IKEA desenvolve linha inspirada nos desafios de viver em Marte

(cv) MarsOneProject

A Estação de Pesquisa do Deserto de Marte (MDRS) é um habitat marciano simulado em Utah, nos Estados Unidos (EUA), propriedade da Mars Society. Trata-se de uma instalação de pesquisa na qual os cientistas vivem como se estivessem em Marte.

Há dois anos, um grupo de designers do IKEA passou três dias no MDRS com o intuito de retirar ideias para desenvolver produtos adequados a espaços pequenos. Mas, na realidade, acabaram por utilizar a sua experiência para ajudar a mobilar a estação, noticiou o Universe Today.

Ao início, a equipa queria perceber como os designers decoram as naves e as estações espaciais, de forma a criar produtos para pequenos alojamentos, uma realidade para muitas pessoas no mundo. Esses espaços devem ser práticos e confortáveis para quem os habita. O mesmo acontece com os astronautas em missões espaciais de longa duração.

“Era muito evidente que todos os valores humanos que consideramos óbvios não foram levados em consideração, como comer em conjunto, desfrutar de atividades divertidas e, principalmente, ter privacidade”, disse a designer do IKEA, Christina Levenborn, depois de a equipa deixar a MDRS.

Naves, estações espaciais e estações de pesquisa – como a MDRS – são projetadas tendo em consideração, primeiramente, as questões técnicas. “É claro que há muita tecnologia necessária nesses locais mas, mais interessante é que os aspectos técnico podem falhar a qualquer momento devido ao clima emocional nos mesmos”, indicou outro dos designers.

Como acontece com uma casa, uma estação de pesquisa contém espaços de grupo e espaços privados. A equipa do IKEA concentrou-se em tornar os dois ambientes mais convidativos, confortáveis ​​e práticos.

Foi então desenvolvida a linha Rumtid, que se traduz como espaço-tempo. A Rumtid inclui quatro palavras: espaço, tempo, água e ar. Mas o trabalho dos designers não terminou com a nova linha de produtos. Criaram igualmente layouts de interiores e estratégias de design para tornar o MDRS mais habitável, eficaz e confortável.

“Quando chegamos lá, a condição era um pouco surpreendente. Esperávamos que fosse mais moderno”, explicou outro designer.

Segundo o Universe Today, a equipa desenvolveu espaços de grupo harmoniosos, criando ainda uma sensação de privacidade nos espaços pessoais, o que não é fácil em lugares tão apertados. Para tal, utilizaram móveis modulares com rodas, prateleiras e iluminação quente para, tornando assim o espaço “mais caseiro”.

“Tentamos trabalhar com produtos para espaços pequenos, que poderiam ser organizados de maneira flexível e multifuncional. Trouxemos produtos sobre rodas para a vida móvel, bancos para assentos e superfícies de mesa e cadeiras empilháveis ​​para economizar espaço”, referiu Christina Levenborn, no blog da empresa.

Como notou o Universe Today, as missões bem-sucedidas no espaço dependem de principalmente de requisitos técnicos. Mas os astronautas ainda são pessoas e, embora estejam focados, proporcionar-lhes algum conforto ajuda a que se preparem melhor.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Uma cidade chamada "amianto" está a tentar mudar o nome (e a discussão tornou-se tóxica)

Há uma cidade no Canadá chamada Asbesto - um material de construção altamente tóxico. Os habitantes da cidade não estão felizes com este nome, mas a sua mudança também não está a ser fácil. De acordo …

FC Porto 3-1 Braga | Entrada de “dragão”

O FC Porto iniciou a defesa do título nacional com uma vitória importante sobre o Sporting de Braga por 3-1. Os minhotos marcaram primeiro no Dragão, por um ex-portista, mas os descontos do primeiro tempo foram …

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …

Diogo Jota no Liverpool

O Liverpool oficializou hoje a contratação do futebolista internacional Diogo Jota, de 23 anos, num contrato “de longa duração”, sem especificar a duração. A imprensa inglesa tem adiantado que o jogador vai assinar por cinco épocas, …

Companhia aérea australiana oferece voos de 7 horas (para lugar nenhum)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou recentemente planos para um voo panorâmico de sete horas que fará um loop gigante em Queensland e Gold Coast, New South Wales e os remotos centros do interior do …

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …