Coronavírus obriga Enzo Pérez a jogar lesionado (e à baliza)

Gabriel Bouys / AFP

Enzo Pérez, ex-jogador do SL Benfica está agora no River Plate.

Com 20 casos de covid-19 na equipa e os quatro guarda-redes indisponíveis, o River Plate vai ter de alinhar com Enzo Pérez na baliza, ainda que o ex-Benfica esteja lesionado.

O River Plate recebe o Independiente de Santa Fé, esta quinta-feira, num jogo a contar para a fase de grupos da Copa Libertadores. Assolada por uma vaga de covid-19, com 20 casos positivos dentro do plantel, a equipa argentina vai ter de recorrer a medidas drásticas para conseguir alinhar com 11 jogadores.

Principalmente porque os quatros guarda-redes do plantel estão todos infetados, o que obriga o River Plate a improvisar na sua escolha para guardar a baliza. O candidato será o ex-benfiquista Enzo Pérez.

Apesar de estar lesionado, afastado por uma distensão muscular na coxa direita, o médio está disposto a sacrificar-se pela equipa e jogar lesionado… à baliza.

Esta foi a alternativa encontrada após o pedido à CONMEBOL para inscrever dois jogadores da formação ter sido, surpreendentemente, recusado.

Desta forma, o jornal desportivo Olé escreve que o plano do treinador Marcelo Gallardo passa por utilizar o jogador de 35 anos na baliza. Enzo Pérez foi testado no treino e deverá mesmo atuar entre os postes.

Além da vaga de covid-19 no plantel, o River Plate tem ainda alguns lesionados no plantel, o que deixa Gallardo sem opções no banco.

Os Los Millonarios ocupam o segundo lugar do Grupo D, com seis pontos, os mesmo do Junior Barranquilla, que tem um jogo a mais. Por sua vez, o Santa Fé ocupa o último lugar com dois pontos.

Enzo Pérez esteve na Luz entre 2011 e 2014, tendo sido vendido, em janeiro de 2015, ao Valencia, por 25 milhões de euros.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.