Duques de Sussex apelam ao voto nas eleições norte-americanas. Trump deseja “muita sorte” a Harry

Quarta-feira, o duque e a duquesa de Sussex participaram num vídeo polémico, no qual apelaram aos eleitores americanos para rejeitarem “os discursos de ódio, a desinformação e o pessimismo online.”

Atualmente a viver nos Estados Unidos com o Príncipe Harry, Meghan referiu-se à corrida presencial como “a eleição mais importante da nossa vida“, enquanto o casal apelava aos americanos para exercerem o seu direito ao voto, num vídeo da revista Time.

“Nesta eleição não estou elegível para votar nos EUA. Mas muitos de vocês podem nem saber que eu não pude votar no Reino Unido durante a minha vida toda. À medida que nos aproximamos de novembro, é vital rejeitarmos os discursos de ódio, a desinformação e o pessimismo online”, acrescentou Harry, referindo-se às eleições presidenciais daquele país, que têm data marcada para o dia 3 de novembro.

O casal não apoiou nenhum candidato em específico, mas os seus comentários foram interpretados como um apoio à candidatura de Joe Biden, em detrimento de Donald Trump. Antes de pertencer à família real britânica, Meghan não escondia a sua opinião sobre Trump, que considerava “misógino”.

Um porta-voz da família real disse que o duque “não é um membro trabalhador da família real e quaisquer comentários que faça são a título pessoal.” No entanto, uma fonte do Palácio de Buckingham disse que Harry “cruzou a linha”, de acordo com o Times.

Joe Little, o editor-chefe da revista Majesty, disse ser compreensível que Meghan se envolva no assunto, como cidadã americana, apesar de pertencer à família real britânica. Por outro lado, Little considera que as pessoas irão criticar muito mais o Príncipe Harry porque “como um príncipe de sangue, não é bem visto que fale sobre política, seja britânica ou americana.”

“Ele pode estar a milhares de quilómetros de distância, mas ainda é um membro da família real, o neto da rainha, e é algo que não faria se ainda estivesse no Reino Unido”, rematou.

No vídeo, Meghan alertou os cidadãos americanos: “Faltam apenas seis semanas para as eleições e hoje é o Dia Nacional de Registo de Eleitores. A cada quatro anos ouvimos o mesmo, que esta é a eleição mais importante da nossa vida. Mas esta é mesmo.”

Sobre o pessimismo online, Harry disse que “quando o mal supera o bem” isso corrói a capacidade de sentir compaixão e de “nos pormos no lugar dos outros”. “É hora, não só de refletir, mas também de agir“, atirou o membro da família real britânica.

De acordo com o The Guardian, uma fonte próxima de Harry defendeu o casal, dizendo que o príncipe não se referia a Trump ou a qualquer outro candidato, mas que falava apenas do “tom do debate na corrida para uma eleição que já é bastante febril.”

“Ele não está a falar de nenhum candidato ou campanha em específico. Está apenas a falar com base no que disse anteriormente sobre comunidades online, como nos relacionamos com os outros na Internet, e não a falar especificamente de questões políticas”, concluiu.

Perante o vídeo dos Duques de Sussex, um repórter pediu ao presidente dos Estados Unidos que comentasse a mensagem partilhada. “Não sou fã da Meghan. Já disse isso – e ela provavelmente ouviu – mas desejo muita sorte ao Harry, porque ele vai precisar”, respondeu Trump.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …

Site da campanha de Trump foi alvo de ataque. Hackers "fartaram-se das fake news"

O website oficial da campanha presidencial de Donald Trump foi alvo de um ataque informático que o deixou temporariamente desfigurado na noite desta quarta-feira. Os hackers responsáveis substituíram o habitual conteúdo por uma mensagem normalmente utilizada …

CV30. O poderoso anticorpo descoberto por cientistas que dá luta ao novo coronavírus

Investigadores do Fred Hutchinson Cancer Research Center, nos Estados Unidos, descobriram um potente anticorpo, encontrado no sangue de um recuperado de covid-19, que interfere com a superfície espinhosa do novo coronavírus, fazendo com que partes …

Igreja flutuante "nasceu" num canal de Londres

A Denizen Works recentemente concluiu uma igreja flutuante pouco ortodoxa em Londres, no Reino Unido. O projeto tem um novo teto que pode ser baixado ou levantado conforme as necessidades. Batizado de Génesis em homenagem ao …

Compostos de alga vermelha da costa de Peniche eficazes no tratamento do cancro

A alga vermelha “Sphaerococcus coronopifolius” da costa de Peniche possui compostos com atividade antitumoral que podem contribuir para o desenvolvimento de novos fármacos ou potenciar o efeito de fármacos de combate ao cancro já existentes, …