A erupção do Vesúvio transformou o cérebro de uma pessoa em vidro

Howard Stanbury / Flickr

O Vesúvio entrou em erupção em 79 d.C, assolando assentamentos num raio de 20 quilómetros. Um novo estudo mostra que a intensa explosão de calor transformou o cérebro de uma pessoa em vidro.

Nos anos 1960, arqueólogos descobriram os restos mortais de um ser humano nas ruínas de Herculano, deitado numa cama de madeira e coberto de cinzas vulcânicas.

De acordo com o estudo publicado na revista científica The New England Journal of Medicine, investigadores italianos da Universidade de Nápoles Federico II estudaram o conteúdo do crânio dessa pessoa e descobriram um pedaço de vidro preto brilhante.

Os cientistas argumentam que o material é tecido cerebral que foi queimado a uma temperatura extremamente alta e passou por um processo de vitrificação. Normalmente, é extremamente raro encontrar tecido cerebral durante o trabalho arqueológico, uma vez que se decompõe muito rápido. Em certas situações, o tecido cerebral pode ser preservado à medida que as gorduras do tecido são convertidas em glicerol e sais de ácidos gordos, transformando-se efetivamente em sabão.

No entanto, neste caso, o tecido foi submetido a uma temperatura tão intensa – cerca de 520ºC – que se tornou vitrificado. Este é o processo que acontece quando uma substância se transforma em vidro, geralmente através da exposição a temperaturas escaldantes..

De acordo com o IFLScience, havia várias pistas que se sugeriam que se tratava de tecido cerebral genuinamente vitrificado. Primeiro, o vidro contém várias proteínas que se podem encontrar nos tecidos do corpo humano. Os investigadores também detetaram ácidos gordos em óleo do cabelo humano dentro do material. Por fim, não havia vestígios de qualquer outro material vítreo semelhante em qualquer outro local do corpo ou do local.

Este humano não foi a única vítima do Monte Vesúvio em 79. A erupção catastrófica também destruiu as cidades romanas vizinhas de Pompeia, Oplontis, Stabiae e vários outros assentamentos mais pequeno, o que resultou em milhares de mortes. Muitos foram sufocados com cinzas vulcânicas, outros com gás quente e outros instantaneamente vaporizados pela onda de calor.

Um outro novo estudo, divulgado recentemente na revista científica Antiquity, revelou que centenas de pessoas em Herculano ficaram presas dentro de casas de barcos, onde morreram lentamente “assadas” vivas.

Segundo os cientistas, a descoberta deste cérebro de vidro é única e parece ser a primeira vez que isto é visto em contexto arqueológico. No entanto, os investigadores observam que houve relatos semelhantes sobre cérebros de vidro entre as vítimas do bombardeamento de Dresden, na 2ª Guerra Mundial, que matou cerca de 25 mil pessoas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

OE2021. Bloco prepara voto contra. PSD só salva proposta se Costa pedir desculpa

O Bloco de Esquerda prepara-se para votar contra o Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, avança este sábado o semanário Expresso. Governo e Bloco de Esquerda tem negociado nos últimos dias a proposta de …

Inscrição perdida contém a chave para o enigma dos esqueletos de Almaçã

Uma inscrição de pedra desaparecida esconde a chave para o mistério dos esqueletos de Almaçã, enterrados debaixo de uma muralha medieval. Em Almaçã, Espanha, onze corpos foram enterrados debaixo de uma enorme muralha de uma vila …

Espanha prepara-se para decretar estado de alerta

O Governo espanhol prepara-se para decretar estado de alerta em todo o território, depois de ter colocado a região de Madrid neste nível de alerta. A notícia é avançada este sábado pelo jornal espanhol El País, …

Jerónimo de Sousa deve ser reconduzido na liderança do PCP

O atual secretário-geral do PCP deve ser reconduzido no cargo no congresso que está agendado para o final de novembro, avança este sábado o jornal Público. De acordo com o matutino, as atuais regras sanitárias …

Elixir oral (e outros produtos domésticos) poderá ajudar a neutralizar o SARS-CoV–2

Alguns produtos domésticos, como é o caso do elixir oral e produtos para a descongestionar as vias nasais, mostraram-se eficazes em neutralizar um tipo coronavírus num estudo científico levado a cabo com células humanas. A …

Presidente da Polónia com teste positivo de covid-19

O Presidente da Polónia, Andrzej Duda, testou positivo para o novo coronavírus, anunciou este sábado o porta-voz do chefe de Estado. "Como se esperava, o Presidente @AndrzejDuda foi ontem [sexta-feira] submetido a um teste para detetar …

"Com o futebol acabei com a Guerra do Iraque". Jorvan Vieira, o treinador português que é Deus no mundo árabe

Jorvan Vieira é um nome que pouco deve dizer à maioria dos adeptos de futebol. Filho de portugueses emigrados no Brasil, fez grande parte da sua carreira no Médio Oriente, onde é acarinhado por milhões. …

Capacidade de cuidados intensivos na Europa vai chegar ao limite, alerta OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou esta sexta-feira que muitas unidades de cuidados intensivos na Europa vão chegar ao limite da sua capacidade nas próximas semanas. "Há uma situação muito preocupante a acontecer na Europa. …

Geólogos "ressuscitam" placa tectónica desaparecida

A existência da placa tectónica Ressurreição nunca foi consensual: alguns geólogos argumentam que nunca foi real e outros alegam que a placa sofreu um processo de subducção no manto da Terra, em algum lugar da …

Não se esqueça: muda a hora este domingo

Os relógios vão atrasar 60 minutos na madrugada do próximo domingo em Portugal para dar início ao horário de inverno. Em Portugal Continental e na Região Autónoma da Madeira, os relógios deverão ser atrasados uma hora …