Um dos gatos mais pequenos do mundo “chilreia” como um pássaro

É conhecido por ser o “gato mais pequeno das Américas”. Agora, graças ao projeto Photo Ark, da National Geographic, também já sabemos como soa.

O gato-chileno (Leopardus guigna) é conhecido por ser o gato mais pequeno do continente americano e pode ser encontrado nas florestas temperadas do Chile e da Argentina.

Recentemente, como conta o site Live Science, esta espécie rara juntou-se às 10 mil já fotografadas para o projeto Photo Ark, uma base de dados da National Geographic para celebrar a biodiversidade animal.

Para além das fotografias de Joel Sartore, a sessão fotográfica produziu também aquela que será a primeira gravação conhecida da “voz” deste felino que, curiosamente, se assemelha ao chilrear de um pássaro.

Segundo o site IFLScience, o espécime fotografado pertence à Fauna Andina, uma reserva de vida selvagem e centro de reabilitação no Chile.

De acordo com a Animal Diversity Web, base de dados mantida pelo Museu de Zoologia da Universidade do Michigan, o gato-chileno pesa entre dois e três quilos e tem até 52 centímetros de comprimento. Tem garras e patas grandes, o que o ajuda a subir às árvores.

A Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) coloca as duas subespécies conhecidas da Leopardus guigna no grupo das vulneráveis à extinção, em grande parte por causa da redução do seu habitat.

ZAP //

PARTILHAR

23 COMENTÁRIOS

  1. Já vi gatos domesticos muito menores. Ele deve ser o menor gato de especie selvagem. Tem que explicar melhor para todos entenderem.

    • Olá, creio que não seria necessário dizer isso pois os gatos domésticos não são originais das Américas, foram levados para lá, esse gato por outro lado é uma espécie nativa, sendo por hora a menor já encontrada nas Américas.

      • Cara Ana, está tão bem escrito (em português de Portugal) “gato mais pequeno” como está incorrecto o que escreveu ao referir “sendo por HORA a menor” pois a palavra que a Ana pretendeu utilizar – ora – que significa o mesmo que por agora, não tem a letra h no seu início.

        Vicissitudes da língua de Camões.

  2. Brasileiros tem preguiça de olhar a url e ver que o site é de Portugal, logo, o português de lá é diferente do português brasileiro. Mais pequeno, em Portugal está correto.

  3. “Mais pequeno” é a forma correcta em Portugal (é uma excepção gramatical) e é também aceite como forma correcta no Brasil (ainda que seja mais popular por lá o “menor”).

    Por isso os comentários que por aqui andam não são maus por serem de brasileiros, são maus por serem de analfabetos.

  4. Muito bem respondido João, a maioria dos brasileiros amam criticar mas tem a plena preguiça de fazer uma leitura mais ampla e por fim, são maus também por serem mal educados.

  5. A grande questão é, se o site fosse brasileiro, haveria tantos portugueses a questionar o sentido léxico de uma frase? Ou interessavam-se pelo conteúdo em si???

  6. Ninguém tem preguiça não, colega , muitos brasileiros são muitos trabalhadores, podem ter tido desatenção . Ê para com esse arzinho de superioridade. Pessoas são iguais, independente do país.

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …