Comer bem melhora ativamente os sintomas de depressão

Uma nova investigação, levada a cabo por cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, sugere uma conexão casual entre a dieta e a depressão.

Uma equipa de cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, realizou um estudo controlado e constatou que as melhorias na alimentação, com a duração de apenas algumas semanas, podem melhorar o humor e os sintomas de ansiedade.

Foram vários os estudos que já encontraram fortes correlações entre os maus hábitos alimentares e a depressão. Apesar de essa correlação observacional parecer clara, os cientistas ficaram divididos sobre se existe uma relação casual entre ambos os fatores: uma má alimentação deprime uma pessoa ou uma dieta má é apenas um sintoma de depressão?

Apesar de este estudo ter sido muito pequeno e de pouca duração, fornece fortes evidências que apontam para uma possível relação causal entre a dieta e o humor.

Durante a experiência, os cientistas analisaram 76 participantes com sintomas de depressão moderada a alta, e dividiram-nos em dois grupos: um que atuou como grupo de controlo e continuou com os padrões alimentares normais e o outro que alterou a sua dieta para uma alimentação mais saudável.

De acordo com o New Atlas, a intervenção durou três semanas e os cientistas acompanharam os participantes durante três meses. Os resultados foram recentemente publicados na PLOS One.

Depois de três semanas, o grupo que alterou a sua dieta já apresentava melhorias. A depressão regrediu de moderada a alta para normal e o grupo relatou pontuações mais baixas relativamente a ansiedade, em comparação com o grupo de controlo.

Três meses depois da experiência, apenas 21% dos participantes continuaram com uma alimentação saudável. Ainda assim, todos os voluntários do grupo que alterou a sua dieta apresentaram melhorias consistentes no humor.

Paul Keedwell, psiquiatra da Universidade de Cardiff que não participou no estudo, considera que os resultados são úteis, mas que as conclusões ainda são limitadas no que diz respeito a considerar que a dieta pode melhorar diretamente o humor. “Embora as descobertas sejam encorajadoras, provavelmente existe um forte efeito placebo a operar no grupo de dieta saudável.”

“Portanto, embora seja importante comer uma dieta saudável para ajudar a manter uma boa saúde física e mental, duvido que seja mais importante do que o acesso oportuno a bons cuidados psiquiátricos, exercícios físicos e apoio emocional”, acrescentou o especialista.

Os investigadores responsáveis pelo estudo reconhecem as limitações, mas admitem que há poucas desvantagens nesta alteração da dieta. Ou seja, independentemente dos mecanismos causais, uma dieta saudável está relacionada na melhoria do nosso humor.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ano vai ser "inevitavelmente" de contestação social, avisa CGTP

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, disse esta sexta-feira que este ano vai ser “inevitavelmente” de contestação social se o Governo e as empresas continuarem a insistir num modelo de baixos salários. O líder da intersindical …

Maior ameaça ao crescimento português vem de Espanha

Diz o ditado popular que de Espanha nem bom vento, nem bom casamento. Mas, na verdade, o crescimento económico do país vizinho tem contribuído para puxar pela economia portuguesa. Agora, quando se prevê um abrandamento …

Cabo Verde esteve sem Internet durante 24 horas

O arquipélago de Cabo Verde voltou a ter acesso à Internet na tarde desta sexta-feira, cerca de 24 horas depois de uma instabilidade provocada por falhas no fornecedor internacional do serviço. O país tinha ficado sem …

Ventura em operação de charme no Porto depois de um atraso muito criticado no Parlamento

O deputado André Ventura, eleito pelo Chega, tem agendada para este sábado uma verdadeira operação de charme no Porto, com encontros com o presidente da Associação Comercial do Porto e com apoiantes do partido. Iniciativas …

Assistente social acusada de maltratar 14 crianças em centro de acolhimento

O Ministério Público (MP) acusa uma mulher de 46 anos, que era assistente social e diretora técnica de um centro de acolhimento na Maia, no distrito do Porto, de maltratar 14 crianças nesta instituição. De …

Marcelo não vê razão de preocupação com empresas portuguesas de Isabel dos Santos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse esta sexta-feira ter sinais de que não há razão para preocupação nos setores económicos e empresas portuguesas nas quais a Isabel dos Santos está a vender …

Mina de lítio em Montalegre. "Impactes negativos minimizáveis” e 370 empregos

O Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da concessão de exploração de lítio, em Montalegre, conclui que o projeto possui “impactes negativos” que, no entanto, “não são significativos”, “são minimizáveis” e de “abrangência local”. O EIA do …

Cristas faz o mea culpa e abandona o congresso. Corrida à sucessão faz-se a cinco

O 28.º congresso nacional do CDS arrancou este no Parque de Feiras e Exposições de Aveiro com o discurso da líder demissionária Assunção Cristas, que fez uma espécie de mea culpa e agradeceu aos centristas …

Sérgio Conceição sai do FC Porto no fim da época

O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, deixará o comando dos dragões no final da temporada. A derrota em casa com o Braga terá ditado a saída do técnico azul e branco. O técnico do FC …

Joacine quer mais direitos para deputados sem partido. "Está a antecipar" o futuro

A deputada Joacine Katar Moreira, do partido Livre, defendeu esta sexta-feira o alargamento dos direitos regimentais dos deputados não inscritos em partidos. A deputada única do Livre assumiu esta posição no final de uma reunião do …