Funcionário sentado à porta da empresa há três dias por diferendo laboral

Juliano Teixeira / Facebook

Francisco Teixeira fica sentado à porta do trabalho a cumprir o horário laboral

Segundo Francisco Teixeira, comercial da Burnatti Cafés, o diferendo dura desde maio, mas nos últimos dias a situação piorou. O caso foi denunciado nas redes sociais e desde então tem ganho grandes proporções.

O comercial trabalha há 12 anos para a Burnatti Cafés, em Urgezes, Guimarães, e só nos últimos meses é que tem tido problemas. “Isto já se iniciou em maio, mas nos últimos três dias fiquei sentado à porta da empresa”, denuncia ao Diário de Notícias.

O trabalhador, que já fez queixa da situação à Autoridade para as Condições no Trabalho, tem uma outra atividade, que desenvolve em paralelo, de compra e venda de equipamento de hotelaria. E Francisco acredita que o problema vem daí.

“Sempre tive autorização do patrão, mas no fim de maio ele achou que já não era possível eu continuar a minha atividade paralela”, garante, explicando ainda que o patrão lhe impôs a escolha entre uma atividade ou outra. Mas Francisco Teixeira não aceitou porque nunca baixou “os rendimentos, a produção”.

De acordo com a versão do trabalhador, no fim de junho o patrão ter-lhe-á mandado entregar a lista de clientes a um colega e que se despedisse, mas o funcionário fez queixa na ACT e não aceitou sair.

Desde então passou a só ter acesso a uma das salas da empresa, onde havia apenas mesas, cadeiras e uma máquina de café – e onde estava também proibido de fazer chamadas.

A 16 de junho, no mesmo dia em que a ACT foi à empresa, Francisco começou a trabalhar na rua. “Era colocado por um colega às 9:30 e só me iam buscar às 17:30, sem carro, sem telemóvel. Foi assim até ao final da semana passada”, diz, especificando que esteve em Vila Nova de Famalicão, Santo Tirso, Braga, Vila das Aves e Trofa, onde se encontra hoje.

Desde segunda-feira e até quarta, o funcionário deixou de ter acesso ao interior da empresa, tendo cumprido o horário laboral sentado à porta do edifício. Segundo o próprio, a ACT verificou a situação na tarde de terça e quarta-feira.

Isto é a triste realidade da nossa sociedade. Tenho passado por este meu colega há já alguns meses, e vejo-o sentado há…

Publicado por Juliano Teixeira em Quarta-feira, 11 de Outubro de 2017

De acordo com o Jornal de Notícias, o patrão da empresa, Vítor Araújo, acusa Francisco de usar “a carrinha da Brunatti para vender produtos dele” e que utiliza o telemóvel pessoal para “filmar a atividade da Brunatti e gravar as conversas dos colegas”.

Vítor deixa ainda a garantia de que não vai despedir o funcionário: “Isso era o que ele queria. Nunca despedi um funcionário na minha vida e não vai ser agora”.

ZAP //

RESPONDER

Ministério da Saúde falseou tempos de espera nos hospitais

O Ministério da Saúde apagou pedidos antigos para falsear os tempos de espera no Serviço Nacional de Saúde (SNS). A conclusão é de uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas. De acordo com esta análise, divulgada …

Linha da EDP causou incêndio de Pedrógão Grande (e um segundo fogo nunca foi registado)

Um novo relatório, encomendado pelo Governo, conclui que o grande incêndio de Pedrógão Grande começou por causa de uma linha de média tensão da EDP que terá entrado em contacto com a vegetação. Essa circunstância …

Governo e sindicatos dos enfermeiros chegam a acordo

O Ministério da Saúde chegou, esta segunda-feira, a acordo com as estruturas sindicais representantes dos enfermeiros, anunciou o Governo em comunicado. "Após um período longo de negociações árduas com as estruturas sindicais, o Governo está em …

Queda de caça F-18 mata piloto em Madrid

Um avião de caça F-18, da Força Aérea Espanhola, despenhou-se, esta terça-feira, depois de ter descolado da base militar de Torrejón de Ardoz (Madrid), provocando a morte do piloto, indicou o Ministério da Defesa espanhol. A …

Caso Sócrates parado até decisão sobre imparcialidade de Carlos Alexandre

A defesa do antigo primeiro ministro, José Sócrates, apresentou um recurso que volta a pôr em causa a imparcialidade do juiz Carlos Alexandre. O processo de acusação de Sócrates está, então praticamente parado desde quinta-feira. O …

"Vai arder tudo". Áudios das comunicações revelam aflição dos bombeiros e falta de meios

"Isto vai ser uma catástrofe. Vai arder tudo". Este é um dos desabafos que se ouve de um comandante dos bombeiros, durante os grandes incêndios que assolaram Portugal este domingo, 15 de Outubro, nas gravações …

"Presos políticos". Detidos dois líderes de grupos independentistas na Catalunha

Os líderes das duas principais associações independentistas da Catalunha, acusados de sedição (sublevação pública para impedir o cumprimento da lei), foram esta terça-feira colocados em prisão domiciliária por uma juíza da Audiência Nacional espanhola, indicaram …

Mais impostos sobre automóveis: bombo da festa para compensar alívio do IRS

  O alívio de impostos que o Orçamento de Estado para 2018 vai implicar para muitos contribuintes portugueses, no capítulo do IRS, vai ser compensado pelo Governo com um considerável aumento das taxas aplicadas ao sector …

Guerra nuclear na Coreia pode começar a qualquer instante

A Coreia do Norte afirmou esta segunda-feira que a qualquer momento pode começar uma guerra nuclear na península coreana. O número dois da representação diplomática da Coreia do Norte nas Nações Unidas (ONU) afirmou na segunda-feira …

Jornalista maltesa que liderava investigação aos Panama Papers foi assassinada

A jornalista maltesa Daphne Caruana Galizia, que esteve na origem de acusações de corrupção que provocaram eleições antecipadas no país em junho, foi assassinada esta segunda-feira, por uma bomba colocada debaixo do seu carro, anunciou …