Gotas de potássio são o líquido mais diluído do universo

Uma equipa de físicos do Instituto de Ciências Fotónicas (ICFO) em Barcelona, Espanha, criou gotículas 100 milhões de vezes mais finas do que a água.

Este líquido mantém-se unido através de estranhas leis quânticas, em fenómeno inédito até agora. A descoberta já foi publicada na revista Science na quinta-feira.

As “esquisitas” gotas surgiram no estranho, microscópico mundo de uma rede laser, uma estrutura ótica usada para manipular objetos quânticos, no laboratório espanhol.

Os cientistas concluíram que eram verdadeiros líquidos: substâncias que mantêm o volume independentemente da temperatura externa e que formam gotas em pequenas quantidades, o que está em oposição aos gases, que se espalham para encher os recipientes.

No entanto, as gotículas eram muito menos densas do que que qualquer líquido existente em circunstâncias normais, porque mantinham o estado líquido através de um processo conhecido como flutuação quântica.

Os cientistas esfriaram átomos de potássio a menos 273,15º Celsius, perto do zero absoluto. A essa temperatura, os átomos formaram um condensado de Bose-Einstein, um estado da matéria no qual os átomos frios se acumulam e começam a sobrepor-se fisicamente.

Esses condensados são interessantes porque as suas interações são dominadas por leis quânticas.

Quando os investigadores juntaram dois desses condensados, estes formaram gotículas, unindo-se para preencher um volume definido. Mas, ao contrário da maioria dos líquidos, que mantêm a forma através das interações eletromagnéticas entre moléculas, essas gotículas mantiveram as formas através de um processo conhecido como “flutuação quântica”.

A flutuação quântica surge do princípio de incerteza de Heisenberg, que afirma que as partículas são basicamente probabilísticas – não possuem um nível de energia ou espaço, mas podem estar em vários níveis de energia e locais possíveis. Essas partículas agem um pouco como se estivessem “a saltar” por todos os locais e energias possíveis ao mesmo tempo, aplicando pressão sobre os vizinhos.

Devido a todas as pressões, essas partículas tendem a atrair-se mais do que a repelir-se e essa mesma atração liga-as em gotículas.

As novas gotículas são únicas porque a flutuação quântica é o efeito dominante que as mantém no estado líquido. Outros “fluidos quânticos”, como o hélio líquido, demonstram esse efeito, mas também envolvem forças muito mais poderosas que os atraem mais.

As gotículas de condensado de potássio, no entanto, não são dominadas por essas forças e possuem partículas de interação fraca. Logo, espalham-se em espaços muito maiores, mesmo que mantenham as formas de gotículas.

Em comparação com as gotículas de hélio similares, o líquido é de duas ordens de grandeza maior e oito ordens de magnitude mais diluído, o que é bom para os cientistas em geral, uma vez que as gotículas de potássio podem resultar em modelos de líquidos quânticos muito melhores para experiências futuras.

No entanto, as gotículas quânticas têm os seus limites. Se tiverem poucos átomos envolvidos, desmoronam, evaporando no espaço circundante.

PARTILHAR

RESPONDER

Físicos já conseguem espreitar o gato de Schrödinger sem o matar

Pode haver uma forma de espreitar o gato de Schrödinger - a famosa experiência mental baseada em felinos que descreve o comportamento misterioso das partículas subatómicas - sem matar permanentemente o animal hipotético. O gato de …

Acesso à Internet deve ser considerado direito humano básico

Uma nova investigação, levada a cabo pela Universidade de Birmingham, no Reino Unido, concluiu que acesso à Internet deve ser um direito humano básico, pois significa a capacidade participar na vida pública. Merten Reglitz, professor de …

Fórmula 1 quer atingir emissões zero de CO2 até 2030

A Fórmula 1 pretende reduzir a zero as emissões de CO2 até 2030, com base num plano que pretende “pôr em marcha de imediato”, anunciou esta terça-feira a Federação Internacional do Automóvel (FIA). O plano divulgado …

A Tesla vai lançar a sua misteriosa pickup “cyberpunk” elétrica ainda este mês

A nova Tesla Cybetruck já tem data de lançamento após um longo tempo de espera. O fundador da empresa, Elon Musk, anunciou que a carrinha "pickup" será revelada no dia 21 de novembro. O anúncio foi …

Asteróide "potencialmente perigoso" aproxima-se da Terra esta quarta-feira

Um asteróide com 147 metros de diâmetro, caracterizado pela NASA como "potencialmente perigoso" vai aproximar-se da Terra esta quarta-feira. Em causa está o corpo rochoso UN12 2019, explica a agência espacial norte-americana, dando conta que o …

Encontrado submarino da II Guerra Mundial que esteve perdido durante 75 anos (devido a um erro de tradução)

Uma equipa de exploradores oceânicos privada encontrou na costa do Japão um submarino do exército norte-americano do tempo da II Guerra Mundial, que estava desaparecido há 75 anos por causa de um erro num dígito …

Uma casa esteve a afundar-se no Tamisa para alertar para a subida do nível dos oceanos

No passado domingo, quem passou junto ao rio Tamisa, em Londres, não deverá ter ficado indiferente à típica casa dos subúrbios ingleses que se afundava perto da Tower Bridge. Felizmente, de acordo com a agência Reuters, …

A defesa de Lage é a melhor do Benfica em quase 30 anos

A defesa de Bruno Lage leva apenas quatro golos sofridos em 11 jornadas, o que faz dela a melhor defesa do campeonato e a melhor do Benfica desde a temporada de 1990/1991, escreve o jornal …

OE2020. “Não vamos para negociar”, esclarece Jerónimo de Sousa

O PCP vai reunir esta quarta-feira com o Governo com vista ao Orçamento de Estado para 2020. Jerónimo de Sousa esclareceu esta terça-feira que os comunistas não vão para negociar, sendo "manifestamente exagerado dizer que …

Benjamin "morreu" enquanto cumpria pena de prisão perpétua. Agora está vivo e quer a liberdade

Um norte-americano, de 66 anos, que cumpre pena de prisão perpétua por ter espancado um homem até à morte em 1996, pretendia ser libertado, uma vez que o seu coração parou por breves instantes. Em 1996, …