Faca feita de fezes entre os vencedores deste ano dos prémios Ig Nobel

M. I. Eren et al., 2019

Faca feita com fezes congeladas.

Uma faca feita com fezes congeladas e um jacaré a arrotar são alguns dos vencedores dos prémis Ig Nobel, que distinguem as invenções mais incomuns.

Os prémios Ig Nobel – uma paródia dos prémios atribuídos pelas academias suecas e norueguesa – foram criados para premiar invenções incomuns. O conceito surgiu em 1991 por Marc Abrahams, editor da revista “Annals of Improbable Research”. O mote dos prémios é distinguir feitos que “não podem ou não devem ser reproduzidos”.

Normalmente, a entrega dos prémios é feita através de uma transmissão em direto na rádio e na Internet. Este ano, devido à pandemia, a cerimónia foi convertida numa transmissão pré-gravada, que, mesmo assim, contou com a participação de laureados dos verdadeiros prémios Nobel.

Segundo o Expresso, um dos prémios honrou a descoberta do antropólogo Metin Eren, do Ohio. Um mito urbano conta a história de um canadiano de etnia inuit que fabricou uma faca a partir das suas próprias fezes congeladas. Ao estilo de ‘Os Caçadores de Mitos’, Eren tentou replicar a experiência.

“As facas de cócó foram um falhanço miserável”, admitiu Eren em entrevista ao jornal britânico The Telegraph, reconhecendo que o prémio foi “a realização de um sonho”. Os resultados da investigação foram publicados no ano passado no Journal of Archaeological Sciece: Reports.

Em 2020 o prémio de Medicina foi para um estudo sobre misofonia. A palavra consiste em ficar enervado ao ouvir outras pessoas fazer certos sons, como mastigar.

Um outro prémio distinguiu um cientista que investigou por que motivo os estudiosos de insetos desenvolvem aversão a aranhas. O estudo foi publicado na revista científica American Entomologist.

Os Presidentes do Brasil (Jair Bolsonaro), México (André Manuel López Obrador), Bielorrússia (Alexander Lukashenko), Estados Unidos (Donald Trup), Turquia (Recep Tayyip Erdogan), Rússia (Vladimir Putin) e Turquemenistão (Gurbanguly Berdimuhamedov) e os primeiros-ministros do Reino Unido (Boris Johnson) e da Índia (Narendra Modi) também foram distinguidos nesta gala.

Estes líderes foram laureados com o prémio Ig Nobel por mostrarem, através da covid-19, que os políticos podem ter um efeito mais direto em questões de vida ou morte do que os cientistas e os médicos.

Um grupo de investigadores que fez um jacaré-da-china fêmea arrotar numa câmara hermética com ar rico em hélio também foram premiados na categoria de Acústica.

Na Psicologia, um cientista identificou um método que identifica narcisistas observando as suas sobrancelhas. Na Física, investigadores australianos descobriram que as minhocas vibram como a água. Na Economia, o prémio foi para o estudo da correlação entre a desigualdade de rendimentos num país e a média de beijos na boca dados pelos seus cidadãos, escreve o Expresso.

O prémio Ig Nobel da Gestão foi para um cinco assassinos profissionais chineses que sucessivamente subcontrataram um homicídio, sem que nenhum deles o perpetuasse. O prémio da Paz foi para os governos da Índia e do Paquistão, cujos diplomatas se dedicam a tocar às campainhas uns dos outros, a meio da noite, fugindo em seguida.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …

Novo estudo diz que Remdesivir não tem "impacto significativo" nos doentes com covid-19

Ao contrário do que se pensava, o medicamento antiviral remdesivir não reduz as mortes entre os pacientes com covid-19, sobretudo quando comparado com o tratamento padrão, de acordo com os resultados de um estudo internacional. Em …