Há duas equipas portuguesas entre os clubes invencíveis nas “grandes” ligas

Futebol Clube de Famalicão / Facebook

Futebol Clube de Famalicão

Famalicão e Boavista são os dois emblemas portugueses que caminham entre os deuses do Olimpo do topo do futebol europeu. Ao fim de sete jogos para o campeonato, permanecem invencíveis.

Caminhamos para o final do mês de setembro, mas já algumas equipas que se vão afirmando nos seus respetivos campeonatos. Nas “grandes” ligas europeias, há uma dezena de clubes que ainda não sabe o que é perder para o campeonato nesta temporada — entre os quais dois emblemas portugueses.

Certamente não serão estes os clubes que se esperaria estarem nesta situação. Em vez dos três “grandes” do futebol português, há um recém-promovido que surpreendentemente lidera a tabela classificativa e um histórico adormecido. Ao fim de sete jornadas para a Liga NOS, Famalicão e Boavista estão invencíveis.

A situação dos famalicenses é um caso de estudo. Com a ajuda do investimento do israelita Idan Ofer — por recomendação de Jorge Mendes — o Famalicão conseguiu reunir uma equipa de jovens talentosos, com o seu plantel a ter uma média de idades de 24 anos. O Mecenas dos minhotos tem também algumas “fichas” no Atlético Madrid, razão pela qual conseguiu trazer alguns jogadores a título de empréstimo.

À entrada para a oitava jornada do campeonato, o Famalicão é líder com seis vitórias e um empate. A vitória de 1-2 frente ao Sporting foi o pico da sua caminhada até agora, que é adornada com triunfos sobre Belenenses, Paços de Ferreira, Aves, Rio Ave e Santa Clara. O Vitória de Guimarães é a única equipa com quem os comandados de João Pedro Sousa tropeçou.

Pode ser ainda muito cedo, mas em Famalicão há já quem sonhe com a Europa. “Vamos ver o próximo objetivo. Mas queremos ir longe. O clube quer fazer uma grande época. E claro que asseguro o investimento, aliás o investimento vai crescer”, disse Idan Ofer, que já à pergunta sobre se pensa na luta por lugares europeus referiu: “Obviamente espero lutar por isso”.

Foi há 25 anos que o Famalicão esteve pela última vez no principal escalão. Agora, pode fazer um regresso em grande e, quem sabe, tornar-se no Leicester português.

Há ainda um outro emblema que poucos esperariam estar invencível após sete jornadas: o Boavista de Lito Vidigal. Os ‘axadrezados’ estão no quinto lugar do campeonato e destacam-se pelo pragmatismo do seu futebol. Afinal de contas, nas sete partidas disputadas, o Boavista tem uma das melhores defesas do campeonato, com apenas quatro golos sofridos. Em contrapartida, os golos marcados também não abundam, tendo marcado apenas seis golos.

Apesar de só terem conseguido vencer em duas ocasiões — frente aos Belenenses e ao Aves —, o Boavista ainda não perdeu nenhum encontro. Mais uma vez, nem os ‘leões’ conseguiram derrubar as ‘panteras’ no seu recinto, com a partida a terminar empatada a uma bola.

Sólidos atrás no terreno, o melhor ataque dos boavisteiros é a defesa. Com ou sem um futebol muito atrativo, o Boavista vai seguindo invencível no campeonato e aspira a voos mais altos. O emblema nortenho espera prolongar esta série no próximo jogo na visita a Moreira de Cónegos para defrontar o Moreirense.

Liverpool e Inter varrem concorrência

Há apenas duas equipas melhores do que o Famalicão nas “grandes” ligas europeias: Liverpool e Inter. Ambos líderes nos seus respetivos campeonatos, estão no pico da sua performance. De um lado, o atual campeão europeu. Do outro, uma equipa que tem andado longe das expectativas nos últimos anos, assombrada pela hegemonia da Vecchia Signora.

O Liverpool vai mantendo o pleno ao fim de sete jogos para a Premier League. Chelsea e Arsenal já jogaram contra os ‘Reds’, mas não mostraram o futebol necessário para travar o campeão europeu em título. Jurgen Klopp parece decidido em conquistar o título que há muito escapa ao Liverpool — desde 1990 que não ganham a Liga.

Em Itália vai surpreendendo o Inter de Antonio Conte. Com seis jogos feitos, a equipa milanesa venceu todos os encontros, com 13 golos marcados e dois sofridos. Contudo, tem a Juventus (que também ainda não perdeu) a morder os seus calcanhares, com cinco vitórias e um empate.

Longe vão os tempos em que o Inter era uma ameaça real e um dos sérios candidatos ao título. Não só por demérito, mas também pela contínua hegemonia da Juventus. Sem medo dos fantasmas do passado, o Internazionale parte para esta temporada decidido a derrubar a ‘Juve’ e voltar a ser campeão.

