Estar à beira da morte é uma experiência feliz (e a razão pode estar no cérebro)

A comunidade científica tenta há muito tempo entender o motivo pelo qual as experiências de quase-morte (EQM) são descritas como “pacíficas” ou “felizes”.

Christof Koch, cientista do Instituto Allen de Ciêncis do Cérebro, considera que a felicidade e a paz que o paciente sente numa experiência de quase-morte (EQM) tem uma resposta clara na biologia – mais ainda não se sabe qual.

“Aceito a realidade destas experiências intensamente sentidas. No entanto, como cientista, sei que todos os nossos pensamentos, memórias, perceções e experiências são consequência inelutável da natureza do nosso cérebro, e não de qualquer agente sobrenatural”, escreveu o especialista, num artigo publicado na revista Scientific American.

Quando estamos a morrer, o nosso cérebro vive um processo quimicamente angustiante: quando o coração pára de bater, o cérebro deixa de receber oxigénio e os neurónios tentam ao máximo impedir a morte, mesmo que o sistema que gera as suas cargas elétricas fique cada vez mais debilitado.

Sem oxigénio, os neurónios “calam-se” (isto é, deixam de comunicar uns com os outros), tentando poupar as suas reservas de energia para manter as suas cargas elétricas internas.

É então que ocorre aquilo a que os cientistas chamam de “tsunami cerebral“, quando o equilíbrio eletroquímico que mantém as células vivas entra em colapso havendo uma grande libertação de calor, que, consequentemente, destrói as células.

As regiões do cérebro vão “silenciando” uma após a outra. “A mente, com a energia que os neurónios ainda conseguem gerar, conta uma história moldada pela experiência, memória e expectativas culturais da pessoa”, escreveu o neurocientista.

As místicas experiências nas quais as pessoas relatam uma variedade de sintomas espirituais e físicos – como sensações extracorpóreas, alucinações visuais ou auditivas, pensamentos acelerados e distorção do tempo – afetam aproximadamente 10% da população.

“Os neurocirurgiões são capazes de induzir sentimentos de êxtase ao estimular eletricamente uma parte do córtex em pacientes epiléticos com elétrodos implantados no cérebro”, escreveu ainda o cientista, revelando que o resultado é muito semelhante à EQM: felicidade e experiências extracorpóreas.

Segundo Koch, este vínculo entre padrões de atividade induzidos por um médico e a experiência de quase-morte apoia a teoria de uma origem biológica por trás deste fenómeno, e não espiritual.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …