Encontrada a árvore mais alta da Amazónia. Armazena tanto carbono como um hectare de floresta tropical

Uma nova investigação da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, descobriu a árvore mais alta conhecida da Amazónia, elevando-se acima do recordista anterior, a uma altura de 88,5 metros. 

Um grupo de árvores gigantes foi descoberto por Eric Gorgens, investigador da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), no Brasil, usando o LIDAR – um método de sensoriamento remoto com um scanner a laser numa aeronave.

Toby Jackson, cientista de plantas do Instituto de Pesquisa em Conservação da Universidade de Cambridge, juntou-se a Gorgens numa expedição para visitar as árvores gigantes. A equipa validou a altura da árvore mais alta e colheu amostras do sub-bosque para tentar entender o que torna este local tão especial.

As árvores ajudam a mitigar as mudanças climáticas, retirando o carbono da atmosfera e armazenando-o. Quanto maior a árvore, mais carbono armazena. De acordo com o comunicado divulgado pela Universidade de Cambridge, esta árvore gigante poderia armazenar tanto carbono como um hectare inteiro de floresta tropical noutro lugar da Amazónia.

Os investigadores encontraram, segundo o relato escrito no The Conversation, pelo menos 15 árvores gigantes, que tinham todas mais de 70 metros de altura. Estas árvores estão a crescer numa região remota do norte do Brasil, longe da atividade humana, e podem ter mais de 400 anos.

Curiosamente, segundo o mesmo comunicado, são todas da mesma espécie, denominada Dinizia excelsa, conhecida em português como Angelim vermelho. Esta espécie é comum na Amazónia, frequentemente usada devido à sua madeira forte, embora fedorenta. Anteriormente, pensava-se que crescia apenas até aos 60 metros de altura.

Cada Angelim vermelho pode armazenar até 40 toneladas de carbono – isto é, entre 300 e 500 árvores mais pequenas, ocupando apenas 20 espaços.

De acordo com os investigadores, é provável que haja mais árvores gigantes por aí – e algumas podem ser ainda mais altas do que a nova recordista.

O facto de que descobertas como estas ainda estão a ser feitas – mesmo enquanto partes da floresta estão a ser destruídas pela exploração madeireira, queima e expansão agrícola – demonstra o quanto ainda há para aprender sobre este misterioso ecossistema. Infelizmente, é provável que muitas espécies desconhecidas na Amazónia se extingam antes de as descobrirmos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. lol…

    e qto oxigénio consome à noite?

    se calhar como n cientistas disseram a propósito do suposto “pulmão do mundo”, o consumo de oxigénio e a sua produção no fundo anulam-se.

RESPONDER

"Este mês é perigosíssimo!" Costa avisa que "não podem ir à terra" na Páscoa

"As pessoas não podem ir à terra!" O alerta é de António Costa que avisa que este mês de Abril "é perigosíssimo" por causa da Páscoa. O primeiro-ministro recomenda também aos emigrantes que não venham …

13% dos casos de covid-19 em Portugal são profissionais de saúde. Há 10 médicos nos cuidados intensivos

Um em cada oito infetados com o novo coronavírus em Portugal é profissional de saúde. O número de médicos, enfermeiros, auxiliares e outros trabalhadores de hospitais e centros de saúde que estão contagiados não pára …

Curva em Itália parece estar a aplanar. Confirmado primeiro caso num campo de refugiados grego

A Itália registou mais 4.053 casos positivos e mais 837 mortes em 24 horas, valores semelhantes aos de segunda-feira e que sugerem que a curva da covid-19 parede estar a estabilizar. De acordo com o Observador, …

Há mais de 8 mil infetados e 187 mortes por covid-19 em Portugal

Há mais 27 mortes em relação a terça-feira, aumentando o número total de óbitos para 87. O número de casos confirmados em Portugal já ascende as 8 mil pessoas. O boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da …

Há falhas no sistema que regista casos de covid-19. A "esmagadora maioria" não vai ser contabilizada

O sistema que regista os casos de covid-19 em Portugal é "um pesadelo burocrático", denunciam os infecciologistas. A "esmagadora maioria" dos casos vai acabar por não ser notificada, acrescentam. O problema tornou-se público quando a Direção-Geral …

Mais de 3600 empresas já pediram acesso ao lay-off simplificado

O Governo já recebeu 3600 pedidos de empresas para aderirem ao regime lay-off lançado na semana passada, disse, esta terça-feira, a ministra do Trabalho e da Segurança Social. Ana Mendes Godinho, que falava aos jornalistas no …

Em tempos de crise, os emprestados podem ser a solução do Benfica

Bruno Varela, Cristián Lema, Filip Krovinovic, Gedson Fernandes e Diogo Gonçalves são hipóteses que Bruno Lage tem a seu dispor para regressar dos empréstimos. A suspensão das competições desportivas deixa muitos clubes entre a espada e …

Trump muda de discurso. Próximas duas semanas serão "dolorosas" e podem morrer 100 mil pessoas

Esta terça-feira, o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, falou ao país com um discurso mudado, mais pessimista e alarmista. Com o número de doentes infetados com covid-19 nos Estados Unidos a superar os 187 mil …

Autódromo do Algarve já pode receber corridas de Fórmula 1

Pista de Portimão deverá receber ainda este ano testes privados de uma das equipas do pelotão da Fórmula 1 e pretende candidatar-se a receber os testes de inverno a partir de 2021. O Autódromo Internacional do …

Medidas de contenção já salvaram 120 mil pessoas na Europa

As medidas de contenção adotadas por vários países europeus salvaram a vida de cerca de 120 mil pessoas na Europa, revela um novo relatório de investigadores britânicos. Um estudo do Imperial College London revela que as …