Grécia recua e diz que não pode aplicar as medidas que acordou com a Troika

Orestis Panagiotou / EPA

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras

Uma semana depois de ter acordado um plano com mais medidas de austeridade com os credores europeus e com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a Grécia recua e diz que não tem condições para cumprir aquilo com que se comprometeu.

A agência Reuters noticia que o governo de Atenas já informou os credores internacionais de que não pode implementar algumas das medidas acordadas há apenas uma semana. Esta ideia terá sido transmitida pelo ministro das Finanças, Euclid Tsakalotos, através de uma carta enviada à Comissão Europeia, ao BCE e ao FMI.

Na Grécia, a imprensa vai anunciando que Alexis Tsipras, o primeiro-ministro grego, não tem condições para conseguir apoio parlamentar para aprovar, nomeadamente, a redução nos complementos de pensão e a privatização da companhia estatal de electricidade, medidas impostas pelos credores.

A forma como gerir o crédito mal-parado na banca, outros dos pontos abordados com a Troika, despoleta divergências inclusive no seio do próprio Syriza, o partido de Tsipras.

Este aparente recuo grego, após um acordo que demorou meses a negociar, pode atrasar ainda mais a disponibilização de 10.3 mil milhões de euros, em pagamentos faseados, ao governo grego, dinheiro que é fundamental para o país poder pagar ao FMI e ao BCE créditos que vencem neste mês de Junho.

ZAP

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Estes gregos radicais de esquerda são uns troca-tintas e deviam ser expulsos da EU, não estão cá a fazer nada, só a atrapalhar.

  2. Somos os maiores
    na hora de dizer que não
    um dia temos dinheiro,
    no outro não temos tostão

    E assim os gregos,
    de carteira vazia,
    olham para o poder
    e ficam com azia

    por lá e por cá
    há dívidas para pagar
    lá… não sei se pagam
    por cá… ainda as hão-de pagar

  3. O Troca-Tintas Stipras ainda não percebeu que está a mais no governo grego, por um lado rompeu com todas as promessas feitas aos gregos e agora transformado em cachorro-manso continua nas suas trocas e baldrocas como uma criancinha a divertir-se com um adulto, feitas as contas nem o povo grego pode confiar nele para nada nem a Europa, por outro lado anda agora a arranjar namoro com o Putin e só me admira a mim como ainda alguém tem pachorra para aturar um comediante destes, porque não seguiu logo o caminho que anunciava na campanha eleitoral, saída da Grécia do euro e UE?

RESPONDER

50 anos de monarquia e uma guerra de dias. A pandemia "matou" a micronação mais antiga da Austrália

O reinado de 50 anos de uma micronação na Austrália chegou ao fim devido ao impacto económico da pandemia de covid-19, que fez com que o autodeclarado principado se rendesse ao país. Hutt River, um principado …

NASA vai rebatizar planetas e outros corpos celestes com nomes ofensivos

A agência espacial norte-americana (NASA) anunciou que vai rebatizar alguns planetas, galáxias e outros corpos celestes que possuem nomes "ofensivos". Em comunicado publicado esta quinta-feira, a NASA explica que vai abandonar os nomes "não-oficiais" a …

O maior parque de crocodilos da Índia está à beira da falência. Abriga mais de 2.000 animais

O maior parque de crocodilos da Índia, localizado perto da cidade de Chennai, no sul do país asiático, encontra-se à beira da falência depois de a pandemia de covid-19 ter obrigado a fechar o espaço …

Campanha científica acrescenta mais de 37 mil quilómetros quadrados ao mapa do mar português

A campanha científica que o navio hidro-oceanográfico D. Carlos I da Marinha Portuguesa realizou durante nove semanas nos Açores, para levantamentos hidrográficos, permitiu “acrescentar cerca de 37.500 quilómetros quadrados sondados ao mapeamento do mar português”. Numa …

Apesar dos alertas, houve quem plantasse as sementes misteriosas da China (e já começaram a crescer)

Durante as últimas semanas, pessoas em todo o mundo têm recebido, sem ter encomendado, nas suas caixas de correio sementes com origem na China. Apesar dos avisos em contrário, houve quem plantasse os misteriosos presentes. As …

Marcelo veta redução de debates sobre a Europa. Não foi uma "solução feliz"

O Presidente da República vetou esta segunda-feira a redução do número de debates em plenário para o acompanhamento do processo de construção europeia de seis para dois por ano, defendendo que não foi uma “solução …

Boris Johnson admite alargar quarentena a mais países

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, admitiu esta segunda-feira alargar o sistema de quarentena a pessoas que cheguem de países atualmente isentos para reduzir o risco de infeção com a doença covid-19 no Reino Unido. "No contexto …

Novo lay-off. Ajuda da Segurança Social para pagar subsídios de Natal pode chegar só em 2021

O apoio ao pagamento do subsídio de Natal previsto pelo Governo para apoiar as empresas no âmbito do novo regime de lay-off, que entrou em vigor em agosto, poderá só ser pago pela Segurança Social …

Trump abandona conferência de imprensa após ser confrontado por jornalista com mentira que disse 150 vezes

O Presidente norte-americano abandonou uma conferência de imprensa, este sábado, depois de ter sido confrontado por uma jornalista com uma mentira que já terá dito mais de 150 vezes sobre cuidados de saúde para os …

Olavo Bilac pede desculpa por ter atuado num comício do Chega

O cantor Olavo Bilac recorreu à sua conta de Facebook para pedir desculpa aos seus fãs e aos seres pares do setor por ter atuado num comício do Chega, frisando não ter qualquer relação com …