Enorme tempestade solar de junho de 2015 causou uma fenda no campo magnético da Terra

NASA Goddard / Flickr

Conceito de artista do Campo Magnético da Terra

Conceito de artista do Campo Magnético da Terra

O telescópio GRAPES-3, o mais sensível a raios cósmicos do mundo, registou um aumento da radiação que atinge a Terra, o que pode indicar uma fissura no campo magnético do planeta.

Esta falha temporária apareceu quando uma enorme nuvem de plasma foi ejetada da coroa solar e atingiu a Terra no dia 22 de junho de 2015, causando uma compressão na magnetosfera que, segundo a Phys.org, resultou numa enorme tempestade geomagnética.

De acordo com os especialistas, a nuvem de plasma atingiu a Terra a uma velocidade de 2,5 milhões km/h, e, naquele momento, foi possível observar uma aurora boreal mais intensa do que o normal e várias falhas na comunicação via rádio nos países de altas latitudes.

Há vários tipos de erupções solares, mas as classes M e X são a mais significativas porque podem causar tempestades magnéticas na Terra.

A tempestade solar de 18 de junho de 2015 causou uma erupção solar classe M 3.0 com ejeção de massa coronal (EMC).

Esta descoberta provocou um grande entusiasmo na comunidade científica e foi publicada recentemente na Physical Review Letters.

A magnetosfera da Terra estende-se por um raio de milhões de quilómetros, e é uma espécie de primeira linha de defesa, protegendo a humanidade contra o fluxo contínuo de raios cósmicos do Sol e do resto da galáxia.

Com a fissura causada pela tempestade solar, o planeta passou a ser atingido por uma radiação de baixa energia, que não foi refletida pelo campo magnético como devia acontecer.

O escudo protetor da Terra ficou enfraquecido durante duas horas mas, felizmente, conseguiu recuperar.

As tempestades solares podem causar grandes distúrbios à civilização humana, incapacitando grandes redes de energia elétrica, sistemas de posicionamento global (GPS), operações de satélites e comunicações via rádio.

Apesar de não haver nada a fazer contra este tipo de tragédia, os cientistas acreditam que investigações futuras possam ajudar a preparar a humanidade para as consequências.

BZR, ZAP // Ciberia

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Perante a física não é possível haver fendas no campo magnético da terra .
    Esta gente da ciência considera todos os que lêm as suas noticias uns incultos e por isso pegam em qualquer coisa que lhes mandam .
    O campo magnético pode enfraquecer ligeiramente mas nunca abrir fendas , é a mesma coisa que no campo magnético de um íman haver uma fenda .
    Simplesmente ridículo .

    O campo magnético da terra é gerado pelo metal líquido no núcleo da terra circular a alta velocidade .

    https://en.wikipedia.org/wiki/Earth%27s_magnetic_field

RESPONDER

"Breaking Bad": professor japonês incentiva alunos a produzir ecstasy

Um professor universitário japonês pode apanhar até dez anos de prisão depois de, alegadamente, incentivar os alunos a produzir ecstasy, num eco à série televisiva norte-americana "Breaking Bad", informaram as autoridades na passada quarta-feira. Segundo o …

União Europeia lança programa-piloto de “Erasmus para artistas”

A Comissão Europeia já lançou o i-Portunus, um projeto-piloto que possibilita a artistas residentes nos Estados-membros da União Europeia trabalhar entre 15 e 85 dias noutro país. A primeira edição da iniciativa abriu com 500 vagas …

Seleção de género pode ter impedido 23 milhões de meninas de nascer

Uma análise dos dados da população mundial sugere que os abortos baseados em seleção sexual interromperam o nascimento de, pelo menos, 23 milhões de meninas. A maior parte dessas raparigas "em falta" estariam na China …

Ministra brasileira diz que as mulheres devem ser submissas ao homem no casamento

Uma nova declaração da ministra brasileira da Mulher, Damares Alves, gerou mais uma polémica. Desta vez, a chefe do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos disse que "dentro da sua conceção cristã" as mulheres …

Marinha procura barco desaparecido desde quarta-feira. Sete a nove pessoas a bordo

A Marinha Portuguesa está a realizar buscas a 518 quilómetros de Peniche para detetar uma embarcação que lançou um alerta às 23:50 de quarta-feira (hora de Lisboa), disse à Lusa o porta-voz daquela força armada. A …

Liberdade de imprensa em risco: "ódio aos jornalistas transformou-se em violência"

A liberdade de imprensa continua a deteriorar-se em muitos países, "onde o ódio aos jornalistas se transformou em violência", de acordo com a advertência dos Repórteres Sem Fronteiras (RSF). "O número de países onde os jornalistas …

Matemática do canibalismo prova benefícios de comer os próprios filhos

O canibalismo filial é o ato de comer as próprias crias. Por chocante que pareça, cientistas descobriram um possível benefício para esta horrenda prática, que já foi documentada em várias espécies de animais. Um estudo publicado …

Tempos de resposta penalizam SNS e mandam doentes para o privado

Os critérios "políticos" para definir os tempos máximos de resposta em consultas e cirurgias podem penalizar os hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS), com um aumento de envio de doentes para o setor privado …

Salvem o planeta como a Notre-Dame, pediu Greta Thunberg no Parlamento Europeu

Na terça-feira, Greta Thunberg deu início a uma intervenção no Parlamento Europeu e alertou os líderes europeus para a urgência de salvar o planeta, da mesma forma que se quer salvar a Catedral de Notre-Dame …

Caso Luís Grilo segue já para julgamento. Defesas rejeitaram fase de instrução

O processo de Rosa Grilo e António Joaquim, acusados pelo Ministério Público do homicídio do triatleta Luís Grilo, segue diretamente para julgamento, uma vez que as defesas prescindiram da fase de instrução. Rosa Grilo e António …