Ex-membro dos Panteras Negras vai ser libertado após 49 anos de prisão

Um ex-membro do Partido dos Panteras Negras, que está na prisão há quase meio século, vai finalmente conseguir a sua liberdade, depois de um conselho de liberdade condicional de Nova York ordenar a sua libertação.

Jalil Muntaqim, também conhecido como Anthony Bottom, estava preso há mais de 49 anos, tendo sido preso e posteriormente condenado pelos assassinatos de dois policiais em 1971 no Harlem.

De acordo com os termos da sua liberdade condicional, agora o ex-revolucionário deve ser libertado da cadeia de segurança máxima de Sullivan, até ao dia 20 de outubro. Numa audiência no início deste mês, Muntaqim mostrou estar arrependido pelas mortes de Joseph Piagentini e Waverly Jones.

O Partido dos Panteras Negras foi uma organização urbana socialista e revolucionária, fundada por Bobby Seale e Huey Newton em outubro de 1966. O partido atuou nos Estados Unidos de 1966 a 1982, mas tinha grupos que atuavam no Reino Unido no início da década de 1970, e na Argélia entre 1969 e 1972.

A sua criação teve como objetivo controlar o comportamento dos oficiais do Departamento de Polícia de Oakland, e desafiar a brutalidade policial na cidade da California.



Os membros do Partido das Panteras Negras estiveram envolvidos em combates fatais com a polícia, incluindo Huey Newton, que supostamente matou o polícia John Frey em 1967. O partido também esteve envolvido em muitos conflitos internos, incluindo os assassinatos outros assassinatos.

Na altura, o diretor do FBI, J. Edgar Hoover, disse que o partido era “a maior ameaça à segurança interna do país”.

Muntaqim contou ao The Guardian que tinha apenas 18 anos quando se inscreveu nos Panteras. Agora, passados 49 anos de prisão, o revolucionário assume que amadureceu a sua perspetiva, embora mantenha o compromisso com a causa da igualdade racial e da justiça.

“Revolução para mim é o processo evolutivo de construção de um nível mais alto de consciência na sociedade em geral. Eu sou um revolucionário evolucionário”, disse ao jornal.

A libertação de Muntaqim foi violentamente contestada pelo sindicato da polícia de Nova York, e pela viúva de um dos policiais assassinados, Diane Piagentini. Num comunicado, a mulher disse que “está com o coração partido ao ver outro assassino a ser libertado”.

ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

BdP prevê taxa de desemprego de 7,2% e crescimento económico de 4,8%

O Banco de Portugal (BdP) prevê que a taxa de desemprego atinja 7,2% em 2021, recuando para 7,1% em 2022 e 6,8% em 2023, e que o emprego cresça 1,3% este ano. No Boletim Económico de …

Finlândia 0-1 Rússia | Miranchuk recoloca russos na corrida

A anfitriã Rússia conseguiu hoje uma determinante vitória na luta pelo apuramento para os oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao bater a Finlândia por 1-0, em São Petersburgo. No primeiro jogo da segunda jornada …

Nove militares da GNR acusados de tortura

O Ministério Público (MP) do Porto acusou nove militares da GNR dos crimes de tortura e outros tratamentos cruéis, degradantes ou desumanos e sequestro agravado. O Ministério Público (MP) do Porto acusou nove militares da GNR, …

Costa garante que Lisboa terá o mesmo tratamento que os outros concelhos

Esta quarta-feira, num dia em que Portugal registou 1.350 novos casos ( 928 dos quais na região de Lisboa e Vale do Tejo), o primeiro-ministro afirmou que a capital terá o mesmo tratamento que os …

Salgado disposto a pagar à massa falida do GES para ficar isento de cumprir pena

Ricardo Salgado está disposto a pagar à massa falida do GES para ser dispensado de cumprir pena no processo que o irá julgar por três crimes de abuso de confiança, segundo a contestação da defesa …

PJ detém 12 pessoas por suspeitas de corrupção na Câmara de Loures

Entre os detidos pela Polícia Judiciária (PJ) estão dois empreiteiros, um arquiteto, um empresário ligado a uma obra particular e oito fiscais. Através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção e no âmbito de inquérito dirigido …

Casos disparam: 1350 novas infeções e seis óbitos

Nas últimas 24 horas, houve 1.350 novos casos positivos de covid-19 e morreram seis pessoas, segundo os dados do boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou 1.350 novos casos e seis óbitos por covid-19 …

Parlamento vai ouvir Medina e ministro dos Negócios Estrangeiros

Fernando Medina e Augusto Santos Silva vão ser ouvidos no Parlamento sobre o caso da partilha de dados pessoais de ativistas russos. O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, e o ministro dos Negócios …

Mudanças na lei laboral podem prejudicar a retoma, avisa Centeno

É crucial para a retoma que haja "estabilidade e previsibilidade na legislação laboral", de forma a estimular o investimento empresarial e o crescimento económico, afirmou esta quarta-feira o governador do Banco de Portugal (BdP), Mário …

Costa, Von der Leyen na Cimeira Social no Porto

Von der Leyen dá luz verde ao Plano de Recuperação e Resiliência português. E "não é por acaso"

O primeiro-ministro, António Costa, e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciaram esta quarta-feira que o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) foi aprovado por Bruxelas.  A presidente da Comissão Europeia, Ursula von …