais e dos militantes. O líder da distrital do Porto apresentou …

Primeira linha de crédito de 400 milhões de euros para empresas já esgotou

A primeira linha de crédito criada pelo Governo para apoiar empresas, no âmbito da crise desencadeada pela pandemia de covid-19, já esgotou. De acordo com o semanário Expresso, já não estão a ser aceites candidaturas para …

Recém-nascidos vão poder ser registados pela Internet

O registo de recém-nascidos vai poder ser feito através da plataforma digital dos Serviços da Justiça, de modo a evitar as saídas de casa. Os balcões "Nascer Cidadãos", que garantiam o registo de bebés após o …

Quase 30% dos brasileiros diz não fazer isolamento social

Quase um terço dos brasileiros não faz isolamento social para evitar a proliferação do novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, segundo uma sondagem divulgada pelo Instituto Datafolha. De acordo com os inquéritos feitos pelo Instituto …

Sindicato dos magistrados do MP quer legislação para dispensa de autópsias

O Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP) defende a criação de uma legislação temporária para a dispensa de autópsias médico-legais durante a pandemia de Covid-19. De acordo com o Observador, numa carta aberta enviada à …

Rússia nega "categoricamente" subornos na atribuição do Mundial 2018

Esta terça-feira, Dmitri Peskov, porta-voz do Kremlin, disse que o Mundial 2018 de futebol foi atribuído pela FIFA de “forma absolutamente legal”. A Presidência russa negou “categoricamente”, esta terça-feira, a existência de qualquer tipo de subornos …

Na Nova Zelândia, nem a covid-19 vai parar o Coelho da Páscoa. É um "trabalhador essencial"

Este ano, na Nova Zelândia, nem a covid-19 vai parar o Coelho da Páscoa. Esta segunda-feira, Jacinda Ardern, primeira-ministra do país, classificou o famoso coelho como um "trabalhador essencial". Segundo a primeira ministra neozelandesa, o Coelho …