Descoberto em Omã astrolábio que pode ser da frota de Vasco da Gama

Os investigadores acreditam que este astrolábio, recuperado no interior da nau portuguesa Esmeralda, naufragada na costa do Omã, é o mais antigo instrumento de navegação alguma vez descoberto.

Segundo a BBC, os arqueólogos marinhos pensam que o astrolábio encontrado, um instrumento muito usado pelos navegadores na época dos Descobrimentos para medir a altitude do Sol durante as viagens, seja do período entre 1495 e 1500.

O objeto seria um dos instrumentos  da nau Esmeralda, uma das embarcações portuguesas da frota de Vasco da Gama e que naufragou, em 1503, durante uma tempestade no Oceano Índico.

David Mearns, membro da Blue Water Recovery e que liderou a escavação, diz à emissora britânica que “é um privilégio encontrar algo tão raro, algo historicamente tão importante, algo que vai ser estudado pela comunidade de arqueólogos e que vem preencher uma lacuna”.

O astrolábio foi descoberto pelo investigador em 2014, sendo um dos quase três mil artefactos recuperados durante uma série de mergulhos ao local onde o navio se encontra, ao largo da costa do Omã.

O pequeno disco de bronze, que mede 17,5 centímetros de diâmetro e tem menos de dois milímetros de espessura, pode ser o mais antigo instrumento de navegação alguma vez descoberto, escreve a BBC.

Não era parecido com nada que tivéssemos visto antes e soube imediatamente que era algo importante porque conseguíamos ver dois emblemas. Um reconheci imediatamente que era um brasão português e outro descobrimos depois que era o brasão de D. Manuel I, o rei português naquela época”, afirma Mearns.

A equipa percebeu logo que se trataria de um astrolábio mas, como não conseguiam ver marcas de navegação definidas, foi necessária uma análise mais aprofundada. Foi aí que entrou o trabalho de cientistas da Universidade de Warwick que, através de tecnologia laser, revelaram marcas com intervalos de cinco graus à volta do disco.

“Sabemos que foi feito antes de 1502, porque foi quando o navio partiu de Lisboa e porque D. Manuel só subiu ao trono em 1495. Este astrolábio não ia ter o brasão do rei a não ser que fosse rei”, explica o investigador.

“Acho que é relativamente justo dizer que foi feito entre 1495 e 1500. Não sabemos o ano exato mas foi durante este período”, acrescenta. Segundo a BBC, os astrolábios dos marinheiros são raros e este é apenas o 108.º a ser confirmado.

Investigadores duvidam que astrolábio seja da frota de Vasco da Gama

Segundo investigadores contactados pelo Diário de Notícias, não restam dúvidas que o astrolábio é português, no entanto, não há provas de que pertencesse à Esmeralda.

“É uma descoberta extremamente rara. É uma peça excecional. Há apenas uma semelhante em Las Palmas. A questão é que surge num contexto de intervenção um pouco nebuloso. Não conhecemos os contextos da intervenção arqueológica e surgem muitas reticências quando esta é feita por uma equipa com antecedentes de caça ao tesouro”, diz José Bettencourt, arqueólogo subaquático.

De acordo com o investigador do Centro de História de Além-Mar da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, o trabalho da Blue Water Recoveries “parte da presunção de que aqueles vestígios são parte da nau Esmeralda e todo o questionamento é feito para provar essa hipótese”. Porém, destaca, “em arqueologia, exploram-se os dados e só depois, cruzando com informação histórica, se pode colocar a hipótese”.

“Se este astrolábio pertence à tripulação do Vicente Sodré, é o mais antigo artefacto de navegação encontrado, mas se pertencer a outro navio português que se tenha perdido mais tarde, pode não ser”, alerta João Paulo Oliveira e Costa, professor catedrático da mesma universidade.

A descoberta da nau Esmeralda foi anunciada, em março do ano passado, pelo Ministério do Património e da Cultura de Omã. Segundo o professor, como Portugal ratificou a convenção de 2001 da Unesco, os achados pertencem ao país onde foram encontrados, mas podem ser estudados por investigadores portugueses.

De acordo com o Observador, Portugal não foi até agora oficialmente informado pelas autoridades desse país. No entanto, o Governo já afirmou a sua intenção de enviar peritos ao local para investigar o naufrágio da nau.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Grande tempestade de areia pode ter ditado o fim de um império da Mesopotâmia

O Império Acádio da Mesopotâmia entrou em colapso devido a uma enorme tempestade de areia, sugeriu uma nova investigação levada a cabo por cientistas da Universidade de Hokkaido, no Japão. Em comunicado, os especialistas explicam …

Encontrado templo milenar usado em rituais pagãos de veneração da água

O local tem 3.000 anos, onde investigadores encontraram 21 sepulturas, bem como várias peças de cerâmica e anéis de cobre. O templo era usado em rituais pagãos de veneração da água. Uma equipa de arqueólogos encontrou …

Elon Musk diz que inovações da Neuralink vão conseguir curar o autismo

Musk disse que a sua empresa Neuralink iria "solucionar uma série de doenças neurológicas", entre as quais o autismo. Contudo, o autismo não é uma doença relacionada com o cérebro, mas sim uma perturbação do …

"Indivíduos desconhecidos" terão obrigado Marinha a apagar vídeo do incidente do USS Nimitz com um OVNI

Vários membros da Marinha que testemunharam o famoso Incidente do USS Nimitiz, em 2004, disseram que "indivíduos desconhecidos" apareceram depois do acontecimento e obrigaram-nos a apagar as gravações de vídeo. Em novembro de 2004, um porta-aviões …

Coreia do Norte detonou bomba atómica equivalente a 17 "Hiroshimas"

Dados de um satélite japonês revelam que a explosão de um teste nuclear na Coreia do Norte, em 2017, terá sido 17 vezes mais poderosa do que a bomba de Hiroshima. A Coreia do Norte estimou que …

Invenção financiada por Bill Gates pode invisivelmente resolver a malnutrição

Uma invenção financiada por Bill e Melinda Gates pode ser a solução para resolver o problema da malnutrição a nível mundial. O próximo passo é conseguir o apoio dos Governos locais. A malnutrição é um problema …

Com a ajuda de um radar, cientistas revelaram pegadas de mamutes e humanos pré-históricos

Espalhados pelo Monumento Nacional de White Sands, nos Estados Unidos, encontram-se os "rastos fantasma" de mamutes mortos há milhares de anos. Agora, investigadores conseguiram revelar pegadas de humanos. De acordo com o Science Alert, esta descoberta, …

A desertificação está progredir na Índia. Mas a solução pode estar no conhecimento tradicional

Quase 45% da área de Maharashtra está a transformar-se em deserto, assim como uma grande parte da Índia. De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), o ritmo da desertificação no país é agora …

Um dos videojogos mais famosos do mundo é acusado de propaganda anti-Rússia

Call of Duty é uma das franquias de maior sucesso na história dos videojogos, mas atualmente existem pedidos para boicotar o seu último lançamento devido à descrição de conflitos militares do jogo. Call of Duty: Modern …

Nova aplicação rastreia todos os seus passos em troca de descontos

Todas as pessoas gostam de aproveitar descontos, negócios e saldos. A Miles é uma nova aplicação que lhe oferece isso em troca de algo: a sua privacidade. A app rastreia todos os seus movimentos, disponibilizando descontos …