Filmada em Portugal criatura de águas profundas nunca antes vista

Um verdadeiro “diabo marinho”. Um casal de investigadores alemão conseguiu filmar, pela primeira vez, o ato sexual entre dois peixes com uma aparência verdadeiramente assustadora.

O casal de investigadores alemão Kirsten e Joachim Jakobsen estava ao largo da Ilha de São Jorge, nos Açores, num submarino, quando estas estranhas criaturas lhe chamaram a atenção. Filmado a cerca de 800 metros de profundidade, o vídeo, filmado em 2016, mostra uma criatura misteriosa a flutuar nas águas escuras do Atlântico.

O casal de investigadores enviou o vídeo a Ted Pietsch, investigador da Universidade de Washington, nos EUA, especializado em peixes de águas profundas, que confirmou finalmente a espécie dos peixes bizarros peixes: Caulophryne jordani.

Esta estranha peixe é famosa pela sua “rede de pesca” bioluminescente sobre a cabeça, que serve para atrair as presas. O peixe vive nas profundezas dos oceanos, normalmente a 0,3-5 quilómetros de profundidade, onde os raios solares nunca penetram, explica Pietsch à ScienceMag.

O brilho fantasmagórico do peixe resulta das reações químicas que ocorrem no seu corpo. Segundo os investigadores, a fêmea pode chegar a ser 60 vezes maior e pesar mais meio milhão de vezes do que os machos.

Segundo o Diário de Notícias, Kirsten e Joachim Jakobsen conseguiram filmar os peixes Lophiiformes, conhecidos como peixes xarrocos, no exato momento do acasalamento. No vídeo podemos observar a fêmea, com os seus filamentos bioluminescentes e barbatanas estendidas, enquanto o macho anão se encontra no seu ventre.

Estes tamboris raramente são vistos em vida. Os cientistas só conheciam o seu método de reprodução através dos espécimes recuperados de fêmeas mortas com machos ainda presos a si. Quase tudo o que sabemos sobre o tamboril do fundo do mar vem de animais mortos puxados por redes.

Os cientistas identificaram até agora mais de 160 exemplares, mas apenas um punhado de vídeos existe – e este é o primeiro a mostrar um par em união sexual. “Pode imaginar como esta descoberta é rara e importante”, diz Pietsch. “Foi um choque para mim”.

Os biólogos chamam a este tipo de acasalamento de parasitismo sexual, no qual o macho recebe proteção e nutrientes do sistema circulatório da fêmea e, em troca, a fêmea recebe esperma que irá utilizar quando estiver preparada para conceber.

Se o macho não encontrar uma fêmea para acasalar, morre. E se encontrar, fica ligado à sua fêmea para sempre, até ao fim dos seus dias – algo que os menos românticos poderão dizer que é um destino pior que a morte.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Governo disponível para retomar reuniões no Infarmed (mas nega falta de informação)

O Governo manifestou esta quinta-feira “abertura para retomar as reuniões” no Infarmed sobre o ponto de situação da epidemia de covid-19, mas rejeitou falhas na informação ao parlamento e aos partidos. Na conferência de imprensa do …

Israel e Emirados Árabes Unidos alcançam "acordo histórico" mediado pelos Estados Unidos

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quinta-feira que Israel e os Emirados Árabes Unidos concordaram em estabelecer relações diplomáticas plenas, como parte de um acordo para impedir a anexação israelita de terras ocupadas pelos …

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de covid-19, anunciou o Governo. Segundo explicou esta …

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …

Avaliação dos professores, "mock exams" e testes no outono. Britânicos podem "escolher" as próprias notas

O Governo britânico deu aos estudantes de liceu três alternativas diferentes para obterem o resultado das suas avaliações deste ano letivo, que foi atípico devido à pandemia de covid-19. De acordo com o jornal britânico The …

Governo reitera que não há exceções para a Festa do Avante. Críticas multiplicam-se

A ministra de Estado e da Presidência destacou que o Governo “não tem competências legais ou constitucionais” para proibir iniciativas políticas como a Festa do Avante!, mas salientou que não serão admitidas exceções às regras. Na …

Trabalhadores que estiveram em lay-off durante pelo menos 30 dias também vão ter bónus

O Conselho de Ministros aprovou um decreto-lei que clarifica que os trabalhadores que estiveram em lay-off por mais de 30 dias consecutivos, mesmo sem completar um mês civil, vão receber o complemento de estabilização. "Criado com …

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …