Elton John obrigado a interromper concerto devido a crise de pneumonia

Florian Schuh / EPA

Elton John

O cantor britânico foi obrigado a interromper um concerto, na Nova Zelândia, devido a um diagnóstico de pneumonia atípica.

No último domingo, o cantor britânico Elton John interrompeu um concerto no Auckland’s Mount Stadium, na Nova Zelândia, devido a um diagnóstico de pneumonia atípica.

As lágrimas eram visíveis no rosto do artista quando este revelou que precisava de se retirar. “Perdi completamente a voz, não consigo cantar. Tenho de ir. Peço desculpa“, declarou o compositor, de acordo com informações adiantadas pelas agências Reuters e AFP.

Após uma hora e 25 minutos de concerto, Elton John abandonou o palco entre ovações e manifestações de apoio. A causa do incidente foi revelada mais tarde via Twitter.

“Quero agradecer a toda a gente que assistiu ao concerto da #EltonFarewellTour esta noite em Auckland. Fui diagnosticado hoje com pneumonia atípica, mas estava determinado a dar-vos o melhor concerto humanamente possível”, afirmou.

John agradeceu a atitude compreensiva dos presentes e reforçou o seu empenho em continuar a atuação. “Eu toquei e cantei a plenos pulmões, até a minha voz não poder mais cantar. Estou desiludido, muito transtornado e lamento. Dei tudo o que tinha”, concluiu o cantor.

Em declarações à imprensa, a primeira ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, desejou as melhoras a John. “Achei incrivelmente generoso da parte dele dar um concerto assim, tendo em conta que, obviamente, se sentia muito mal”.

O próximo concerto do artista em Auckland, marcado para 17 de fevereiro, teve de ser adiado até quarta-feira. Segundo o canal estatal 1News, o terceiro espetáculo na cidade, no dia 20, não se encontra em risco. A equipa do músico mantém-se otimista e espera a sua rápida recuperação.

Aos 72 anos, Elton John prepara-se para deixar o estrelato. A despedida surge na forma da aguardada tournée mundial Farewell Yellow Brick Road, a decorrer desde setembro de 2018. O término da digressão está marcado para finais de 2020 em Londres.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE