Estado Islâmico ameaça atacar a Europa durante o Natal

(dr) BlackOps Cyber

O Natal voltou a ser usado pelo Estado Islâmico como cenário de ameaça. A organização terrorista do Estado Islâmico planeia realizar ataques nas cidades europeias em vésperas das festividades cristãs.

A agência internacional privada BlackOps Cyber intercetou imagens ameaçadoras de um serviço de mensagens instantâneas usado por terroristas.

De acordo com o The Epoch Times, numa das mensagens, um indivíduo encapuçado é visto ao lado de um Pai Natal ajoelhado, tendo como fundo a rua comercial Regent Street, em Londres. “Em breve nas suas festas”, é a mensagem que acompanha a montagem, escrita em três idiomas diferentes: inglês, francês e alemão.

A imagem surge na sequência de uma série de detenções, realizadas na semana passada, na Alemanha. Seis refugiados árabes, supostos membros do Estado Islâmico, foram detidos por conspirarem ataques nos mercados de Natal das cidades alemãs. No entanto, os suspeitos foram libertados por falta de provas.

Segundo a RT, outra das possíveis cidades alvo do atentado poderá ser Paris. Uma segunda imagem, partilhada pelos extremistas, mostra a capital francesa ofuscada pela mão de um homem, cheia de sangue, a segurar uma faca.

(dr) BlackOps Cyber

Na semana passada, o Estado Islâmico também emitiu ameaças com uma imagem em que prometia um “Natal sangrento” na Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Natal em Espanha com reforço de alerta terrorista

Segundo o jornal Expresso, o dispositivo de segurança espanhol será reforçado em praticamente todas as cidades, principalmente nas zonas mais turísticas e mais movimentadas. Depois dos atentados jihadistas de agosto, em Barcelona e Cambrils, na Catalunha, as autoridades espanholas decidiram subir o nível de alerta para quatro, numa escala até cinco.

As medidas de proteção passam por colocar pilaretes blocos de cimento em ruas e praças e para impedir o acesso de veículos a zonas pedonais. A presença policial também irá ser reforçada ,sobretudo nas áreas comerciais e turísticas.

Aeroportos, estações de comboio, metro e autocarros vão ser alvo de um controlo mais apertado. O aumento do policiamento das cidades tem o objetivo, diz o semanário, de evitar um novo atentado terrorista no território espanhol.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Agora que o ISIS perdeu militarmente a guerra na Síria e Iraque (muito graças a Putin e às forças armadas sírias), seria a altura de criar internacionalmente uma central de investigação e combate, para acabar de vez com o Daesh. Desde logo, secando algumas fontes de financiamento que ainda continuam, e endurecendo penas para os radicalizados que sejam presos.
    É incrível que alguns países europeus se preparem para receber os seus nacionais como se fossem filhos pródigos… Eles que tinham viajado para o médio oriente a integrar as fileiras terroristas, e cometer bárbaros actos.

    • Carlos, até que enfim leio um comentário descente e bem posicionado sobre o assunto. Eu ainda não consigo entender como a França, Germania e Suécia estão de braços abertos para a invasão desses terroristas. Esta não é a primeira tentativa da invação muçulmana na Europa, como a invasão moura que durou por séculos até serem expulsos definitivamente por volta de 1450.

RESPONDER

Ventura admite que “vitória não foi total” ao falhar objetivo de ficar em terceiro

O líder do Chega admitiu hoje que a “vitória não foi total” nas autárquicas de domingo, ao falhar o objetivo de ser a terceira força política, mas defendeu que se “fez história” em Portugal, recusando …

Liveblog Autárquicas. Carlos Moedas ganha Lisboa

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Medina assume derrota em Lisboa. "É uma indiscutível vitória de Carlos Moedas"

Fernando Medina acaba de assumir a derrota nas eleições autárquicas, felicitando Carlos Moedas pela vitória na Câmara de Lisboa. "É uma indiscutível vitória pessoal e política de Carlos Moedas", sublinha Medina. "Foi um privilégio servir esta …

Contra a "vigarice" das sondagens, "o PSD teve um excelente resultado"

O PSD conseguiu todos os objectivos a que se propôs nestas eleições autárquicas, segundo Rui Rio. O presidente do PSD considera que o partido teve "um excelente resultado" contra a "vigarice" das sondagens e "contra …

Costa: "PS continua a ser o maior partido autárquico nacional"

António Costa canta vitória nas eleições autárquicas, apesar de ainda não se conhecerem os resultados finais de Lisboa, Sintra e Loures. Para o secretário-geral socialista, não há dúvida de que o "PS continua a ser …

O "primeiro amarelo" para Costa e o "CDS superou todos os objectivos"

"O CDS superou todos os objectivos a que se propôs nestas autárquicas". É assim que Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS-PP, canta vitória, considerando que António Costa "viu o seu primeiro cartão amarelo". Na reacção …

Pegadas provam que as Américas foram povoadas milhares de anos antes do que pensávamos

Investigadores descobriram evidências da presença de humanos nas Américas: pegadas com, pelo menos, cerca de 23.000 anos. A nossa espécie começou a migrar para fora de África há cerca de 100.000 anos. Além da Antártida, as …

Jerónimo assume que CDU ficou "aquém", mas não é "determinante para a política nacional"

Jerónimo de Sousa reconhece que os resultados da CDU, nas eleições autárquicas, ficaram "aquém" dos objectivos, mas alerta que não são "determinantes para a política nacional" e rejeita a hipótese de deixar a liderança do …

Geringonça à direita... ou à esquerda? Com Moedas e Medina taco a taco, IL e Bloco entram em jogo

Freguesia a freguesia, eis como Fernando Medina e Carlos Moedas estão a disputar a eleição para a Câmara de Lisboa. As sondagens dão um empate técnico e a Iniciativa Liberal já manifestou que está disponível …

Autárquicas: PS reivindica vitória e acredita que ganha em Lisboa

O secretário-geral adjunto do PS reivindicou hoje vitória do seu partido nas eleições autárquicas, dizendo que irá vencer em número de câmaras e de freguesias, e manifestou-se confiante no quinto triunfo consecutivo em Lisboa. Esta posição …