Filha de bombeira que morreu a combater incêndio só tem direito a apoio de 100 euros por mês

Miguel A. Lopes / Lusa

A filha da bombeira de Alcabideche que morreu em 2013, a combater um incêndio no Caramulo, só tem direito a uma compensação de 10 euros por mês pela morte da mãe, além de mais 90 euros para alimentação. É o que manda a Lei e é “uma indignidade” segundo o presidente da Associação Portuguesa de Bombeiros Voluntários.

“A filha da bombeira vai receber uma indemnização, quando fizer 18 anos. Até lá tem direito a 100 euros mês, para a escola e alimentação, e 230 euros para vestuário, no início de cada ano”, esclarece em declarações ao Expresso o presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, notando que os valores “foram calculados tendo em conta a condição de recursos, até ao limite máximo do valor indexante de apoio social”.

O Fundo Social do Bombeiro não repõe os rendimentos auferidos pelos bombeiros, sendo que a compensação máxima permitida por Lei chega apenas ao valor do salário mínimo nacional no caso de morte ou de incapacidade.

“Os avós, que ficaram com a tutela e com quem a criança vive, têm rendimentos médios, e os apoios do Fundo não repõem os salários que a mãe auferia“, explica ao Expresso o bombeiro António Calinas do concelho de Cascais.

“Os bombeiros voluntários que nas suas vidas privadas ganhem acima deste valor, 650 euros, perdem os rendimentos do trabalho em caso de acidente em serviço. O Fundo Social do Bombeiro e os seguros que protegem a actividade não são calculados em função do salário profissional que recebem”, acrescenta Calinas.

No caso do bombeiro Rui Rosinha que ficou com incapacidade permanente no combate ao incêndio de Pedrógão Grande, está a viver com “uma pensão de 300 euros” da Segurança Social, enquanto se está “a estudar forma de compensar o diferencial” relativamente ao salário de 700 euros que tinha, como nota Jaime Marta Soares.

“Isto não é proteger os soldados da paz”, lamenta o presidente da Associação Portuguesa de Bombeiros Voluntários, Rui Silva, que fala de “uma indignidade”, também em declarações ao Expresso.

Rui Silva nota que há “um registo nacional” da actividade de bombeiro voluntário que “não contém a informação de quanto ganham estes homens nas suas vidas privadas”. Ora, “sem isso é impossível repor os vencimentos quando há acidentes e a recuperação é prolongada, com ausência do trabalho”, refere, dando o exemplo de “um bombeiro voluntário que tem um salário de mil euros”. “Quando tem um acidente em serviço e entra de baixa, ninguém garante esses valores“, reforça, concluindo que “na prática, os bombeiros não têm quem lhes pague o salário quando ficam impedidos de trabalhar devido a acidentes no desempenho das missões de socorro”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

O maior avião do mundo vai ser uma plataforma de lançamento para veículos hipersónicos

A empresa que criou o maior avião do mundo, que apenas voou uma vez, encontrou uma nova funcionalidade para a aeronave: será usado como plataforma de lançamento para veículos hipersónicos, o que poderá revolucionar a …

Sondas da missão a Mercúrio vão passar pela Terra (e vão ser visíveis a olho nu)

A missão conjunta europeia e japonesa BepiColombo está a caminho de Mercúrio. Porém, para chegar lá, terá de passar novamente pela Terra. Este evento acontecerá em 10 de abril e as pessoas nas latitudes do sul …

Xiaomi lança máscara elétrica que carrega via USB

A pandemia de Covid-19 tem impulsionado o surgimento de alguns recursos melhorados para fazer face ao combate do novo coronavírus. É o caso da nova máscara de esterilização elétrica da Xiaomi, que carrega via USB. A …

Em paradeiro incerto, ministra da Guiné-Bissau diz correr perigo de vida

Ruth Monteiro, ministra da Justiça e dos Negócios Estrangeiros no Governo da Guiné-Bissau deposto no golpe do dia 27 de fevereiro, está em parte incerta e diz correr perigo de vida. De acordo com o semanário …

Ovelhas e bactérias estão a ajudar a combater o coronavírus

Anticorpos que podem ajudar a combater o SARS-CoV-2, o vírus que causa a covid-19, estão a ser testados em ovelhas. Estes podem ser usados para desenvolver testes de diagnóstico. O SARS-CoV-2, o vírus que causa a …

Marcelo sai uma vez por semana, usa máscara e luvas nas compras (e passa a Páscoa em Belém)

O Presidente da República afirmou este sábado que, para se proteger do surto de covid-19, só sai em trabalho uma vez semana, usa máscara nas compras e vai passar a Páscoa confinado no Palácio de …

A procura por sumo de laranja está a disparar (e a culpa é do coronavírus)

A procura por sumo de laranja tem disparado nos últimos tempos, muito devido à pandemia de covid-19. As pessoas querem reforçar o seu sistema imunitário. Já quase ninguém está indiferente à ameaça da pandemia de covid-19, …

Nove pessoas com covid-19 curadas após receberem plasma de doentes recuperados

Pelo menos nove pessoas internadas nos cuidados intensivos em Itália com covid-19 já foram curadas, depois de receberem plasma de pacientes recuperados. De acordo com o jornal italiano Corriere della Sera, os doentes receberam o plasma …

Grace tem seis anos e pode ser a autora mais nova de sempre de um artigo científico

Uma menina de seis anos, que vive na Austrália, pode ser a autora mais nova de sempre a ter um artigo científico publicado numa revista da especialidade. Grace Fulton tem uma enorme paixão por animais e, …

Geco encheu Lisboa com autocolantes (e a polícia de Roma está a pedir ajuda para o encontrar)

A polícia de Roma está a pedir ajuda à Associação Vizinhos de Lisboa para encontrar o graffiter Geco, cujas pinturas e autocolantes se podem ver por toda a capital portuguesa, e que está em investigação …