Formas parecidas com rosto humano atraem bebés até no ventre

A preferência dos bebés pelas formas semelhantes à do rosto humano parece estar presente desde antes do nascimento, segundo um estudo publicado esta quinta-feira na revista Current Biology.

Neste estudo, investigadores do Reino Unido projectaram imagens a fetos dentro do ventre da mãe, e estes reagiam perante as que pareciam um rosto.

A atracção que os bebés sentem pelos rostos era conhecida, mas este estudo traz a primeira evidência de que esta preferência se origina já no ventre materno.

“Até agora, pudemos explorar o uso de todos os sentidos do feto, excepto a visão. Isto inclui o tacto, paladar, olfacto, equilíbrio e audição. Mas agora podemos avançar na compreensão da visão”, disse à Agência EFE Vincent Reid, investigador da Universidade Lancaster e um dos autores do estudo.

Na pesquisa, publicada esta quinta-feira na revista Current Biology, os cientistas analisaram as reacções de 39 fetos de 34 semanas de gestação a padrões de luz que pareciam um rosto projectado no seu campo de visão dentro do ventre.

Ao mesmo tempo, viam as reacções dos fetos utilizando um ultrassom 4D, o que permitiu ver que os bebés em desenvolvimento giravam as cabeças com maior frequência quando o estímulo parecia um rosto.

“A nossa investigação mostra que o feto responde à informação visual“, explicou Reid.

Não só isso: o estudo, segundo Reid, também mostra que os fetos respondem activamente ao ambiente, uma vez que nos testes realizados estes movimentavam a sua cabeça para olhar durante mais tempo para as formas que pareciam um rosto.

“É o mesmo resultado que temos com os recém-nascidos. Portanto, esta preferência para olhar estas formas não se deve às experiências que acontecem após o nascimento“, explica Reid.

O cientista aconselha no entanto às mães que não tentem projectar luzes, pois isto pode ser agoniante para o bebé.

“Nós ajustamos a quantidade de luz segundo a grossura do tecido materno, para que não seja muito brilhante. Usamos modelos para saber a quantidade de luz que normalmente entra no útero e baseamos a força da nossa luz no que é normal para o feto. Uma luz forte não é aconselhável, pois pode causar dano”, explicou Reid.

Agora os investigadores querem saber se os fetos conseguem também discriminar números e quantidades. “Isto é algo que os recém-nascidos podem fazer. Se os fetos também podem, isso dir-mos-ia muito sobre as capacidades cognitivas fetais“, acrescentou.

// EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Para entender o porquê de assim ser , exige muito mais compreensão do espírito do que aquela que esses investigadores têm .
    Pois para esses investigadores , a linha de pensamento dos mesmos que que os animais não conseguem desenvolver uma comunicação racional entre a sua espécie .
    O qual já foi provado que essa linha de pensamento humana estava errada .
    Para esses investigadores , um feto é algo estático sem qualquer tipo de raciocínio .
    Para mim esses investigadores são todos uma carrada de atrasados mentais .

    Inteligentes seriam eles se projetassem imagens de animais extremamente consumidos no dia-a-dia pelo ser humano , e ver a reação se é idêntica.

RESPONDER

Fisco quer devolução de 3,5 milhões de euros por erro em declarações de IRS de 2015

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) identificou um erro na liquidação de declarações de IRS relativas a 2015, que implicou um novo apuramento do imposto em cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 …

Afeganistão declara derrota do Daesh no principal bastião no país

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, anunciou esta terça-feira a derrota do grupo extremista Daesh na província de Nangarhar, no leste, considerado um dos principais bastiões do grupo 'jihadista' no país. "Quem poderia imaginar há um …

Parlamento vota Orçamento do Estado a 10 de janeiro

O Orçamento do Estado para 2020 será discutido na generalidade em 9 e 10 de janeiro, na Assembleia da República, com votação final global marcada para 7 de fevereiro. Segundo o jornal Público, as duas primeiras …

Legionella. Fase de instrução do surto de Vila Franca de Xira começa hoje

O início desta fase facultativa, em que o Tribunal de Instrução Criminal de Loures vai decidir se o processo segue e em que termos para julgamento, está agendado para as 09h30 e decorrerá à porta …

Um dos mais influentes empresários de Malta foi detido no caso da morte de jornalista

Foi detido no seu iate o magnata Yorgen Fenech, um relevante empresário de Malta, no âmbito das investigações à morte da jornalista Daphne Caruana Galizia que estava a investigar pessoas influentes do país pelo alegado …

Presidente argentino diz que vai pagar dívida ao FMI, mas recusa mais ajustes fiscais

O Presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández, assegurou na terça-feira ao Fundo Monetário Internacional (FMI) que o país vai cumprir com os compromissos em matéria de dívida, mas rejeitou aplicar mais ajustes fiscais. "Desenvolvemos um plano …

Vieira garante "reforma" de 3,8 milhões de euros com OPA do Benfica à SAD

A OPA parcial lançada pelo Benfica à sua própria SAD desportiva vai beneficiar os accionistas com um encaixe potencial de mais de 24 milhões de euros. Luís Filipe Vieira está entre esses beneficiados, podendo encaixar …

Pingo Doce

Trabalhadora do Pingo Doce terá sido impedida de ir à casa de banho (acabou por urinar na caixa)

Uma funcionária de um hipermercado Pingo Doce terá solicitado, por várias vezes, para ir à casa de banho, sem ter sido autorizada para isso, o que a levou a urinar-se no posto de trabalho. Uma …

Senado dos EUA aprova projeto de lei de apoio aos direitos humanos e democracia em Hong Kong

O Senado norte-americano aprovou, na terça-feira, por unanimidade, um projeto de lei de apoio aos direitos humanos e à democracia em Hong Kong, numa altura em que os protestos no território se tornam mais violentos. O …

Orçamento de 2% para a Cultura vai ser atingido em quatro anos

A ministra da Cultura, Graça Fonseca, disse esta terça-feira que o horizonte de 2% da despesa do Orçamento do Estado, com origem nas receitas gerais para a cultura, será atingido em quatro anos, com um …