Autoridades dos Estados Unidos pedem às pessoas para deixarem de usar cigarros eletrónicos

As autoridades de saúde norte-americanas estão a pedir às pessoas para deixarem de usar cigarros eletrónicos, depois de ter sido esta sexta-feira anunciada a terceira morte suspeita de estar associada a esta prática.

Nos últimos meses, as autoridades de saúde identificaram 450 pessoas com doenças que podem estar ligadas ao uso de cigarros eletrónicos em 33 estados dos Estados Unidos.

Apesar de nenhum dispositivo de vaporização, líquido ou ingrediente dos cigarros eletrónicos estar comprovadamente ligado às doenças, os médicos suspeitam de alguma relação entre a prática do uso de cigarros eletrónicos e os casos clínicos registados.

Esta sexta-feira, as autoridades de saúde dos Estados Unidos anunciaram a morte de uma terceira pessoa, no Estado do Indiana, repetindo o apelo para que os cidadãos abandonem o uso de cigarros eletrónicos.

“Embora não saibamos quais as substâncias prejudiciais, é importante que as pessoas saibam que, ao usar estes produtos, não sabem tudo sobre o que estão a inalar e os danos que isso pode provocar”, disse Kris Box, responsável pelo Departamento de Saúde do Indiana, comentando a morte de mais uma pessoa.

As outras duas mortes associadas aos cigarros eletrónicos aconteceram no Illinois e no Oregon durante este verão.

A governadora do Estado do Michigan, Gretchen Whitmer, decretou esta semana a proibição de venda de cigarros eletrónicos com sabores, acusando as empresas de publicidade enganosa, “para viciar crianças com a nicotina”.

A governadora, do Partido Democrata, ordenou que o Departamento de Saúde do Michigan emitisse regras de emergência que proíbam a venda de produtos com vapores de nicotina aromatizados.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Apesar de a notícia se referir a “cigarros eletrónicos”, a imagem é de um vaporizador. Suponho que por “cigarros eletrónicos” se deva entender tabaco aquecido, “heets”. Estas coisas deixam as pessoas baralhadas e tendem a produzir o efeito contrário ao pretendido, isto é, desinformam.

  2. Procurando-se esta e outras notícias, na internet, verifica-se que as imagens são sempre de “vaping”. Verifica-se, também, que nada está comprovado mas, como se lê neste artigo, tudo não passa ainda de suspeitas. Aparentemente, estas suspeitas recaem, não sobre o uso de vaporizadores em geral, mas apenas sobre aqueles que utilizam aromas, o que quer dizer que serão substâncias utilizadas em certos aromas as suspeitas de causar dano. Além da fornecida pela Philip Morris, pouca informação existe sobre o tabaco de aquecimento. Continuo sem entender porque se chama “cigarros eletrónicos” a vaporizadores, visto que estes nem sequer têm tabaco. São inaladores ou algo assim. Também não sei se se pode dizer “fumar heets”, já que estes não produzem fumo pela simples razão de inexistência de combustão. Confuso, não?

RESPONDER

Benfica, FC Porto e Sporting têm dívida superior a mil milhões de euros

No total, Benfica, FC Porto e Sporting terminaram a época passada com um passivo de 1,118 mil milhões de euros — menos 27 milhões de euros comparativamente à temporada de 2017/18. Os "três grandes" do futebol …

Tribunal de Contas chumba contrato para manter cabines telefónicas

O Tribunal de Contas chumbou o acordo do Governo com a Meo para prolongar o contrato que mantém a funcionar as 8.222 cabines telefónicas no país. A extensão do contrato custaria 2,5 milhões de euros ao …

Vaiado em Boticas, Galamba diz que foi obrigado a dar concessão de exploração de lítio

Depois de ter sido recebido com protestos em Boticas, devido à exploração do lítio, o secretário de Estado Adjunto e da Energia, João Galamba, assegurou que o Governo foi obrigado a dar a concessão, em …

Juventus quer esquecer drama com Ronaldo, mas colegas esperam pedido de desculpas

A Juventus vai reunir-se com Cristiano Ronaldo para resolver a situação da forma mais pacífica possível. Os colegas de equipa esperam um pedido de desculpas do português. A novela de Cristiano Ronaldo no último jogo da …

A cidade do futuro está a chegar. Volocopter promete táxis voadores já em 2022

A empresa alemã Volocopter prometeu na Web Summit que os seus táxis aéreos estarão a operar de forma comercial dentro de dois ou três anos. Em declarações ao ZAP, Alexander Zosel, co-fundador da empresa, disse …

João Mário dispensado dos trabalhos da seleção por lesão

O médio, um dos 25 convocados para os duelos de Portugal com Lituânia e Luxemburgo, de apuramento para o Euro 2020, foi dispensado da seleção nacional, esta segunda-feira, devido a problemas físicos. De acordo com uma …

12 mil anos de história genética mostram que todos os caminhos vão (mesmo) dar a Roma

Afinal, pode haver alguma verdade no famoso provérbio que diz que "todos os caminhos vão a Roma". Essa é a conclusão de investigadores que descobriram a rica história genética da área. No auge do Império Romano, …

Nuno Manta Santos anuncia saída do Marítimo

Nuno Manta Santos deixou de ser o treinador do Marítimo, anunciou, esta segunda-feira, o técnico na sua página do Facebook, deixando a equipa insular no 14.º lugar da I Liga portuguesa de futebol. A saída do …

Marcelo nota "salto" nas relações com Itália mas deixa um desafio à comunidade portuguesa

Esta segunda-feira, em Roma, o Presidente da República considerou que houve "um salto humano" nas relações luso-italianas e um "estreitamento" em termos culturais, económicos e políticos, mas pediu à comunidade portuguesa para "ir mais longe". "Agora …

Falta de funcionários. Brandão Rodrigues responsabiliza algumas escolas por atraso no processo

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, lembrou que algumas escolas demoraram a iniciar o processo de contratação de funcionários, garantindo que atualmente há muito mais assistentes e novas formas de colmatar as necessidades dos …