No combate às enxaquecas, efeito placebo também conta

Morguefile

-

Quando o assunto é dor, a expectativa de melhora criada pelas palavras do médico ao prescrever um medicamento pode ser tão importante para a eficácia do tratamento quanto os efeitos farmacológicos do remédio propriamente dito, segundo um estudo da Faculdade de Medicina de Harvard.

A investigação avaliou a influência do efeito placebo – quando a crença na eficácia do medicamento (que pode ou não ser verdadeiro) potencia a cura – no tratamento de pessoas com enxaqueca e concluiu que uma pílula inofensiva pode ser tão eficiente quanto um medicamento a sério no alívio da dor de cabeça durante um ataque, dependendo da informação que é dada ao paciente no início sobre os efeitos do medicamento.

Pacientes que receberam mensagens positivas beneficiaram mais do tratamento do que aqueles que receberam mensagens neutras ou negativas, independentemente de estarem a tomar placebo ou medicação verdadeira.

“Fica claro que cada palavra no consultório conta”, disse Ted Kaptchuk, um dos investigadores que liderou o estudo no Beth Israel Deaconess Medical Center, em Boston. Por exemplo, o facto de um médico salientar os possíveis efeitos colaterais de um medicamento já conta para diminuir a expectativa de melhoras do paciente e, provavelmente, reduzir o potencial do tratamento.

Publicado esta quinta-feira (9) na revista “Science Translational Medicine”, o estudo apresenta “a medição mais precisa do efeito placebo feita até hoje”, segundo ele.

Vários estudos já demonstraram que o efeito placebo pode trazer benefícios clínicos reais para os pacientes. Contudo, segundo Kaptchuk, nenhum até agora tinha conseguido medir a dimensão desse efeito, separando-o dos efeitos farmacológicos diretos da medicação.

Ao sofrer um ataque de enxaqueca, os pacientes tinham de tomar uma pílula que poderia estar identificada de três formas: “placebo” (mensagem negativa, já que pensavam que não fazia efeito); “placebo ou remédio” (mensagem neutra); ou “remédio” (mensagem positiva). Os rótulos, no entanto, podiam não corresponder à realidade; por exemplo, um paciente poderia estar a tomar o medicamento verdadeiro com rótulo “placebo” ou tomar um placebo com rótulo “remédio”.

Os cientistas calculam que 50% das melhoras observadas nos pacientes, em qualquer uma das condições, foi por causa do efeito placebo.

ZAP / MA / AE / ESP

PARTILHAR

RESPONDER

Estado emprestou dois milhões à Cruz Vermelha para pagar salários

A Parpública SGPS emprestou dois milhões de euros ao Hospital da Cruz Vermelha, nomeadamente para fazer pagamento de salários. A Parpública SGPS, holding tutelada pelo Ministério das Finanças, libertou dois milhões de euros para permitir ao …

Ex-ministro francês François Bayrou acusado de cumplicidade na apropriação de fundos

O ex-ministro francês François Bayrou, dirigente centrista e próximo de Emmanuel Mácron, foi acusado na sexta-feira por "cumplicidade na apropriação indevida de fundos públicos" no caso dos assistentes parlamentares do seu partido. A acusação, "anunciada antecipadamente …

"Profundamente envergonhada", Merkel visitou Auschwitz pela primeira vez

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitou esta sexta-feira pela primeira vez o campo de concentração e extermínio de Auschwitz-Birkenau num "sinal de reconciliação com os judeus e o estado de Israel", considera o historiador René …

Capital do Natal de Algés avança com queixa-crime contra promotores

A organização da Capital do Natal, evento que decorre em Algés, Oeiras, vai apresentar uma queixa-crime contra os promotores turísticos que "adulteraram a oferta do parque", o que defraudou "um conjunto alargado de pessoas". Em causa …

Menino de 5 anos convidou todos os colegas do infantário para assistir à sua adoção

Um menino de cinco anos de Michigan, nos Estados Unidos, convidou a sua turma do infantário para testemunhar à sua adoção legal. A criança, identificada como Michael, foi adotada formalmente pela sua nova família na passada …

TDT vai mudar de frequência (outra vez)

A frequência da Televisão Digital Terrestre (TDT) está a ser alterada de forma faseada, o que significa que os portugueses que usem este serviço gratuito de televisão têm de sintonizar novamente os seus recetores e/ou …

Ruas de Águeda entre as "mais bonitas do mundo" para a CNN

As ruas do centro de Águeda, no distrito de Aveiro, decoradas com guarda-chuvas estão entre as 21 mais bonitas de mundo para a emissora norte-americana CNN. A distinção é avançada pelo jornal Público, que dá …

Hospitais vão poder pagar mais a médicos para garantir urgências no Natal

Os hospitais vão poder contratar médicos prestadores de serviço, vulgo tarefeiros, por valores superiores aos de referência durante o Natal e o Ano Novo. De acordo com o presidente da Federação Nacional dos Médicos, Noel Carrilho, …

Jovem que abandonou bebé no lixo esteve 13 anos institucionalizada em Cabo Verde

A jovem que abandonou o filho recém-nascido no lixo, em Lisboa, esteve institucionalizada durante 13 anos em Cabo Verde. A sua mãe está agora a lutar pela guarda da criança. Numa entrevista ao programa Sexta às …

Último debate. Boris defendeu o Brexit e Corbyn falou da Saúde (pelo menos 15 vezes cada um)

No debate televisivo, transmitido pela BBC, o último antes das eleições da próxima quinta-feira, Boris Johnson defendeu que é o melhor preparado para concretizar o Brexit e terminar com o impasse no processo, prometendo ainda …