Inteligência artificial pode diagnosticar precocemente doenças cardíacas e cancro do pulmão

Investigadores de um hospital de Oxford, no Reino Unido, desenvolveram uma inteligência artificial capaz de fazer diagnósticos a partir de exames para doenças cardíacas e cancro do pulmão. O sistema pode poupar milhões de euros ao permitir que esses males sejam detetados precocemente.

A tecnologia para problemas no coração estará disponível gratuitamente no sistema público de saúde britânico, o NHS, a partir do fim do primeiro semestre de 2018. Segundo o governo, isso pode “salvar o NHS” ao reduzir em 50% os 2,2 mil milhões de libras (cerca de 2,4 mil milhões de euros) gastos anualmente com serviços de análise de patologias.

Atualmente, os cardiologistas conseguem dizer se há um problema a partir do ritmo de batidas do coração identificado em exames. Mas até mesmo os melhores médicos falham em um a cada cinco casos. Os pacientes acabam por ser mandados para casa e têm um ataque cardíaco ou passam por cirurgias desnecessárias.

O sistema criado pelo hospital John Radcliffe faz um diagnóstico baseado nestes exames com maior precisão e consegue detetar detalhes invisíveis aos olhos humanos. O sistema dá recomendações ao concluir que o paciente corre o risco de ter um infarte.

A tecnologia passou por testes clínicos em seis unidades cardíacas. Os resultados serão publicados este ano numa revista científica depois de serem revistos por especialistas, mas o cardiologista Paul Leeson, que desenvolveu o sistema, diz que os dados apontam que a técnica superou em muito a performance de médicos.

“Como cardiologistas, aceitamos que nem sempre acertamos. Mas, agora, há a possibilidade de fazer melhor”, afirma Leeson à BBC.

Hoje, são feitos 60 mil exames cardíacos por ano no Reino Unido, dos quais 12 mil são diagnosticados incorretamente. Estima-se que isso custe 600 milhões de libras (674 milhões de euros) ao NHS em operações desnecessárias e com o tratamento de quem teve um enfarte depois de passar por exames.

Chamado Ultromics, o sistema foi treinado para identificar problemas em potencial ao ser alimentado com dados de exames de mil pacientes tratados por Leeson nos últimos sete anos, junto com informações sobre se tiveram problemas cardíacos depois. Os resultados apontam que pode gerar uma economia de 300 milhões de libras anuais.

Outro sistema em desenvolvimento procura por sinais de cancro do pulmão, como nódulos, nome dado a um aglomerado de células. Os médicos não conseguem dizer se os nódulos são benignos ou se podem tornar-se tumores, então, os pacientes precisam de fazer mais exames para acompanhar o progresso.

No entanto, testes clínicos mostraram que a inteligência artificial é capaz de identificar os casos inofensivos, levando o NHS a economizar dinheiro e, aos pacientes, vários meses de ansiedade. Também pode fazer um diagnóstico precoce do cancro do pulmão.

O sistema também está a ser comercializado pela empresa Optellium. Timor Kadir, diretor de ciência de tecnologia da companhia, afirma que os testes feitos em Manchester apontam que mais de 4 mil casos podem ser diagnosticados mais cedo e, assim, aumentar as probabilidades de sobrevivência deste pacientes.

“Num sistema de recursos limitados como o NHS, em vez de nos concentrarmos na economia de custos, estamos a investigar como oferecer um serviço de saúde melhor para as pessoas pelo mesmo dinheiro. Esse é o potencial da inteligência artificial no Reino Unido”.

Kadir estima que um sistema de diagnóstico de tumores pulmonares pode reduzir em 10 milhares de milhões de libras os gastos na área se for adotado nos Estados Unidos e na União Europeia.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Líder da extrema-direita alemã abandona entrevista depois de ter sido comparado a Hitler

Björn Höcke, líder do partido de extrema-direita AfD no estado federado da Turíngia, abandonou uma televisiva após ter sido comparado a Adolf Hitler. O líder do partido de extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD) no estado …

Sobe para sete o número de vítimas mortais do mau tempo em Espanha

O cadáver de um holandês de 66 anos que desapareceu no domingo durante as inundações no sudeste de Espanha foi encontrado esta terça-feira, o que eleva para sete o número de mortes devido ao mau …

Universidade de Coimbra elimina carne de vaca das cantinas

A Universidade de Coimbra (UC) vai eliminar o consumo de carne de vaca nas cantinas universitárias a partir de janeiro de 2020, anunciou esta terça-feira o reitor, Amílcar Falcão. Este será o primeiro passo para, até …

Ângelo Rodrigues já fez a primeira cirurgia de reconstrução da perna

O ator Ângelo Rodrigues está internado no Hospital Garcia de Orta devido a uma infeção provocada por uma bactéria. Realizou uma cirurgia de reconstrução de parte da perna esquerda e está "em plena recuperação". Ângelo Rodrigues …

Guaidó questiona novo diálogo com o regime e alerta que crise se intensificará

O presidente da Assembleia Nacional diz que “nunca houve diálogo” entre o Governo de Nicolás Maduro e a oposição porque ao regime “não lhe interessava solucionar”. O líder político opositor Juan Guaidó questionou esta segunda-feira …

150 tigres foram resgatados de um templo na Tailândia. Mais de metade não sobreviveu

Mais de metade dos 150 tigres resgatados há três anos num templo budista em Kanchanaburi, no oeste da Tailândia, morreram, segundo os media locais. Em causa estiveram problemas relacionados com a consanguinidade, uma vez que foram …

Holanda. Mudanças na legislação fiscal sobre empresas para corrigir imagem de paraíso fiscal

O governo holandês deve apresentar esta terça-feira, no reinício dos trabalhos parlamentares, uma modificação da lei sobre a taxação dos lucros das multinacionais, com o intuito de corrigir a imagem de paraíso fiscal para os …

ISEP acaba com venda de garrafas de água de plástico

O Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP) vai, a partir desta segunda-feira, “acabar com a venda de garrafas de água de plástico de 33 centilitros” no campus, uma vez que, anualmente, são consumidas quase …

Procuradores de Nova Iorque querem a declaração de impostos de Donald Trump

É a primeira vez, em quase 40 anos, que um Presidente dos Estados Unidos (EUA) não exibe a declaração de impostos. Donald Trump negou-o durante a campanha presidencial de 2016 mas agora procuradores de Nova …

Políticos de PS e PSD envolvidos no negócio milionário da canábis

Os ex-ministros Jaime Gama, do PS, e Ângelo Correia, do PSD, têm ligações a empresas que obtiveram licença para a produção em Portugal de canábis para fins medicinais. Um negócio milionário que já é conhecido …