Geólogos encontram minerais extraterrestres em ilha escocesa

Uma secção do lugar da colisão do meteorito, na ilha Skye.

Ao analisar uma camada grossa de um antigo fluxo de lava, geólogos britânicos descobriram que nenhum dos minerais estudados pertenciam ao planeta Terra.

Segundo uma investigação publicada na revista Geology, uma equipa de geólogos britânicos descobriu formas minerais nunca antes vistas na Terra, no local onde um meteorito atingiu a ilha Skye, na Escócia, há 60 milhões de anos.

Quando analisavam uma camada grossa de um antigo fluxo de lava na ilha, os geólogos Simon Drake e Andy Beard, investigadores da Universidade de Londres, ficaram surpreendidos ao encontrar uma rocha com uma aparência estranha, que nunca tinham observado antes.

De acordo com a Newsweek, após uma análise posterior com microssondas eletrónicas, a equipa detetou minerais que levaram os cientistas a acreditar que se tratava de uma rocha de origem extraterrestre.

“A evidência mais convincente é a presença de osbornite, rica em nióbio e vanádio. Antes desta descoberta, nenhum destes minerais tinha sido encontrado na Terra”, disse Drake à revista norte-americana.

Em 2004, a nave espacial Stardust, da NASA, encontrou osbornite rica em vanádio na poeira espacial deixada na trilha do cometa  Wild 2 4,5 mil milhões de anos.

Além destas formas minerais, a equipa explica que a osbornite não se fundiu, o que significa que provavelmente é parte original do meteorito.

A ilha Skye é de particular interesse para os geólogos, porque teve origem durante um período de extrema atividade vulcânica. A ilha foi formada quando o magma emergiu das profundezas da Terra e quebrou a crosta, e os cientistas acreditam que o mesmo evento tenha sido responsável, também, pela atual Islândia.

Mas, de acordo com Simon Drake, é de particular interesse descobrir o que, em primeiro lugar, terá causado este evento. “Embora não possamos dizer que a evolução vulcânica de Skye se tenha iniciado devido a um meteorito, acreditamos que foi definitivamente um motor para esse impacto“, concluiu Drake.

Além de ter contribuído para a atual riqueza mineral do planeta, a queda de meteoritos poderá ter sido, defendem os cientistas, o “gatilho” que desencadeou a vida na Terra.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. “há 60 milhões de anos atrás” e “há 4,5 mil milhões de anos atrás” são mostras de bom português, até porque tudo se poderia ter passado há alguns milhões de anos à frente…

Responder a Pete Cancelar resposta

Depois da polémica, Hank Azaria deixa de dar voz a Apu dos "Simpsons"

O ator que dá voz à personagem indiana Apu Nahasapeemapetilon, da série "Os Simpsons", anunciou que vai deixar de o fazer, depois de vários anos de polémica. Segundo a BBC, Hank Azaria anunciou, este fim-de-semana, que …

"Parasite" vence prémio principal do Sindicato dos Atores dos EUA

O filme do realizador sul-coreano Bong Joon-ho venceu, no domingo, o prémio mais importante do Sindicato dos Atores dos Estados Unidos (SAG), tornando-se o primeiro filme em língua estrangeira a receber tal distinção. A comédia negra …

Cientistas criam método inovador para tratamento de lesões agudas da pele

Investigadores do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) de Coimbra desenvolveram um método “inovador e sensível à luz”, que poderá ser útil no tratamento de lesões agudas da pele. Um grupo de investigadores do CNC …

Elon Musk quer enviar 10 mil pessoas a Marte até 2050

O CEO da Space X, Elon Musk, quer construir cem naves por ano e levar pelo menos dez mil pessoas a Marte até 2050, embora os protótipos das naves espaciais Starship ainda estejam sujeitos a …

Como será um iPhone daqui a um milhão de anos? Artista mostra o impacto de lixo eletrónico

https://vimeo.com/386000590 A exposição The World After Us: Imaging techno-aestethic futures tem instalações onde se pode ver a natureza a tomar conta de telemóveis, computadores, tablets e outros dispositivos, mostrando que dificilmente se desintegrarão nos próximos anos. Os …

Marca japonesa acusada de apropriação cultural por perucas de modelos

A marca japonesa Comme Des Garçons foi acusada de apropriação cultural devido às perucas usadas pelos seus modelos caucasianos num desfile na Paris Fashion Week, em França. De acordo com a BBC, as perucas com tranças …

Índia suspende a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop

As autoridades estatais do estado indiano de Maharashtra decidiram suspender a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop, que iria ligar as movimentadas cidades de Bombaim e Pune. O Governo local decidiu não avançar para …

Regina Duarte inicia "período de testes" na Secretaria da Cultura do Brasil

A atriz brasileira afirmou, esta segunda-feira, que iniciou um "período de testes" na Secretaria Especial da Cultura, pasta que foi convidada a liderar após a exoneração de um governante que parafraseou um discurso nazi. "Nós vamos …

Malásia devolve 150 contentores ilegais de lixo a países desenvolvidos

As autoridades da Malásia anunciaram, esta segunda-feira, que devolveram 150 contentores ilegais de lixo para os seus países de origem e afirmaram que não se querem tornar num "aterro sanitário" dos países desenvolvidos. Os países da …

Vietname contorna Huawei ao desenvolver tecnologia própria para o 5G

O maior grupo de telecomunicações do Vietname vai implementar este ano o 5G com recurso à sua própria tecnologia, contornando os chineses da Huawei, num sinal das implicações geopolíticas da rede de quinta geração. A empresa …