Equipa de arqueólogos restaura pinturas romanas da Basílica Paleocristã de Troia

troiaresort.pt

Pinturas romanas da Basílica Paleocristã de Troia

Pinturas romanas da Basílica Paleocristã de Troia

A equipa de arqueologia do Troiaresort, que já recuperou parte do complexo de salgas de peixe de Troia, com quase dois mil anos de história, tem agora como objectivo a recuperação das pinturas romanas na Basílica Paleocristã de Tróia, no distrito de Setúbal.

“Quando assumi a responsabilidade por este sítio, não sendo ainda possível valorizar o edifício da basílica, achei que era importante começar a restaurar a pintura mural, nem que fosse aos poucos. É isso que temos vindo a fazer, um bocadinho cada ano, desde 2012″, disse à agência Lusa Inês Vaz Pinto, diretora da equipa de arqueologia do Troiaresort.

“Temos gasto aqui cerca de 5.000 euros por ano, com uma empresa especializada – a Mural da História – que tem feito este trabalho de restauro”, acrescenta Inês Vaz Pinto, salientando a importância histórica deste conjunto de “pintura romana tardia, muito geométrica”.

academia.edu

A arqueóloga Inês Vaz Pinto

A arqueóloga Inês Vaz Pinto

De acordo com a arqueóloga, as paredes da basílica estão dividas em três faixas: uma parte inferior com marmoreados imitando placas, uma faixa intermédia e uma superior, em que há, sobretudo, “padrões geométricos, com redes de octógonos, círculos, losangos e, por vezes, temas figurativos como flores e aves”.

“E ainda alguns motivos muito significativos, como o cântaro, que pode evocar o banquete ou a água do batismo. O cântaro é um tema muito habitual em toda a temática paleocristã”, explica.

A basílica paleocristã de Tróia é considerada uma das mais antigas da Península Ibérica e das apresentam melhor estado de conservação, a que não será estranho o facto de ter estado soterrada por dunas de areia durante muitos séculos e de só ter sido colocada totalmente a descoberto nos anos 70 do século passado.

Segundo Inês Vaz Pinto, a Basílica Paleocristã de Tróia, que antecedeu a Capela de Nossa Senhora de Troia, onde se realiza a festa anual dos pescadores de Setúbal, tinha pintura em todas as paredes, até uma altura média de 3,15 metros, que terá sido executada logo que a igreja foi feita, no final do século IV ou no início do século V.

Uma dessas paredes tem estado a ser recuperada com o apoio financeiro da Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS), que se tem interessado pelas ruínas de Tróia, por considerar que se trata de um património histórico ligado às vertentes da pesca, indústria e transporte marítimo de mercadorias e que por isso são parte da história do porto de Setúbal.

“Isto era um grande sítio exportador de produtos de peixe, com muita movimentação de mercadorias e de barcos, com toda a certeza. A APSS já nos apoiou, com 4.500 euros, na recuperação de uma parede e quer renovar o protocolo nos próximos anos”, justifica Inês Vaz Pinto, satisfeita com a ajuda financeira da administração portuária de Setúbal.

troiaresort.pt

As ruínas romanas de Tróia

As ruínas romanas de Tróia

Os trabalhos de restauro das pinturas romanas de Tróia, que estão a decorrer desde 2012, visam também corrigir algumas intervenções efetuadas na década de 1970, em que os materiais utilizados para a conservação daquele património histórico não terão sido os mais adequados.

“Nos anos 70 sentiu-se a necessidade de fazer restauros. Consolidaram-se as paredes com gesso e argamassa à base de cimento. São materiais que não são considerados adequados, porque são muito mais resistentes do que as próprias pinturas e que fazem, por vezes, estalar as pinturas que estão à volta ou concentrar os sais nessas áreas”, diz.

Para Inês Vaz Pinto, a recuperação das pinturas da basílica paleocristã representa um contributo importante para a valorização do património histórico das Ruínas Romanas de Tróia, classificadas como Monumento Nacional desde 1910.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …