Finalmente provado: manteiga não faz mal ao coração

Um enorme estudo realizado pela Universidade Tufts, nos EUA, não encontrou qualquer ligação entre o consumo de manteiga e doenças cardiovasculares. A demonização da manteiga já pode terminar.

Desde a década de 1970 que a orientação médica é no sentido de não se comerem alimentos com muitas gorduras saturadas, a pretexto de que contribuem para problemas no coração.

Uma equipa de investigadores norte-americanos descobriu, porém, que as gorduras saturadas não são tão terríveis como se imaginava – pelo menos para o coração.

O meta-estudo, publicado esta quinta-feira na PLOS One,  analisou mais de 600 mil trabalhos em 15 países, envolvendo 6,5 milhões de pessoas que estiveram anos em acompanhamento.

E a conclusão é que não há relação entre o consumo de manteiga e as doenças cardíacas.

Os investigadores, na verdade, ficaram surpreendidos com uma das descobertas do estudo.

A equipa observou que o consumo moderado de manteiga provocou na realidade uma redução – sim, leu bem – na probabilidade de desenvolvimento de diabetes.

Com efeito, uma dieta com consumo de uma colher de sopa de manteiga por dia mostrou surpreendentemente uma redução de 4% no risco de diabetes.

A má notícia é que os investigadores também concluíram que esta dieta está porém associada a um aumento em 1% do risco de mortalidade geral, ou seja, todas as mortes, independentemente da causa.

Mas os cientistas suspeitam que essa ligação aconteça por outros factores: quem consome manteiga tem normalmente hábitos alimentares e estilos de vida piores.

Manteiga vs Margarina

Os resultados do estudo querem dizer que a manteiga está totalmente ilibada e pode ser consumida a torto e a direito?

Claro que não.

O estudo apenas provou que não é o consumo moderado do alimento que provoca doenças cardiovasculares – o que não quer dizer que a manteiga seja considerada saudável.

Outro factor que torna a manteiga problemática é o facto de ser normalmente consumida com produtos que também não são saudáveis, como pão branco, croissants, pão de queijo, waffles e outros alimentos ricos em açúcar e farinha refinada.

A manteiga continua a ser considerada pior que a margarina sem gordura trans e óleos de cozinha como de soja e canola.

Mas o melhor que podemos mesmo usar para barrar o pão ainda é o azeite, que é rico em ácidos gordos monoinsaturados, que ajudam a aumentar o HDL e diminuir o LDL.

“Os nossos resultados sugerem que a manteiga nem deve ser demonizada, nem considerada “alimento saudável”, diz Dariush Mozaffarian, autor principal do estudo.

Os investigadores querem agora descobrir por que foi observada uma diminuição de 4% no risco de diabetes em quem consome manteiga.

Para já, uma das hipóteses avançadas é que tal ocorra com o consumo de lacticínios em geral, e não apenas manteiga.

ZAP / HypeScience

PARTILHAR

RESPONDER

Boris responsabiliza Irão por ataque a petrolífera saudita

Boris Johnson diz que o país atribui ao Irão, "com muito alto grau de probabilidade, os ataques à gigante petrolífera saudita". O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, acusou esta segunda-feira o Irão de ser, muito provavelmente, responsável …

41 países comprometem-se com iniciativa "Clima e Qualidade do Ar"

A iniciativa "Clima e Qualidade do Ar", apresentada na véspera da Cimeira da Ação Climática, propõe alcançar até 2030 uma qualidade do ar saudável e a harmonização das políticas de luta contra as alterações …

Reino Unido. Trabalhistas querem abolir ensino privado se forem Governo

O Partido Trabalhista britânico compromete-se a abolir o ensino privado no Reino Unido caso venha a formar Governo. O plano do partido liderado por Jeremy Corbyn implica nacionalizar e integrar no sistema educativo público todas …

Rio acusa PS de se comportar como "dono disto tudo" (e diz que também tem um "Centeno")

No último debate a dois antes das legislativas de 6 outubro, os líderes do PSD e PS trocaram esta segunda-feira críticas - em tom leve e cordial -, recordando telhados de vidro de cada força …

Em decisão histórica, partidos árabes recomendam Gantz como primeiro-ministro de Israel

O Presidente de Israel, Reuven Rivlin, iniciou este domingo as suas consultas para a formação de um novo Governo. A Lista Conjunta, uma coligação que reúne os principais partidos árabes do país (Balad, Hadash, Ta’al …

Tancos. Azeredo Lopes teve "exercício perverso" de funções públicas, diz Ministério Público

O Ministério Público (MP) já terá terminado a acusação do caso de Tancos, na qual sustenta que o antigo ministro da Defesa Azeredo Lopes soube de toda a encenação, tendo ainda tentado tirar louros políticos …

Salário de 273 mil euros brutos anuais para Varandas revolta accionistas do Sporting

Um grupo de acionistas do Sporting fez chegar ao presidente da Mesa da Assembleia Geral (AG) da Sporting SAD, Bernardo Ayala, um pedido em que exige a retirada da proposta de aumento salarial para o …

Eleições na Madeira. A noite em que quem perdeu ganhou e quem ganhou perdeu

Depois de 43 anos de poder absoluto, o PSD perdeu este domingo pela primeira vez a maioria do parlamento da Madeira. O PS, que atingiu um valor histórico na região, também reclamou louros de vitória. …

Jesus "nunca treinou um grande clube da Europa" e "nunca conquistou nada"

O treinador do Grémio, Renato Gaúcho, voltou a criticar Jorge Jesus, dizendo que o técnico português, aos 65 anos, nunca treinou um grande clube na Europa. "O Jorge Jesus ganhou 2/3 títulos portugueses. Saiu de Portugal …

Governo promove 5.000 militares antes das eleições

Quase 5.000 militares dos três ramos das Forças Armadas, Exército, Marinha e Força Aérea vão ser promovidos este ano. De acordo com o Correio da Manhã, o Ministério da Defesa enviou a lista dos 4.945 nomes …