Copos menstruais são tão fiáveis como os tampões

Os copos menstruais são seguros e tão ou até mais fiáveis em termos de fugas que os tampões ou os pensos higiénicos.

A conclusão chega após um primeiro grande estudo científico sobre este produto que analisa dados de 3300 mulheres e raparigas e que foi publicado na revista The Lancet Public Health.

Os copos menstruais – que podem ser vaginais ou cervicais – recolhem o sangue menstrual em vez de o absorverem como os tampões. Como estes, são inseridos dentro da vagina. Devem ser esvaziados a cada quatro ou 2 horas. São feitos de silicone, borracha, látex ou elastómero e podem durar 10 anos, sendo por isso considerados uma opção mais amiga do ambiente.

Apesar de mais caros do que os tampões ou pensos higiénicos, devido aos anos que duram acabam por ser uma opção que acaba por sair mais barata. Há cada vez mais iniciativas para combater a chamada “pobreza do período”, estimando-se que metade das mulheres  nos países pobres sejam forçadas a usar trapos, panos e papel durante o período, uma vez que não podem comprar pensos ou tampões, de acordo com o Diário de Notícias.

“Apesar do facto de 1,9 mil milhões de mulheres em todo o mundo estarem em idade menstrual – passando em média 65 dias do ano a lidar com o sangue menstrual -, existem poucos estudos de qualidade que comparam os produtos higiénicos”, disse a autora deste novo estudo, Penelope Phillips-Howard, da Escola de Medicina Tropical de Liverpool, no Reino Unido, em comunicado.

“O nosso objetivo foi resolver isto ao resumir o conhecimento atual sobre fugas, segurança e aceitação dos copos menstruais, comparando-o com outros produtos se fosse possível”, acrescentou.

Em quatro estudos dos 43 analisados havia uma comparação em relação a fugas entre os diferentes produtos disponíveis. Três deles mostraram níveis semelhantes aos dos tampões ou pensos higiénicos e num deles as fugas eram até inferiores.

“Nalguns estudos, as fugas foram associadas a um sangramento anormalmente elevado, úteros anatomicamente fora do comum, necessidade de um copo maior, colocação incorreta do copo ou este ficar cheio”, refere o comunicado.

Não foi detetado um aumento do risco de infeção, mas houve cinco casos de síndrome do choque tóxico.

Segundo os estudos, cerca de 70% das mulheres disseram querer continuar a usar os copos menstruais depois de estarem familiarizadas com a forma correta de os usar, o que as utilizadores admitem poder demorar vários ciclos menstruais. A prática, o apoio de outras mulheres experientes e treino são fundamentais para a familiarização e o sucesso dos copos menstruais.

O estudo conclui que os copos menstruais são uma opção segura, mas defende que devem existir mais estudos sobre o tema. Também pedem estudos sobre a relação entre custo e efetividade e o efeito ambiental, quando comparado com outros produtos.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Planta que não se reproduzia há 60 milhões de anos no Reino Unido revivida pelas alterações climáticas

Há 60 milhões de anos que as cicas não se reproduziam no Reino Unido. Agora, com a subida das temperaturas devido às alterações climáticas, fizeram-no pela primeira vez. As cicas são plantas lenhosas muito parecidas com …

Líderes políticos e religiosos ultraconservadores reunidos secretamente em Fátima

A reunião foi promovida pela International Catholic Legislators Network (ICLN). O encontro começou na quinta e termina este domingo. Entre muitos, conta com a participação do primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán. Vários líderes políticos e religiosos ultraconservadores …

Rio alerta para "divórcio violento" e medo de Costa em perder votos para o BE

O líder do PSD, Rui Rio, disse este sábado que as críticas de António Costa ao Bloco de Esquerda refletem "ingratidão" e o "medo" que o Partido Socialista tem em "perder" votos para os bloquistas …

Trump diz que Boris é "o homem certo" e promete "grande acordo comercial"

Os dois líderes estiveram reunidos à margem da cimeira do G7. Trump elogiou Boris e garantiu que o acordo comercial com o Reino Unido será rápido depois do Brexit. Johnson diz que será "fantástico". O Presidente …

Uma impressora 3D construiu uma casa em apenas 12 horas

A impressora 3D S-Squared (SQ3D) construiu um protótipo básico de uma casa em cerca de 12 horas. A estrutura tem 46 metros quadrados e foi construída através de uma mistura de cimento em camadas. O trabalho …

Uma estrela supermassiva explodiu e aniquilou tudo à sua volta

Uma estrela renegada, que explodiu numa galáxia distante, forçou os astrónomos a colocar de lado décadas de investigação e a concentraram-se num novo tipo de supernova que pode aniquilar completamente a sua estrela-mãe - não …

G7: Macron e Trump com "elementos de convergência" sobre Amazónia, Irão e comércio

O Presidente francês, Emmanuel Macron, conversou este sábado com o Presidente norte-americano, Donald Trump, durante o almoço, que durou duas horas, sobre "elementos de convergência" relativos ao comércio, ao Irão e aos fogos na Amazónia, …

Dieta com poucos hidratos de carbono pode acabar com as enxaquecas

Pessoas que têm enxaquecas frequentes sabem que qualquer dica é bem-vinda. Aqui vai uma nova: uma dieta com poucos hidratos de carbono pode ser uma boa arma para evitar estas crises. Desde 1920 que os …

Encontrado o estaleiro mais antigo do mundo. Estava afundado na costa de Inglaterra

https://vimeo.com/355759312 Arqueólogos descobriram uma estrutura de madeira com 8.000 anos de idade — que será o local de construção de barcos mais antigo do mundo. A arquitetura estava particularmente bem preservada considerando o facto de estar 11 …

Astrónomos treinam IA para encontrar antigas colisões de galáxias

Há luzes brilhantes em todo o Universo que representam as colisões de galáxias. Os astrónomos encontraram agora uma nova forma de as encontrar. Há luzes brilhantes em todo o Universo que representam as colisões de galáxias. …