Na Holanda são os suspeitos do costume que discutem a liderança. Ajax e PSV estão taco a taco no topo da liga, com seis vitórias e dois empates. Depois da caminhada de sonho na Europa na temporada passada, o Ajax quer, acima de tudo, reforçar o seu domínio nacional.

Porém, o PSV já mostrou que é osso duro de roer e promete dar trabalho ao emblema de Amesterdão. No primeiro encontro entre as duas equipas, sobressaiu um empate a uma bola.

Em terras germânicas, o Bayern vai reforçando o seu estatuto de campeão indiscutível. Apesar de tudo, os bávaros têm encontrado algumas dificuldades, já que em seis partidas realizadas já empataram em duas ocasiões. Apenas quatro pontos os distanciam do Eintracht de Frankfurt, que é nono classificado.

Entre a concorrência está o Wolfsburgo, que também ainda não conheceu o sabor da derrota esta época. Quase de forma semelhante ao Boavista, o clube destaca-se pelo seu pragmatismo, com apenas quatro golos sofridos e nove marcados. Com o austríaco Oliver Glasner no comando técnico, o Wolfsburgo soma três vitórias e outros tantos empates em seis jogos.

O Real Madrid também figura ainda na lista, apesar da época caótica que tem passado. A liga espanhola está mais equilibrada do que nunca nesta fase inicial e, entre toda a confusão, destaca-se o Real Madrid. Os madrilenos estão no primeiro posto do campeonato, com quatro vitórias e três empates em sete jogos.

Dificilmente algumas destas equipas conseguirá manter a invencibilidade até ao fim da temporada, mas será curioso observar durante quanto tempo estes conjuntos se conseguem manter imbatíveis.

DC, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Influente bispo alemão não vê "por que não" se pode abençoar casais homossexuais

"Se os homossexuais pedem alguma bênção, por que não?", disse, esta sexta-feira, um bispo alemão que foi recebido pelo papa Francisco no Vaticano, a propósito da delegação da Comissão Episcopal da União Europeia (Comece). Franz-Josef Overbeck, …

Mais 789 novos casos de covid-19 e uma morte em Portugal

Portugal registou, este sábado, mais uma morte e 789 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 789 novos …

Organização dos Jogos Olímpicos estima cerca de sete casos diários

Os organizadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020 estimam que haverá cerca de sete casos de covid-19 por dia entre as pessoas envolvidas no evento, disse a emissora pública japonesa NHK. A estimativa foi …

Mais dois militares vão a julgamento por agressões em curso dos Comandos

Estão em causa dois cursos anteriores ao que levou à morte, em 2016, dos recrutas Hugo Abreu e Dylan da Silva. Um dos casos segue já para julgamento, o outro vai para a fase de …

Remodelação à vista (com saídas e trocas de pastas por "um Governo de combate")

O Governo de António Costa tem pela frente um mês de Julho decisivo que ficará marcado pela chegada dos fundos da bazuca europeia. E há dirigentes socialistas que acreditam que o primeiro-ministro deve aproveitar a …

Líderes da UE alertam Londres para respeitar acordo do Brexit

Os líderes da União Europeia (UE) alertaram o Governo britânico, este sábado, que os dois lados devem implementar o acordo do Brexit, numa reunião com o primeiro-ministro britânico à margem da cimeira do G7. A presidente …

Variante Delta está a crescer em Portugal. Lisboa e Vale do Tejo é a região mais afetada

As autoridades de saúde confirmam que já foi detetada, em Portugal, a transmissão comunitária da variante Delta do novo coronavírus. Esse cenário estará a ser mais evidente na região de Lisboa e Vale do Tejo. "Até …

Vírgula permite aos deputados receberem abono de exclusividade mesmo mantendo cargos em empresas

Um parecer da Comissão de Transparência permite aos deputados acumularem funções em empresas enquanto recebem o subsídio de exclusividade na Assembleia da República. Tudo por culpa de uma vírgula que desperta interpretações diversas. A situação é …

Grupo Espírito Santo só tem verbas para pagar 2,6% das dívidas

Os credores reclamam 11,5 mil milhões de euros em dívida, mas o império Espírito Santo só tem cerca de 300 milhões de euros. De acordo com o semanário Expresso, aquilo que resta do império Espírito Santo …

CTT reclamam dívidas de 67 milhões ao Estado

Os CTT iniciaram um processo de arbitragem contra o Estado, reclamando um total de 67 milhões de euros em compensações pelo impacto da pandemia de covid-19 e pela extensão unilateral do contrato de concessão. "Os CTT …