Formas parecidas com rosto humano atraem bebés até no ventre

A preferência dos bebés pelas formas semelhantes à do rosto humano parece estar presente desde antes do nascimento, segundo um estudo publicado esta quinta-feira na revista Current Biology.

Neste estudo, investigadores do Reino Unido projectaram imagens a fetos dentro do ventre da mãe, e estes reagiam perante as que pareciam um rosto.

A atracção que os bebés sentem pelos rostos era conhecida, mas este estudo traz a primeira evidência de que esta preferência se origina já no ventre materno.

“Até agora, pudemos explorar o uso de todos os sentidos do feto, excepto a visão. Isto inclui o tacto, paladar, olfacto, equilíbrio e audição. Mas agora podemos avançar na compreensão da visão”, disse à Agência EFE Vincent Reid, investigador da Universidade Lancaster e um dos autores do estudo.

Na pesquisa, publicada esta quinta-feira na revista Current Biology, os cientistas analisaram as reacções de 39 fetos de 34 semanas de gestação a padrões de luz que pareciam um rosto projectado no seu campo de visão dentro do ventre.

Ao mesmo tempo, viam as reacções dos fetos utilizando um ultrassom 4D, o que permitiu ver que os bebés em desenvolvimento giravam as cabeças com maior frequência quando o estímulo parecia um rosto.

“A nossa investigação mostra que o feto responde à informação visual“, explicou Reid.

Não só isso: o estudo, segundo Reid, também mostra que os fetos respondem activamente ao ambiente, uma vez que nos testes realizados estes movimentavam a sua cabeça para olhar durante mais tempo para as formas que pareciam um rosto.

“É o mesmo resultado que temos com os recém-nascidos. Portanto, esta preferência para olhar estas formas não se deve às experiências que acontecem após o nascimento“, explica Reid.

O cientista aconselha no entanto às mães que não tentem projectar luzes, pois isto pode ser agoniante para o bebé.

“Nós ajustamos a quantidade de luz segundo a grossura do tecido materno, para que não seja muito brilhante. Usamos modelos para saber a quantidade de luz que normalmente entra no útero e baseamos a força da nossa luz no que é normal para o feto. Uma luz forte não é aconselhável, pois pode causar dano”, explicou Reid.

Agora os investigadores querem saber se os fetos conseguem também discriminar números e quantidades. “Isto é algo que os recém-nascidos podem fazer. Se os fetos também podem, isso dir-mos-ia muito sobre as capacidades cognitivas fetais“, acrescentou.

EFE // EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Para entender o porquê de assim ser , exige muito mais compreensão do espírito do que aquela que esses investigadores têm .
    Pois para esses investigadores , a linha de pensamento dos mesmos que que os animais não conseguem desenvolver uma comunicação racional entre a sua espécie .
    O qual já foi provado que essa linha de pensamento humana estava errada .
    Para esses investigadores , um feto é algo estático sem qualquer tipo de raciocínio .
    Para mim esses investigadores são todos uma carrada de atrasados mentais .

    Inteligentes seriam eles se projetassem imagens de animais extremamente consumidos no dia-a-dia pelo ser humano , e ver a reação se é idêntica.

RESPONDER

"Besta dos cinco dentes". Descoberta nova espécie de mamífero na Patagónia

Paleontólogos descobriram uma nova espécie de mamífero, com dentes peculiares, que viveu na Patagónia durante o período Cretáceo. De acordo com a agência Europa Press, os fósseis foram encontrados em Cerro Guido, na província chilena de …

Com os zoos fechados, tudo serve para entreter uma família de lontras. Até um simples galho de bambu

O confinamento serviu como um lembrete indesejado de que ficar preso dentro de casa sem muito o que fazer pode ser desgastante. O mesmo é verdade para os animais, por isso os jardins zoológicos tiveram …

Uma ilha, cinco géneros. Os Bugis têm palavras para as "cinco maneiras de estar no mundo"

Uma ilha, cinco géneros. O povo Bugis é um poderoso grupo étnico que se destaca pelo reconhecimento de cinco géneros distintos. Na Indonésia, a ilha Sulawesi é a casa de um povo que reconhece cinco …

O "aeroporto do amanhã" está abandonado no meio de um pântano dos Estados Unidos

Era para ser o "aeroporto do amanhã", um centro intercontinental para aviões supersónicos com seis pistas e conexões ferroviárias de alta velocidade para as cidades vizinhas. Hoje, é pouco mais do que uma pista no …

Facebook remove (acidentalmente) página oficial de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa

O Facebook apagou a página de Ville de Bitche, uma remota cidade francesa. O município passou um mês a apelar à rede social para repor a página. "Recebemos uma mensagem no Facebook e também percebemos que …

NASA escolheu SpaceX de Elon Musk para a próxima missão tripulada à Lua

Elon Musk fecha contrato de 2,9 mil milhões de dólares para levar o Homem novamente à Lua. O contrato é a mais importante vitória da SpaceX e reforça a posição da empresa como parceira …

Benfica 1-2 Gil Vicente | Galo canta e silencia águia na Luz

STOP. O Gil Vicente visitou na tarde deste sábado o Benfica e saiu do palco da Luz com os três pontos na bagagem e a “cantar de galo”, ao vencer por 2-1, num duelo relativo …

"Longa vida à monarquia." Realeza britânica tende a viver mais três décadas do que a população geral

As diferenças na longevidade de alguns membros da família real em comparação com a população em geral são extremamente grandes, mas não incomuns. O príncipe Filipe, marido da rainha Isabel II e o consorte mais antigo …

Abominável (e falso) Homem das Neves. Líder russo usou Yeti para atrair turistas para a Sibéria

Um dos líderes regionais mais antigos de Vladimir Putin confessou ter encenado avistamentos falsos de Yetis numa tentativa de encorajar o turismo na Sibéria. Aman Tuleev, um dos líderes regionais de longa data do Presidente russo …

Irão já está a enriquecer urânio a 60%

O Irão avisou e já está a cumprir. Menos de uma semana depois de ter acusado Israel de um ataque contra a sua principal central nuclear, o país diz estar a enriquecer urânio com uma …