Ex-administrador hospitalar substituído indemnizado em 43 mil euros

O Centro Hospitalar do Alto Ave (CHAA) foi condenado a pagar perto de 43.000 euros, mais juros, ao anterior presidente do Conselho de Administração, que foi substituído no cargo antes de terminar o seu mandato por decisão ministerial.

A actual administração deste centro hospitalar, que agrega as unidades de Guimarães e Fafe, não comenta a decisão judicial, alegando que ainda não foi oficialmente notificada.

“O Centro Hospitalar não foi notificado da decisão e, como tal, não vai fazer qualquer comentário”, disse o responsável do gabinete de comunicação do CHAA, quando questionado sobre a eventual interposição de recurso.

A decisão, do Tribunal da Relação de Guimarães, data de 03 de Abril de 2014 e confirma a decisão da primeira instância, condenando o CHAA a pagar 42.906 euros, mais juros, ao anterior presidente do Conselho de Administração, António Barbosa, por ter sido destituído de funções um ano antes do prazo previsto.

António Barbosa foi nomeado através de despacho de 26 de Março de 2010 para o triénio de 2010/2012, auferindo a remuneração mensal líquida de 5.465,43 euros, posteriormente reduzida para 4.672,94 euros.

Segundo esse despacho, o Conselho de Administração seria composto por um presidente e quatro vogais, mas desde 31 de Março de 2011 que a composição daquele órgão estava reduzida a dois elementos, pelo facto de os restantes terem apresentado pedidos de renúncia aos respectivos cargos.

Face a esta situação, os ministros de Estado e das Finanças e da Saúde entenderam “repor a legalidade” e nomear novo Conselho de Administração.

António Barbosa viu, assim, o seu mandato terminado um ano antes do previsto e recorreu para tribunal, reclamando uma indemnização correspondente ao vencimento de base que auferiria até ao final do mesmo.

O CHAA alegou que a indemnização deveria ser suportada não por si mas pelos ministérios que decretaram a cessação das suas funções, mas o tribunal não lhe deu razão.

Para a Relação, o fundamento invocado para destituir António Barbosa “configura uma demissão por mera conveniência, passível de indemnização ao gestor demitido”.

Segundo o mesmo tribunal, em causa está uma relação jurídica “bifacial” entre, por um lado, o Estado e a empresa, e, por outro, o gestor público, que consubstancia um contrato de mandato.

Pode, por isso, “ser exigível a referida indemnização à empresa mandante, a quem o gestor prestou serviços, independentemente de o ato de cessação de funções ter advindo de outra entidade estatal, no caso, a entidade nomeante”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Covid-19 já matou mais no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães da II Guerra

A pandemia de covid-19 já matou mais pessoas no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães durante a II Guerra Mundial. O novo coronavírus oriundo da China já matou cerca de 50.000 pessoas em território …

Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer. De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães …

Derek Chauvin foi detido, mas os precedentes mostram que o polícia pode sair impune

Derek Chauvin, o polícia responsável pela morte de George Floyd, foi detido e aguarda a sua primeira audiência. No entanto, há precedentes que sugerem que o agente pode sair impune. Derek Chauvin tem a sua primeira …

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …

Covid-19. México investiga mercado negro de atestados de óbito falsos

As autoridades da Cidade do México anunciaram que estão a investigar um suposto mercado negro de atestados de óbito relacionado com a covid-19, no dia em que o país registou 625 mortes nas últimas 24 …

Astrónomos descobrem "réplica" do Sol e da Terra a três mil anos-luz

O que diferencia esta descoberta de outros exoplanetas parecidos com a Terra é que a sua estrela tem uma semelhança impressionante com o nosso Sol. Entre os dados da missão Kepler, uma equipa de investigadores identificou …

Sem romarias e festas, milhares de famílias estão a entrar em falência

Milhares de famílias cujo rendimento depende das romarias e festas populares estão a atravessar sérias dificuldades económicas. Os prejuízos ultrapassam os 50 milhões de euros. A suspensão das festas populares e romarias religiosas em todo o …

Corpo de Maria Velho da Costa ficou 11 dias na morgue. Filho critica MP e fala em "massacre psicológico"

Os restos mortais da escritora Maria Velho da Costa, que faleceu a 23 de Maio, ficaram no Instituto de Medicina Legal, em Lisboa, durante 11 dias, sem que a família tivesse conhecimento de que já …