Fotografia partilhada nas redes sociais levou à suspensão de alunos nos Estados Unidos

Pelo menos dois alunos da North Paulding High School, no estado da Georgia, dizem ter sido suspensos depois de terem partilhado nas redes sociais uma fotografia na qual é possível ver um corredor da escola repleto de alunos.

A fotografia em causa, publicada na rede social Twitter, rapidamente se tornou viral, somando milhares de gostos e partilhas na mesma rede social.

De acordo com o jornal norte-americano The Washington Post, foram pelo menos dois os alunos que, depois de terem partilhado a imagem em causa, acabaram suspensos da escola secundária localizada em Dallas por um período de cinco dias.

À emissora norte-americana CNN, Hannah Watters, estudante de 15 anos da North Paulding High School, afirma ter sido suspensa na sequência da partilha da imagem.

A estudante conta que, depois de ver a primeira fotografia, onde se vê um corredor cheio de alunos e alguns dos quais sem máscara, decidiu partilhar um vídeo na sua conta de Twitter, mostrando que nada mudou desde que aquela primeira imagem fora publicada.

“Estava preocupada com a segurança de todos naquela prédio e em todo o condado, porque as recomendações do CDC e as suas diretrizes, que há meses foram chegando há meses, não estava a ser cumpridas”, disse a estudante.

A agência Associated Press confirmou que a fotografia do corredor foi realmente captada na North Paulding High School, escreve o New York Post.

A escola disse a Watters, segundo o relato da estudante, que esta tinha violado três políticas de conduta: utilizar o telemóvel durante o horário das aulas, usar o mesmo dispositivo durante o horário escolar para utilização de redes sociais e ainda a captura de imagens de alunos e consequente publicação numa plataforma online.

Uso de máscara é “opção pessoal”

De acordo com o mesmo portal, a fotografia foi captada a 3 de agosto, no primeiro dia de regresso às aulas nesta escola secundária norte-americana, tendo o vídeo de Hannah Watters sido publicado no dia seguinte, a 4 de agosto.

O distrito agendou o regresso às aulas para o início do mês de agosto, permitindo também que os alunos continuassem as aulas às distância, contudo, a grande maioria preferiu regressar: dos 31.000 inscritos, 20.000 voltaram ao campus.

A CNN tentou, sem sucesso, obter esclarecimentos da escola e do distrito norte-americano.

Numa carta dirigida à comunidade, o governador Brian Otott alegou que a fotografia foi captada fora do contexto, referindo que o uso de máscara é uma opção pessoal.

“Mudanças de turmas no Ensino Secundário são um desafio para manter um cronograma específico (…) É uma área que continuamos a trabalhar para (…) limitar a concentração de alunos. Os alunos ficam neste ambiente apenas por um breve período enquanto passam para a aula seguinte… Não há dúvidas que a foto não parece boa”, escreveu.

E acrescentou: “Usar máscara é uma escolha pessoal e não há uma forma prática de impor uma ordem para usá-la de forma obrigatória”.

A polémica com esta escola secundária ocorre enquanto encarregados de educação, comunidades escolares e políticos divergem sobre o regresso às aulas e o papel que as aulas presenciais poderão ter na propagação da pandemia em solo norte-americano.

ZAP //

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …

Chuvas torrenciais fazem mais de uma centena de mortos na Índia

Pelo menos 136 pessoas morreram na Índia, em consequência de chuvas torrenciais que assolaram o país e causaram fortes enchentes e deslizamentos de terra, enterrando casas e submergindo ruas. Numa altura em que as alterações climáticas …

China inaugurou o comboio mais rápido do mundo

O comboio-bala maglev, que pode atingir uma velocidade de 600 quilómetros por hora, fez a sua estreia em Qingdao, na China, esta semana. Tal como conta a cadeia televisiva CNN, este comboio-bala maglev foi desenvolvido pela …

Quatro portugueses detidos em Espanha por alegada violação de duas mulheres

A polícia espanhola anunciou, este sábado, ter detido quatro cidadãos portugueses por suposta violação múltipla e abusos sexuais a duas mulheres de 22 e 23 anos, numa pensão em Gijón, no norte do país. Segundo a …