Um enorme dinossauro passeou numa praia do País de Gales há 200 milhões de anos

Peter Falkingham / Natural History Museum

Pegadas descobertas numa praia do País de Gales que podem pertencer a um dinossauro que viveu há mais de 200 milhões de anos

Pegadas descobertas numa praia do País de Gales

Uma equipa de paleontologistas descobriu enormes pegadas numa praia do País de Gales, que podem pertencer a um dinossauro que lá viveu há mais de 200 milhões anos.

As pegadas de um grande dinossauro foram encontradas na linha costeira perto de Penarth, no sul do País de Gales, Reino Unido.

Segundo o Sci-News, datam do final do período Triássico, há mais de 200 milhões de anos.

A superfície total exposta tem cerca de 50 metros de comprimento e dois metros largura, e é dividida em secções norte e sul por uma pequena falha geológica.

“Acreditávamos que as pegadas que vimos em Penarth eram consistentemente espaçadas para sugerir um passeio de animais“, disse Paul Barrett, paleontologista do Departamento de Ciências da Terra do Museu de História Natural, em Londres.

“Também observamos movimentos de deslocação onde a lama tinha sido empurrada para cima”, uma característica do “movimento ativo através do terreno mole”.

A equipa acredita que o trajeto foi traçado por um saurópode primitivo ou por um prossaurópode.

(dr) Falkingham et al.

De acordo com o artigo científico, publicado em dezembro na Geological Magazine, as pegadas ficaram profundamente marcadas na superfície superior e são parcialmente preenchidas com siltito, uma rocha sedimentar.

As marcas dos dedos do pé, que costumam ser o sinal revelador de uma pegada animal, não eram claramente visíveis.

“Este tipo de pistas não são particularmente comuns em todo o mundo, por isso acreditamos que este é um acréscimo interessante ao nosso conhecimento da vida Triássica no Reino Unido”, concluiu Barrett.

As pegadas foram encontradas em 2020 por Kerry Rees, um paleontologista amador que relatou a descoberta ao museu londrino.

  Liliana Malainho, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.