/

Festas e romarias voltam ao Porto em formato pré-pandemia

O alívio das restrições tem levado a que as autarquias já começassem a organizar as festas nos mesmos moldes em que eram antes da covid-19.

Com o alívio das restrições da pandemia, vem aí o regresso das festas e romarias. Na Área Metropolitana do Porto antecipa-se o regresso do São João em força no Porto e em Vila do Conde. Em Sobrado, em Valongo, espera-se a volta das bugiadas e mouriscadas tradicionais, nota o JN.

Em Vila do Conde, a autarquia ainda não reuniu com a comissão de festas, mas já se antecipa o regresso do cortejo luminoso, da ida dos ranchos à praia, do fogo no estuário do Ave e da concentração da população nas ruas caso a pandemia não se agrave. Espera-se ainda que a cidade volte a receber os tradicionais tapetes de flores a 16 de Junho.

Na Póvoa de Varzim, deve voltar a festa do santo pescador, incluindo o desfile das rusgas, a festa na cidade e as sardinhadas. Na Afurada, em Gaia, já há um programa completo para o São Pedro, com artistas contratados e fogo de artifício no estuário do Douro.

O São Bento também deve voltar a ser festejado em Santo Tirso com um formato que deve estar próximo do normal pré-pandemia, mas ainda nada está fechado. A Senhora das Dores deve regressar à Trofa com a procissão de andores gigantescos, mas ainda não há uma comissão de festas.

Antecipa-se ainda o regresso das festas para a Nossa Senhora do Bom Despacho na Maia, do São Bento das Peras em Rio Tinto, das festas da Nossa Senhora do Rosário em Gondomar e do Senhor de Matosinhos em Maio.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.