/

Fraldas com jóias de Gwyneth Paltrow geram polémica — mas servem uma boa causa

(dr) Goop

A luxuosa fralda “Diapér”, da Goop.

A Goop criou fraldas encrostadas com jóias pelo preço de 120 dólares. Tudo não passou de uma forma de protesto contra o imposto sobre fraldas.

Gwyneth Paltrow é uma atriz galardoada conhecida por filmes como “A Paixão de Shakespeare” ou “Instantes Decisivos”. Desde 2020, a norte-americana deixou a indústria cinematográfica para se aventurar como empreendedora. Ainda em 2018, criou a Goop, uma marca de produtos de bem-estar.

Depois de gerar polémica com as velas “This Smells Like My Vagina”, algo que se pode traduzir como “isto tem o cheiro da minha vagina”, Paltrow criou agora as “Diapérs”, um conjunto de fraldas feitas com lã virgem de alpaca e encrostadas com jóias.

Uma caixa de 12 fraldas com infusão de jasmim e bergamota é vendida pelo humilde preço de 120 dólares.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by goop (@goop)

“Conheça a fralda. A nossa nova fralda descartável forrada com lã virgem de alpaca com pedras preciosas âmbar, conhecidas pelas suas antigas propriedades de limpeza emocional. Infundidas com um aroma de jasmim e bergamota para um bebé revitalizado”, lê-se na publicação divulgada nas redes sociais, na quarta-feira.

Depois de gerar muita polémica entre os internautas, chegou um novo anúncio seis horas depois. Afinal de contas, tudo não passava de uma farsa em estilo de paródia por parte da Goop, conta a Insider.

A empresa divulgou um segundo vídeo, no qual a própria Gwyneth Paltrow disse que fixou um preço de 120 dólares para as suas “fraldas fictícias” para “destacar o que um imposto sobre fraldas pode custar às famílias anualmente”.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by goop (@goop)

De acordo com a National Diaper Bank Network, 35 estados norte-americanos cobram um imposto sobre a venda de fraldas, variando de 1,5% na Virgínia a 7% em Indiana, Mississippi e Tennessee.

“A Goop lançou uma fralda descartável de luxo por 120 dólares por um pacote de 12, e houve muita indignação. Ainda bem. Ela foi criada para nos irritar”, disse Paltrow no vídeo.

“Se tratar fraldas como um luxo deixa-te louco, também deveria acontecer o mesmo com taxá-las como um luxo”, lê-se na publicação divulgada no Instagram.

Além das velas e agora das fraldas, a Goop já tinha gerado polémica por outra razão no passado. A empresa foi multada em 145 mil dólares por vender ovos vaginais de jade e quartzo rosa, que, segundo Paltrow, poderiam “equilibrar as hormonas” e “regular os ciclos menstruais”.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE