Encontrados os restos do último unicórnio

Durante décadas os cientistas estimaram que o unicórnio siberiano – um mamífero há muito extinto que se parecia mais com um rinoceronte do que com um cavalo – desapareceu há 350 mil anos.

No entanto, um esqueleto fossilizado vem deitar essa teoria por terra. O esqueleto foi encontrado no Cazaquistão e prova que que as incríveis criaturas ainda caminhavam sobre a Terra há cerca de 29 mil anos.

Sim, isso quer dizer que existiu mesmo um unicórnio na Terra, mas não era nada como os que se podem encontrar nos livros infantis.

O verdadeiro unicórnio, Elasmotherium sibiricum, era opulento, peludo e gigante. Na verdade, parecia-se com os rinocerontes modernos, mas carregava um corno na testa.

De acordo com as mais recentes descrições, o unicórnio siberiano tinha cerca de 2 metros de altura, 4,5 metros de comprimento e pesava cerca de quatro toneladas: esta descrição situa-se muito mais próxima da de um mamute do que da de um cavalo. Apesar das suas dimensões impressionantes, o mais provável é que o unicórnio fosse um herbívoro que se alimentava à base de erva.

Por isso, para ter uma imagem mais correta do que seria um unicórnio, pense num rinoceronte peludo com um corno gigante na testa.

O novo fóssil, que estava muito bem preservado, foi encontrado na região Pavlodar do Cazaquistão. Investigadores da Tomsk State University conseguiram datá-lo de há 29 mil anos através de técnicas de radiocarbono.

Com base no tamanho e condições do esqueleto, os investigadores conseguiram perceber que se trataria de um animal já muito velho. No entanto, ainda não foi possível apurar como morreu o unicórnio.

A questão que continua a assombrar os especialistas é como é que este unicórnio durou muito mais tempo do que os que morreram centenas de milhares de anos antes.

“O mais provável é que o sul da sibéria Ocidental fosse um refúgio onde este unicórnio se preservou mais em comparação com outros”, disse Andrey Shpanski, um dos arqueólogos. “Também existe a possibilidade de o unicórnio ter migrado e durante uns tempos habitou nas regiões mais a sul”.

A equipa espera que esta descoberta os ajude a perceber como os fatores ambientais interferiram na extinção desta mítica criatura, já que parece que alguns viveram bastante mais do que inicialmente se pensava.

Saber como a espécie sobreviveu durante tantos anos e o que potencialmente levou à sua extinção pode ajudar-nos a tomar decisões mais informadas sobre o futuro da nossa própria espécie.

 

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Foi encontrado enterrado no quintal do Pai Natal, por acidente, devido a uma queda do Pinóquio, quando soube que a Branca de Neve se tinha zangado com a Fada dos Dentes por causa do Abominável Homem das Neves, o qual tinha ido passar o fim de semana com o Monstro de Loch Ness.

RESPONDER

Depois da polémica, Hank Azaria deixa de dar voz a Apu dos "Simpsons"

O ator que dá voz à personagem indiana Apu Nahasapeemapetilon, da série "Os Simpsons", anunciou que vai deixar de o fazer, depois de vários anos de polémica. Segundo a BBC, Hank Azaria anunciou, este fim-de-semana, que …

"Parasite" vence prémio principal do Sindicato dos Atores dos EUA

O filme do realizador sul-coreano Bong Joon-ho venceu, no domingo, o prémio mais importante do Sindicato dos Atores dos Estados Unidos (SAG), tornando-se o primeiro filme em língua estrangeira a receber tal distinção. A comédia negra …

Cientistas criam método inovador para tratamento de lesões agudas da pele

Investigadores do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) de Coimbra desenvolveram um método “inovador e sensível à luz”, que poderá ser útil no tratamento de lesões agudas da pele. Um grupo de investigadores do CNC …

Elon Musk quer enviar 10 mil pessoas a Marte até 2050

O CEO da Space X, Elon Musk, quer construir cem naves por ano e levar pelo menos dez mil pessoas a Marte até 2050, embora os protótipos das naves espaciais Starship ainda estejam sujeitos a …

Como será um iPhone daqui a um milhão de anos? Artista mostra o impacto de lixo eletrónico

https://vimeo.com/386000590 A exposição The World After Us: Imaging techno-aestethic futures tem instalações onde se pode ver a natureza a tomar conta de telemóveis, computadores, tablets e outros dispositivos, mostrando que dificilmente se desintegrarão nos próximos anos. Os …

Marca japonesa acusada de apropriação cultural por perucas de modelos

A marca japonesa Comme Des Garçons foi acusada de apropriação cultural devido às perucas usadas pelos seus modelos caucasianos num desfile na Paris Fashion Week, em França. De acordo com a BBC, as perucas com tranças …

Índia suspende a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop

As autoridades estatais do estado indiano de Maharashtra decidiram suspender a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop, que iria ligar as movimentadas cidades de Bombaim e Pune. O Governo local decidiu não avançar para …

Regina Duarte inicia "período de testes" na Secretaria da Cultura do Brasil

A atriz brasileira afirmou, esta segunda-feira, que iniciou um "período de testes" na Secretaria Especial da Cultura, pasta que foi convidada a liderar após a exoneração de um governante que parafraseou um discurso nazi. "Nós vamos …

Malásia devolve 150 contentores ilegais de lixo a países desenvolvidos

As autoridades da Malásia anunciaram, esta segunda-feira, que devolveram 150 contentores ilegais de lixo para os seus países de origem e afirmaram que não se querem tornar num "aterro sanitário" dos países desenvolvidos. Os países da …

Vietname contorna Huawei ao desenvolver tecnologia própria para o 5G

O maior grupo de telecomunicações do Vietname vai implementar este ano o 5G com recurso à sua própria tecnologia, contornando os chineses da Huawei, num sinal das implicações geopolíticas da rede de quinta geração. A empresa …