Grécia quer financiamento rápido em troca de avanços nas negociações

linkeimep / Flickr

Alexis Tsipras, primeiro-ministro da Grécia

Alexis Tsipras, primeiro-ministro da Grécia

A Grécia pediu hoje aos credores para lhe adiantarem dinheiro em troca dos progressos recentemente alcançados nas negociações, garantindo que “já não há liquidez na economia grega”.

“Os avanços registados devem constituir um passaporte para uma flexibilização do financiamento da economia grega”, afirmou num encontro com jornalistas em Atenas Gabriel Sakellaridis, porta-voz do primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras.

Segundo Sakellaridis, Atenas quer “chegar a um acordo global com os credores até ao fim de maio ou de junho, um acordo que tenha a maior duração possível” e sem passar necessariamente por um acordo intermédio.

Questionado sobre se o acordo global incluiria uma renegociação da dívida, Sakellaridis respondeu: “É o governo que decidirá o momento oportuno para colocar essa questão”.

O porta-voz reconheceu que “já não há liquidez na economia grega” e que “não se pode avançar com reformas eficazes num estado de asfixia financeira”.

“Para nós é importante que a libertação de financiamento ocorra o mais depressa possível”, insistiu, acrescentando que “hoje” seria a data desejável.

Sakellaridis disse ainda que nas propostas apresentadas aos credores, o governo grego fez “concessões”.

“Não podemos aceitar os ataques alegando que só apresentamos ideias e nenhuma proposta concreta”, adiantou.

O porta-voz sugeriu que pode ser alcançado um acordo “nos pontos em que há entendimento, deixando as questões divergentes para uma nova ronda de negociações“, mas fonte europeia afirmou que não se coloca a hipótese de dividir as reformas em pacotes.

Após três dias de negociações no Grupo de Bruxelas, que inclui representantes do governo grego e dos credores europeus e do Fundo Monetário Internacional, há ainda reuniões previstas até quarta-feira.

As negociações parecem decorrer num ambiente mais desanuviado depois da remodelação da equipa negocial grega, que passou a ter como coordenador Euclides Tsakalotos.

Atenas enfrenta problemas de liquidez devido a um impasse nas negociações com os credores (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional) que tem atrasado a transferência para os cofres gregos de uma parcela de 7,2 mil milhões de euros do empréstimo concedido em 2012.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …