Cientistas descobriram doença rara na cauda de um dinossauro que ainda afeta humanos

Fósseis da cauda de um dinossauro que viveu, há pelo menos 66 milhões de anos, no Canadá, permitiram aos cientistas descobrir que este tinha uma doença rara que ainda hoje afeta humanos.

Segundo o Science Alert, os onze segmentos ósseos fossilizados da cauda pertencem a um Hadrosauridae que viveu, há pelo menos 66 milhões de anos, naquilo que hoje é Alberta, uma província do Canadá.

Os cientistas já tinham percebido que oito destes segmentos exibiam várias condições patológicas, com algumas a apresentar “lesões incomuns” nunca antes vistas em dinossauros. Agora, o problema foi finalmente diagnosticado.

“Havia grandes cavidades em dois dos segmentos das vértebras. Eram extremamente similares às cavidades produzidas por tumores associados à histiocitose das células de Langerhans (LCH), uma doença rara que ainda hoje existe em humanos”, explica em comunicado a anatomista evolucionista Hila May, da Universidade de Tel Aviv, em Israel.

“Examinámos as vértebras do dinossauro e criámos uma reconstrução computadorizada em 3D do tumor e dos vasos sanguíneos que o alimentavam. As análises micro e macro confirmaram que era, de facto, LCH”, afirma May, uma das autoras do estudo publicado, esta segunda-feira, na revista científica Scientific Reports.

Esta não é a primeira vez que a LCH aparece num animal — pesquisas anteriores já a tinham diagnosticado no mamífero Tupaia belangeri e em tigres —, mas é, segundo os cientistas, “a primeira vez que é identificada num dinossauro“.

De acordo com os investigadores, esta descoberta também pode vir a ser importante na procura por um tratamento para esta doença rara.

“No final, o objetivo destes estudos é entender a causa real destas doenças e quais os mecanismos evolutivos que as permitiram desenvolver e sobreviver”, disse ao jornal israelita Haaretz o paleopatologista Israel Hershkovitz, da mesma universidade.

“Talvez se entendermos os mecanismos subjacentes de uma doença, possamos tratar as suas causas com mais eficácia, em vez de nos focarmos nos sintomas, tal como a medicina moderna costuma fazer”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A polícia holandesa achava que tinha em mãos o mafioso mais procurado da Europa. Afinal, era só um fã de F1

Um homem de Liverpool de 54 anos pensava que o grande evento da sua viagem aos Países Baixos seria assistir ao Grande Prémio de Fórmula 1, mas acabou detido numa prisão de alta segurança por …

Cobertura global de corais caiu para metade desde 1950, revela relatório

A cobertura global de recifes de coral caiu para metade desde 1950, cenário originado pelo aquecimento global, pesca excessiva, poluição e destruição de habitats naturais, revelou uma análise divulgada esta sexta-feira. Desde a Grande Barreira de …

O sonho de Christo concretizou-se, 60 anos depois. O Arco do Triunfo foi embrulhado como um presente

Já desde o início dos anos 60 que Christo imaginava como seria cobrir o Arco do Triunfo em tecido. A sua visão foi finalmente concretizada e pode ser visitada entre 18 de Setembro e 3 …

Holanda. Ministra da Defesa renuncia devido à crise de evacuação do Afeganistão

Após a ministra das Relações Externas holandesa, Sigrid Kaag, renunciar devido ao desastre da evacuação do Afeganistão, esta sexta-feira foi a vez da ministra da Defesa, Ank Bijleveld. Segundo relatou o Guardian, acredita-se que os ministros …

Tribunal da África do Sul recusa anular pena de prisão do ex-Presidente Jacob Zuma

O mais alto tribunal da África do Sul rejeitou o pedido do ex-Presidente Jacob Zuma para anular a sua sentença de 15 meses de prisão por não comparecer a uma sessão de inquérito por corrupção. Em …

EUA. Advogado planeou o próprio assassinato para o filho receber seguro. Foi detido por fraude

Um influente advogado norte-americano, cuja esposa e um dos filhos foram assassinados, foi acusado de fraude contra uma empresa de seguros e falso testemunho por organizar o seu próprio assassinato. Segundo avançou a agência France-Presse, …

Norberto Mourão conquista bronze nos Mundiais de canoagem adaptada

Norberto Mourão já tinha conquistado o bronze nos Jogos Paralímpicos de Tóquio e junta agora mais uma medalha à colecção, desta vez nos Mundiais de canoagem adaptada. O atleta de canoagem adaptada Norberto Mourão conquistou hoje …

Caso George Floyd. Polícia condenado a 22 anos de prisão pode ver a sentença revertida

A intervenção do Supremo Tribunal do Minnesota num outro caso de violência policial para reduzir a pena de um agente pode abrir um precedente para que haja alterações na sentença de Derek Chauvin. Segundo avança a …

Futebol português contra Campeonato do Mundo de dois em dois anos

O futebol português está contra a intenção da FIFA de aumentar a periodicidade do Campeonato do Mundo, passando de quatro para de dois em dois anos, refere um comunicado conjunto divulgado hoje. O documento, assinado pela …

Governo quer proibir empresas de recorrer ao 'outsourcing' após despedimento coletivo

O Governo quer proibir as empresas que façam despedimentos coletivos de recorrerem ao 'outsourcing' (contratação externa) durante os 12 meses seguintes, disse hoje a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. No final …