Ex-membro dos Panteras Negras vai ser libertado após 49 anos de prisão

Um ex-membro do Partido dos Panteras Negras, que está na prisão há quase meio século, vai finalmente conseguir a sua liberdade, depois de um conselho de liberdade condicional de Nova York ordenar a sua libertação.

Jalil Muntaqim, também conhecido como Anthony Bottom, estava preso há mais de 49 anos, tendo sido preso e posteriormente condenado pelos assassinatos de dois policiais em 1971 no Harlem.

De acordo com os termos da sua liberdade condicional, agora o ex-revolucionário deve ser libertado da cadeia de segurança máxima de Sullivan, até ao dia 20 de outubro. Numa audiência no início deste mês, Muntaqim mostrou estar arrependido pelas mortes de Joseph Piagentini e Waverly Jones.

O Partido dos Panteras Negras foi uma organização urbana socialista e revolucionária, fundada por Bobby Seale e Huey Newton em outubro de 1966. O partido atuou nos Estados Unidos de 1966 a 1982, mas tinha grupos que atuavam no Reino Unido no início da década de 1970, e na Argélia entre 1969 e 1972.

A sua criação teve como objetivo controlar o comportamento dos oficiais do Departamento de Polícia de Oakland, e desafiar a brutalidade policial na cidade da California.

Os membros do Partido das Panteras Negras estiveram envolvidos em combates fatais com a polícia, incluindo Huey Newton, que supostamente matou o polícia John Frey em 1967. O partido também esteve envolvido em muitos conflitos internos, incluindo os assassinatos outros assassinatos.

Na altura, o diretor do FBI, J. Edgar Hoover, disse que o partido era “a maior ameaça à segurança interna do país”.

Muntaqim contou ao The Guardian que tinha apenas 18 anos quando se inscreveu nos Panteras. Agora, passados 49 anos de prisão, o revolucionário assume que amadureceu a sua perspetiva, embora mantenha o compromisso com a causa da igualdade racial e da justiça.

“Revolução para mim é o processo evolutivo de construção de um nível mais alto de consciência na sociedade em geral. Eu sou um revolucionário evolucionário”, disse ao jornal.

A libertação de Muntaqim foi violentamente contestada pelo sindicato da polícia de Nova York, e pela viúva de um dos policiais assassinados, Diane Piagentini. Num comunicado, a mulher disse que “está com o coração partido ao ver outro assassino a ser libertado”.

ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Disney+ alerta para estereótipos racistas. Filmes clássicos com avisos sobre "maus tratos"

Embora já exibisse mensagens padrão desde o ano passado, a nova plataforma de vídeo Disney+ mostra agora um aviso, que não pode ser passado à frente, no início de vários filmes clássicos - como Dumbo …

Curados da covid-19 continuam com sintomas meses depois de terem contraído o vírus

Um estudo da Universidade de Oxford indica que 64% dos pacientes hospitalizados com o novo coronavírus apresenta falta de ar 2 a 3 meses depois de serem infetados. E quase 40% tem sintomas de depressão. Já …

Portugal vai estar no Mundial sub-20 (sem jogar o apuramento)

Todas as fases do Europeu sub-19 foram canceladas e a seleção portuguesa foi uma das eleitas para participar no Mundial do próximo ano. Portugal já sabe que vai estar na fase final do Mundial sub-20 (se …

Novos implantes cardíacos podem salvar 10 mil vidas por ano

O chamado envelope antibiótico envolve o implante cardíaco e previne infeções no paciente. Por ano, morrem cerca de 10 mil pessoas devido a infeções geradas pelo implante. O pacemaker é um pequeno aparelho que é colocado …

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …