Encontrados descendentes vikings enterrados há 800 anos na Sicília

Sławomir Moździoch / Polish Academy of Sciences

Um dos esqueletos encontrados perto de Sicília

Um grupo de arqueólogos descobriu recentemente túmulos medievais com cerca de 800 anos na Sicília e apontam que há uma forte possibilidade dos esqueletos encontrados pertencerem a descendentes de vikings.   

A pesquisa, liderada por investigadores polacos, encontrou acidentalmente dez sepulturas perto da igreja medieval de San Michele del Golfo, perto de Palermo, na Sicília, nas quais encontraram restos de esqueletos de descendentes vikings.

Segundo os investigadores, os indivíduos encontrados eram oriundos da Normandia. Os normandos – povo medieval descendente na sua grande maioria de vikings – surgiram depois de os nórdicos se estabeleceram no norte da França, onde conquistaram terras e criaram o seu próprio ducado.

“Alguns dos mortos enterrados no cemitério eram, sem dúvida, membros da elite ou do clero, como indica a forma dos túmulos”, disse Sławomir Moździoch, arqueólogo no Instituto de Arqueologia e Etnologia da Academia Polaca de Ciências em Varsóvia e líder da escavação.

Após examinar os restos mortais das 10 pessoas encontradas, os investigadores concluíram que três das sepulturas pertenciam a mulheres e a duas crianças. As análises aos restos mortais ainda não estão concluídas e não foram determinadas as causas das mortes.

Não foram encontrados quaisquer bens enterrados junto dos esqueletos, mas uma análise de um antropólogo ajudou os arqueólogos a determinar que os mortos eram provavelmente oriundos da Europa Ocidental. Ou seja, muito provavelmente eram normandos do norte de França.

“De acordo com o antropólogo local, a altura e estrutura maciça dos esqueletos aqui encontrados apontam para esse origem”, explicou Moździoch.

Não é considerado assim tão surpreendente encontrar normandos na Sicília. Este povo medieval de navegadores enviou no século IX e XX várias expedições ao sul da Itália e à Sicília, bem como à Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda.

Sławomir Moździoch / Polish Academy of Sciences

Equipa de arqueólogos durante as escavações

“Na segunda metade do século XI, a ilha foi reconquistada aos árabes por um nobre normando, Roger de Hauteville“, apontou o líder da escavação.

O “cemitério” encontrado foi associado a um hospital da igreja, que foi mencionado num documento datado do século XII. A construção da catedral terá começado ainda antes da cidade de Palermo ser reconquistada dos muçulmanos. E, por isso mesmo, foi fortificada e construída numa colina, que funcionava como um lugar estratégico durante as batalhas.

“A forma da Europa Ocidental está patente na igreja – não só na sua arquitetura, mas também em moedas encontradas cunhadas das regiões de Champanhe, na França, e Lucca, na Itália -, indicam que os seus construtores e os próprios frequentadores podem ter vindo da Normandia e do norte da Península de Apeninos”, concluiu Moździoch.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. “Este povo medieval de navegadores enviou no século IX e XX várias expedições ao sul da Itália e à Sicília, bem como à Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda.”

    No século passado ainda havia Vikings? O que a gente aprende todos os dias…

RESPONDER

Cada vez mais mulheres denunciam abusos médicos durante o parto

Um número crescente de mulheres tem vindo a denunciar casos de abuso durante o trabalho de parto. No entanto, pouco está a ser feito para mudar isto. Durante o parto, as mulheres ficam numa posição vulnerável …

Já podemos explorar "Melckmeyd", naufrágio holandês do século XVII

Nas profundezas do Oceano Atlântico, perto da costa da Islândia, encontram-se os destroços de um navio holandês que afundou há 360 anos, no qual agora podemos "mergulhar" graças a uma experiência de realidade virtual. Quando a …

Os furacões podem provocar atividade sísmica tal como um terramoto

Uma equipa de cientistas descobriu um novo fenómeno geofísico no qual furacões ou fortes tempestades podem produzir vibrações no fundo do oceano tão fortes quanto um terramoto de magnitude 3.5. "As tempestades, furacões ou ciclones extratropicais …

Quem anda mais devagar pode envelhecer mais rapidamente

A velocidade a que caminham as pessoas aos 45 anos pode ser um indicador de como é que o cérebro e o corpo envelhecem, revela um novo estudo levado a cabo por uma equipa de …

Sporting apresentou participação disciplinar à FPF contra o Alverca

O Sporting participou ao Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) contra a utilização de Luan pelo Alverca no jogo da Taça de Portugal, confirmou à agência Lusa fonte ligada ao processo. Em causa, …

Há um país europeu que está a "importar" padres da Índia

O clero irlandês está a ficar cada vez mais envelhecido e as novas gerações parecem menosprezar a profissão. Por isso, a Igreja procura soluções no exterior. Há dois anos, o padre Francis Xavier Kochuveettil aterrou no …

Fábio Silva fez história na goleada frente ao Coimbrões

Fábio Silva, o jovem avançado do FC Porto, fez este sábado história no jogo frente ao Coimbrões: tornou-se o mais jovem de sempre a marcar pelos dragões. No jogo deste sábado para a Taça da …

Relação com o PS "nunca foi fácil", diz Catarina Martins

O Bloco de Esquerda assumiu este sábado que a relação com o PS “nunca foi fácil” e recusou que a perda de votos e a falta de um acordo de maioria parlamentar possam ser encarados …

Pedro Rodrigues, ex-líder da JSD, quer liderar a bancada do PSD

O antigo líder da JSD Pedro Rodrigues quer liderar a bancada parlamentar do PSD durante a próxima legislatura, avança o Expresso este sábado, dando conta que o deputado eleito por Lisboa já está a recolher …

Boris Johnson pede novo adiamento do Brexit (e reitera que não o quer)

Depois do Dia D que pouco ou nada definiu no Parlamento britânico, o primeiro-ministro Boris Johnson assegurou esta sábado ao presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, que vai fazer um novo pedido de adiamento do …