Ficheiros Kennedy: Martin Luther King era “comunista” e cometia “aberrações sexuais”

robert_trudeau/ / Flickr

Martin Luther King em 1958

Os documentos tornados públicos sobre o assassinato do ex-presidente dos EUA, John F. Kennedy, contêm um relatório no qual o FBI acusa o reverendo Martin Luther King de ser comunista e de cometer “aberrações sexuais”.

Os documentos foram publicados por ordem do presidente Donald Trump, que determinou o fim do sigilo de grande parte dos documentos ainda secretos sobre a morte do presidente John F. Kennedy em 1963.

Entre eles está um documento sem relação aparente com o assassinato do ex-presidente: um relatório de 23 páginas no qual o FBI analisa o perfil de Martin Luther King. O arquivo tem a data de 12 de março de 1968, três semanas antes do homicídio deste célebre líder do movimento pela defesa dos direitos civis no país.

Não há referência a Kennedy no dossiê sobre Luther King e também não é claro o porquê do documento só ter sido publicado agora. As últimas duas páginas do relatório acusam o reverendo de participar em “orgias sexuais de bêbados”, pelo menos desde 1964, nas quais eram praticados “atos não naturais”.

“Durante os anos seguintes e até agora, King continuou a cometer estas aberrações sexuais em segredo, enquanto, em público, se apresentava como um líder moral de convicções religiosas”, indicou o FBI no relatório.

O documento também acusa King de ter tido uma filha com a esposa de um dentista da Califórnia com quem teve uma “aventura” desde 1962, e diz que manteve relações extramatrimoniais com outras três mulheres, uma delas a cantora Joan Baez.

Além disso, o FBI define King como um “marxista de coração“, que “apoiava em segredo o comunismo e que se cercava de assessores que tinham laços com esse partido nos EUA”.

// EFE

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. Quanto aos “atos não naturais” o FBI é pouco explícito… seriam homo, hetero, bi ou era mais… tudo ao monte e fé em Deus (o homem até era reverendo)

    Agora mais a sério: O curioso é aparecer, por um mero acaso obviamente, um documento “sem relação aparente com o assassinato do ex-presidente” e no qual “Não há referência a Kennedy”, mas que vem denegrir a imagem de um DEMOCRATA e defensor dos direitos do negros, coisas a que o senhor Trump é um bocado avesso e se puder com uma cajadada deitar abaixo democracia e negros fica muito satisfeito.

  2. Naquele tempo só havia uma pessoa normal no FBI. Era o Edgar Hoover. Todos os outros, ou eram comunistas, ou homosexuais. Mais tarde veio a descobrir-se, ironia das ironias, que o Edgarzinho pegava ele próprio de empurrão. E o resto talvez ainda esteja por desvendar nos documentos classificados que o Trump ainda não mandou disponibilizar.

  3. Se o documento não é claro, estão a especular, a prestar um péssimo serviço às pessoas, que dificilmente aceitarão este insulto ao grande herói dos direitos cívicos, não só da raça negra, mas também, da humanidade.

  4. Quer dizer: o MLK gostava de várias mulheres, não era racista porque fazia sexo com a Joan Baez, e então era depravado. O presidente Kenedy fartou-se de galar a Merylin e era o quê? O Trump ainda vai descobrir que o Jack Nicholson é maluco por mulheres, que é uma novidade. Oxalá a primeira dama não venha a revelar que O Trump não é aquele macho porque se faz passar.

RESPONDER

Benfica empresta Caio Lucas ao Al Sharjah

O Benfica anunciou, esta quinta-feira, o empréstimo do futebolista brasileiro ao Al Sharjah, clube dos Emirados Árabes Unidos, que é válido por um ano e meio. "O Sport Lisboa e Benfica formalizou com o Al Sharjah …

Morreu o general José Lemos Ferreira

O ex-chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA) morreu aos 90 anos, disse quinta-feira à agência Lusa uma fonte militar. Chefe do Estado-Maior da Força Aérea de 1977 a 1984, o general José Lemos Ferreira foi …

PJ afasta "intervenção de terceiros" na morte de diretor do EuroBic

O diretor nacional da PJ disse, esta quinta-feira, que os elementos recolhidos sobre a morte do diretor do private banking do EuroBic, arguido no caso Luanda Leaks, "apontam para que não haja intervenção de terceiros". Questionado …

Carlos Amaral Dias terá ficado retido na ambulância avariada durante uma hora

Os resultados de um inquérito aberto pelo INEM apontam para que Carlos Amaral Dias tenha ficado dentro de uma ambulância avariada durante uma hora. De acordo com o Jornal de Notícias, a equipa da ambulância dos …

Luanda Leaks. Mário Leite Silva renuncia à presidência do Banco de Fomento Angola

O presidente do Conselho de Administração do Banco de Fomento Angola (BFA), Mário Leite Silva, gestor de Isabel dos Santos, renunciou ao cargo, com efeitos a partir de 22 de janeiro. A informação foi transmitida …

Tempestade “Glória” faz pelo menos nove mortos em Espanha

Pelo menos nove pessoas morreram e outras quatro estão dadas como desaparecidas em Espanha na sequência da passagem da tempestade “Glória”, intempérie que atinge o país desde o passado fim de semana. As autoridades confirmaram cinco …

Há um "milagre da multiplicação" dos votos que os deputados querem travar

Todos os partidos concordam: é preciso travar o "milagre da multiplicação" dos votos na Assembleia da República. Estabelecer regras objetivas para o fazer é o mais complicado. Os deputados começaram esta quarta-feira a discutir como “regrar” …

Pensões entre 877 e 2600 euros têm aumento mínimo de 6,14 euros

Os pensionistas que ganham entre 877,6 e os 2558 euros brutos por mês vão ter aumentos acima dos 0,24% que inicialmente se calculou com base na taxa de inflação (sem habitação) apurada até novembro do …

PCP quer travar "ameaça de despejos" no final deste ano

O PCP entregou uma proposta de alteração ao Orçamento do estado para 2020 para manter congeladas as rendas antigas, quando os locatários tenham um rendimento inferior a cinco salários mínimos nacionais. O PCP quer manter congeladas …

CDS/Congresso: Carlos Meira disponível para acordo que vença João Almeida

Carlos Meira, candidato à liderança do CDS-PP, admite estar disponível para se unir a Filipe Lobo d'Ávila e Francisco Rodrigues dos Santos para vencer João Almeida e lutar "contra o sistema". Carlos Meira, militante de Viana …