Há uma doença que pode explicar a enigmática pintura de Mona Lisa

Musée du Louvre / Wikimedia

Mona Lisa (p.), por Leonardo Da Vinci

Um estudo recente, que analisou as possíveis condições médicas visíveis no retrato de Mona Lisa, sugere que Lisa Gherardini pode ter sofrido de hipotireoidismo – patologia associada ao funcionamento insuficiente da tiróide. 

Mona Lisa, também conhecida como La Gioconda ou (La Joconde), tem fascinado artistas, investigadores, profissionais da investigação médica e até mesmo ladrões durante séculos. Um estudo, publicado este mês na Mayo Clinic Proceedings, pode revelar um pouco mais sobre esta icónica figura.

A pintura de Mona Lisa atraiu a atenção da comunidade médica em 2004, quando uma equipa de reumatologistas e endocrinologistas sugeriu que as lesões na pele e os inchaços nas mãos visíveis no retrato de Da Vinci poderiam indicar um distúrbio lipídico e uma patologia cardíaca.

Os investigadores afirmaram que a hiperlipidemia familiar (excesso de gordura no sangue) e a aterosclerose prematura (degradação degenerativa das artérias) poderiam ter causado a morte de Lisa Gherardini. Os cientistas propuseram ainda que o famoso sorriso de Mona Lisa pode ter sido resultado de uma outra condição médica, a paralisia de Bell.

Depois de analisarem a pintura novamente, os médicos Mehra e Campbell descobriram que hipotireoidismo clínico era o diagnóstico mais provável, uma vez que Lisa Gherardini viveu durante 63 anos.

“O enigma da Mona Lisa pode ser resolvido com um simples diagnóstico médico de uma doença relacionada com o hipotireoidismo”, disse Mehra citado pelo Sci News.

“De muitas formas, é o fascínio por estas imperfeições causadas pela doença que dão a esta obra-prima a sua misteriosa realidade e encanto”, acrescentou o investigador.

Caso Lisa Gherardini sofresse de uma doença cardíaca e de um distúrbio lipídico, era pouco provável que tivesse vivido até uma idade tão avançada, uma vez que os tratamentos disponíveis na época, na Itália do século XVI, eram muito limitados.

Mehra apontou o cabelo fino de Mona Lisa, a pele amarelada e o possível bócio como evidência visuais do hipotireoidismo. “A dieta dos italianos durante o Renascimento era pobre em iodo, e os bócios – glândula da tiroide inchada – resultantes eram comummente representados através de pinturas e esculturas da época”, explicou.

“Além disso, Lisa Gherardini tinha dado à luz pouco antes de ser retratada, o que indica a possibilidade de tireoidite pós-parto”, remata o investigador.

Foi Francesco del Giocondo, um rico negociante de seda em Florença, em Itália, que contratou Leonardo da Vinci para produzir um retrato da sua esposa. A obra-prima foi pintada logo após o nascimento de seu filho, Andrea, em 1502. Apesar das evidências serem escassas, acredita-se que a pintura tenha começado em 1503.

Posteriormente, a pintura foi levada para França, em 1516, país onde foi concluída e ficou a decorar a corte do rei Francisco I até à sua exibição permanente no Museu do Louvre, em 1797, onde ainda se encontra.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Fotos mostram que o ARA San Juan sofreu uma implosão. Está a 907m de profundidade

O submarino argentino San Juan, que desapareceu a 15 de novembro de 2017, com 44 tripulantes e foi descoberto na sexta-feira no Oceano Atlântico, sofreu uma "implosão", avançou este sábado o comandante da base naval …

ADN antigo revela mistério do extinto macaco das Caraíbas

Uma análise de ADN do misterioso macaco extinto das Caraíbas revelou que estes animais tinham um maior grau de parentesco com os macaco-titis oriundos da América do Sul do que com qualquer outra espécie.  Há cerca …

"Queria? Já não quer?". Finalmente, o livro que revela se está ou não correto

Brevemente nas livrarias, o livro Dicionário de Erros Falsos e Mitos do Português, da autoria de Marco Neves, promete desmontar os mitos que foram construídos em redor da língua portuguesa. Não, este não é só mais um …

Itália vs Portugal | Empate valeu apuramento e primeiro lugar

Portugal foi a Milão arrancar um empate sem golos ante a Itália, em jogo do Grupo 3 da Liga das Nações, e garantiram o apuramento para a final four da Liga das Nações. Numa partida …

Vespa asiática está a propagar-se pelo centro do país

A vespa asiática, ou vespa velutina, uma espécie invasora predadora das abelhas, está a propagar-se pela região centro do país, com ninhos identificados em todo o norte do distrito de Santarém, disse hoje à Lusa …

Já há mais de mil desaparecidos nos incêndios da Califórnia

As autoridades dos Estados Unidos informaram nesta sexta-feira que o número de desaparecidos no gigantesco incêndio que queima há mais de uma semana no norte da Califórnia já superam o milhar. Em conferência de imprensa, o …

As orcas partilham traços de personalidade com humanos e chimpanzés

As orcas exibem características de personalidade semelhantes aos humanos e chimpanzés, como a brincadeira, a alegria e o afeto, de acordo com uma nova investigação divulgada pela Associação Americana de Psicologia (AAP). Investigadores em Espanha analisaram …

Manifestante morre atropelada por mãe desesperada em bloqueio dos “coletes amarelos” em França

Uma manifestante dos “coletes amarelos” morreu em Sabóia, sudeste de França, atropelada por uma condutora em pânico, disse este sábado o ministro do Interior francês, Christophe Castaner. A condutora, que levava a filha ao médico, teve …

A César o que é de César. Costa fica a saber quem manda nos deputados do PS

António Costa está "muito satisfeito" com a liberdade de voto concedida pelo líder da bancada parlamentar do PS, Carlos César, aos deputados na proposta do Governo sobre o IVA da tauromaquia. Mas o mal-estar entre …

Distracção de professora provoca lesões em 40 crianças na China

A distracção de uma professora que se esqueceu de apagar uma luz ultravioleta numa escola de Tianjin, perto de Pequim, causou ferimentos e queimaduras em mais de 40 crianças, informou esta sexta-feira a imprensa local. Os …