Detetado o primeiro jato de uma jovem e massiva estrela para lá da Via Láctea

Yin-Chih Trai / ASIAA

Impressão de artista que mostra um disco de acreção alimentando uma protoestrela central e jatos que aí são produzidos.

Numa descoberta astronómica significativa, uma cientista da Universidade de Canterbury, na Nova Zelândia, fez a primeira deteção de um jato de uma estrela muito jovem e massiva numa galáxia para lá da nossa.

A Dra. Anna McLeod, da Faculdade de Ciências Físicas e Químicas da Universidade de Canterbury, Nova Zelândia, diz que esta descoberta impulsionará um avanço significativo no campo da formação estelar.

“Também fornece pistas adicionais sobre uma das maiores questões da astronomia moderna: como é que as estrelas massivas se formam?” afirma a Dra. McLeod.

“As estrelas massivas são muito importantes porque regulam a formação de novas gerações de estrelas, bem como a evolução de galáxias inteiras. A nossa descoberta captou uma estrela massiva enquanto se formava e lança luz sobre o mecanismo de formação”.

A Dra. McLeod é a autora principal do novo artigo sobre a descoberta, juntamente com coautores na Alemanha, Reino Unido e Estados Unidos, publicado a semana passada na revista Nature.

Os cientistas dizem que o jato abrange cerca de 36 anos-luz (ou 11 parsecs), o que o torna num dos maiores jatos do seu tipo já encontrados. A estrela que alimenta o jato parece ter 12 vezes a massa do nosso Sol.

Os dados usados para este trabalho foram obtidos com o VLT (Very Large Telescope) no Deserto do Atacama no Chile, que está entre os maiores telescópios óticos do mundo e é um dos telescópios mais competitivos no que toca a obter o precioso tempo de observação.

“A descoberta é muito importante pois abre novas portas no campo. Como um bónus adicional, também vem com um conjunto de dados muito rico e imagens deslumbrantes de uma região de formação estelar na nossa galáxia vizinha, a Grande Nuvem de Magalhães”, comenta a Dra. McLeod.

A cientista explica que embora tenhamos um bom conhecimento de como as estrelas parecidas com o Sol se formam, este não é o caso para estrelas com massas acima das 8 massas solares, “nomeadamente aquelas estrelas tão importantes na regulação da formação de galáxias inteiras”.

No artigo, a Dra. McLeod apresenta evidências convincentes de que as estrelas de elevada massa se formam de maneira semelhante às estrelas parecidas com o Sol.

“Detetámos uma estrela massiva muito jovem e ainda em formação – um chamado objeto estelar jovem – que está a lançar um jato bipolar. O jato é evidência direta para o que chamamos de disco de acreção – um disco em redor do equador da estrela através do qual a estrela recolhe matéria e cresce, que é o que vemos em estrelas de baixa massa”.

Esta é uma descoberta importante por várias razões. Para começar, contém evidências diretas de um cenário de formação mediado por acreção para estrelas massivas, o que significa que temos evidências de que as estelas massivas até 12 vezes a massa do Sol se formam do mesmo modo que estrelas de baixa massa.

Além disso, este é também o primeiro jato de um enorme e jovem objeto estelar detetado fora da nossa própria Galáxia. Na Via Láctea, a maioria dos objetos estelares jovens e massivos com jatos são invisíveis aos telescópios óticos porque estão profundamente embebidos no seu material natal que os protege da nossa visão. No entanto, neste caso, tanto o jato como a estrela são observáveis no visível, proporcionando uma visão sem precedentes, pelo que este é o primeiro jato de um objeto estelar jovem e massivo observado no visível.

O comprimento total do jato totaliza 11 parsecs, um dos jatos mais longos já observados até à data.

A forma como o jato foi identificado é única, porque só é possível com o tipo de instrumento usado para obter estes dados (o instrumento MUSE no VLT) – instrumentos regulares não teriam detetado o jato (o VLT consegue detetar objetos cerca de 4 mil milhões de vezes mais ténues do que o olho humano consegue detetar).

// CCVAlg

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas conseguiram manter tecido cerebral de cobaias vivo durante semanas

Cientistas japoneses conseguiram manter partes de tecido cerebral de cobaias vivas e viáveis durante 25 dias, isoladas numa cultura, graças a um novo método. De acordo com o Science Alert, a chave para o sucesso foi …

Arqueólogos descobrem 25 sítios que comprovam presença militar romana no Norte e na Galiza

Investigadores portugueses e galegos descobriram 25 novos sítios no Norte de Portugal e na Galiza que “comprovam arqueologicamente” a presença militar romana nos dois territórios, correspondendo a maioria dos locais a “acampamentos militares”, revelou hoje …

EUA poderão manter alguns efetivos na Síria para proteger poços de petróleo

Os EUA planeiam deixar alguns efetivos no nordeste da Síria para proteger instalações petrolíferas e garantir o combate contra um possível ressurgimento do grupo extremista Estado Islâmico (EI), disse hoje o secretário de Defesa dos …

Polícias realizam manifestação conjunta em Lisboa a 21 de novembro

Elementos da PSP e da GNR realizam a 21 de novembro, em Lisboa, uma manifestação conjunta para exigirem ao novo Governo "a resolução rápida" dos problemas que ficaram por resolver na anterior legislatura. Com o lema …

Sérvia punida por racismo no jogo com Portugal

A UEFA condenou nesta segunda-feira a Sérvia a disputar o próximo jogo da fase de qualificação para o Euro 2020 à porta fechada, por manifestações racistas na partida com Portugal, disputada em Belgrado, que terminou …

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …