Dois youtubers detidos a tentar invadir a Área 51

Vista aérea da Área 51, fotografada em 1964

Quatro dias antes do evento mundial, dois youtubers adiantaram-se e foram detidos na última terça-feira por tentarem invadir a Área 51, uma base militar secreta dos Estados Unidos.

Ties Granzier e Govert Sweep, dois holandeses de 20 e 21 anos, foram encontrados dentro da base, a quase cinco quilómetros do portão de entrada. Foram libertados no dia seguinte após terem pago 500 dólares de fiança.

Os dois jovens são produtores de conteúdos famosos na Holanda e reúnem milhares de seguidores no YouTube. Estavam dentro de um veículo quando foram abordados pela polícia. Questionados sobre se tinham visto a placa que indica a proibição de entrar naquele território — uma placa que está afixada no portão da base militar —, os rapazes responderam que “sim”, mas que “queriam ver o que havia nas instalações”. A polícia levou-os para uma cela onde ficaram durante uma noite.

Dentro do carro, as autoridades encontraram câmaras de filmar e fotográficas, um telemóvel, um computador portátil e um drone. As investigações aos materiais revelaram que os dois youtubers já tinham recolhido vídeos e fotografias captados no interior da base militar. Todos os conteúdos foram apagados.

Ties Granzier e Govert Sweep são duas das milhões de pessoas que aceitaram o convite para “Storm Area 51, They Can’t Stop All of Us” — em português, “Invadir a Área 51, Eles Não Nos Podem Parar a Todos” —, um plano criado por três páginas de Facebook.

Desta vez, o evento deu a volta ao mundo. A ideia é marcar presença no Centro Alienígena da Área 51 para “coordenar a entrada”, a 20 de setembro. Depois, “correr à Naruto” para “escapar às balas”. E, a seguir, saber de uma vez por todas o que é que os governantes escondem na Área 51.

A designada Área 51 é um terreno militar situado em pleno deserto do Nevada, que está envolvida desde há anos, devido ao secretismo que a rodeia, num halo de mistério que tem motivado numerosas teorias extravagantes. Uma das mais generalizadas é a de que o Governo norte-americano usa este terreno para esconder provas de vida extraterrestre.

De facto, o Governo norte-americano nunca reconheceu a existência desta instalação militar até agosto de 2013, quando a CIA desclassificou uma série de documentos que confirmavam a existência desta base militar.

Aquela teoria sustenta, entre outros pontos, que foi para ali que se transferiram os restos de uma alegada nave extraterrestre, que se tinha despenhado em Roswell, no Estado do Novo México, em julho de 1947.

A representante destacou que a Área 51 é um campo de treino da Força Aérea e, por isso, “desaconselha” todos aqueles que queiram tentar lá entrar. “A Força Aérea está sempre pronta para proteger os EUA e as suas estruturas”, afirmou.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Tontinhos… A Área 51 já era, depois de todo o mediatismo que se criou desde que Lazar falou… E existem muitas mais bases militares secretas mais “acção”, por isso é que não se houve falar delas…

RESPONDER

Há uma forma de reduzir erros na computação quântica (e já sabemos qual é)

Na computação quântica, assim como no trabalho em equipa, um pouco de diversidade pode ajudar a melhorar o resultado. Esta pode mesmo ser a chave para pôr fim aos erros na computação quântica. Ao contrário dos …

Coimbrões 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto venceu hoje o Coimbrões, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal que os «dragões» resolveram com três golos nos 12 minutos iniciais. Aproveitando a inexperiência e nervosismo da formação …

Produção de filmes em Hollywood é um inimigo silencioso do ambiente

Hollywood é casa para a maioria dos grandes filmes produzidos que estreiam nas salas de cinema espalhadas por todo o mundo. Contudo, consegue ser bastante prejudicial para o meio ambiente e, mais do que nunca, …

O escorbuto era uma doença comum entre piratas, mas pode estar de regresso

O número de casos de escorbuto no Reino Unido mais do que duplicou nos últimos anos. A desnutrição é um dos principais responsáveis pelo regresso desta doença. O escorbuto está em ascensão no Reino Unido e …

Dois veleiros robotizados vão medir alterações climáticas no Atlântico

Dois veleiros de navegação robotizada vão medir, durante os próximos quatro meses, a pegada das mudanças climáticas no oceano Atlântico e irão passar pela Madeira e Cabo Verde. A Plataforma Oceânica das Canárias (PLOCAN) libertou esta …

A educação científica está sob ataque legislativo nos Estados Unidos

São inúmeros os professores de ciências que trabalham diariamente nas escolas públicas dos Estados Unidos para garantir que os alunos estão equipados com o conhecimento teórico e prático necessário para enfrentar o futuro. No entanto, …

João Félix saiu lesionado com gravidade no jogo contra o Valência

João Félix, avançado português do Atlético de Madrid, saiu este sábado lesionado com "forte torção no tornozelo direito", ao minuto 78 do jogo contra o Valência, da nona jornada da Liga espanhola de futebol, disputado …

As traças ficaram mais escuras por causa da Revolução Industrial? Cientistas já sabem a resposta

No virar do século XIX, na Grã-Bretanha, traças de todo o país começaram a ficar gradualmente mais escuras em resposta à forte poluição provocada pela Revolução Industrial. A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações …

Mais de mil médicos foram alvo de processos disciplinares. 45 foram condenados, nenhum foi expulso

Mais de 1.070 processos disciplinares a médicos foram abertos no ano passado pelos conselhos disciplinares da Ordem, tendo sido condenados 45, segundo dados este sábado divulgados. Segundo os dados da Ordem dos Médicos, os conselhos disciplinares …

Publicar no Instagram rende mais a Ronaldo do que jogar na Juve

As publicações pagas no Instagram rendem mais a Cristiano Ronaldo do que jogar na Juventus, revela um estudo do Buzz Bingo. O internacional português foi a personalidade mais bem paga neste rede social em 2018. De …