Cólera já afeta mais de 2 mil pessoas em Moçambique

Josh Estey / EPA

As autoridades moçambicanas registaram esta quinta-feira 353 novos casos de cólera no centro do país, aumentando para 2094 o registo de pessoas que já foram infetadas pelo surto que se seguiu ao ciclone Idai.

O número de novos casos tinha abrandado na quarta-feira, mas voltou a crescer. A condição já causou três mortes, com 94% de doentes curados.

Uma campanha de vacinação contra a cólera arrancou na quarta-feira e prevê abranger 884 mil pessoas com uma vacina oral que tem uma eficácia superior a 80%, anunciou o governo moçambicano.

Em Moçambique, segundo dados do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, a passagem do ciclone Idai terá afetado 1,4 milhões de pessoas, provocando pelo menos 598 mortos e 1641 feridos.

A cólera é provocada pela bactéria Vibrio cholerae, transmite-se pelo consumo de água e comida contaminadas, manifesta-se sob a forma de diarreia infecciosa e pode matar em apenas algumas horas.

Ainda no início da semana chegaram ao país 900 mil unidades de vacinas orais contra a cólera, parte de um campanha de vacinação promovida pela Organização Mundial de Saúde (OMS). David Wightwick, líder da operação da OMS na Beira, afirma que estas vacinas “devem atenuar o pico deste surto”. A vacinação arrancou esta quarta-feira.

O Gabinete das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA) informa que foram estabelecidos 11 centros de tratamento da cólera, mas apenas nove deles estão operacionais, na Beira e noutras localizações.

“A cólera é o nosso desafio mais imediato“, afirmou David Wightwick, sublinhando que, aliada à desnutrição e à escassez de alimentos, podem ser um cocktail fatal nesta situação. Mas para Wightwick, também é prioritário conter outras doenças como a malária.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Afinal, Vénus pode não ser tão semelhante à Terra como pensávamos

Uma nova investigação questiona a habitabilidade de Vénus, planeta que os cientistas consideram há pouco tempo numa outra investigação poder ter um clima habitável semelhante ao da Terra. De acordo com a nova investigação, cujos …

Há gelo no polo sul da Lua e pode ter muitas fontes

Um novo estudo sugere que o gelo encontrado na superfície lunar pode ter milhares de milhões de anos, além de ter surgido de diferentes fontes. O estudo, publicado recentemente na Icarus, sugere que a maioria do …

A Evolução mostra que podemos ser a única forma de vida inteligente no Universo

As reduzidas probabilidades que acompanham a nossa evolução ao longo da história podem ser uma pista que talvez sejamos a única forma de vida inteligente no Universo. Será que estamos sozinhos no Universo? Tudo se resume …

A China está a usar a educação como arma para controlar o Tibete

A China quer obrigar crianças tibetanas a abandonarem as escolas da região e mudarem-se para escolas chinesas. O objetivo, segundo uma especialista, é "tirar o tibetano da criança". A batalha geopolítica entre a China e o …

Revelada explosão violenta no coração de um sistema que alberga um buraco negro

Uma equipa de astrónomos, liderada pela Universidade de Southampton, usou câmaras de última geração para criar um filme com alta taxa de quadros de um sistema com um buraco negro em crescimento e a um …

"É altura de dizer basta". Sporting corta com as claques

O Sporting rescindiu “com efeitos imediatos” os protocolos que celebrou em 31 de julho com a Associação Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI – Associação, anunciou hoje o clube, devido à “escalada de …

Poluição atmosférica associada a abortos espontâneos

Elevados níveis de poluição atmosférica foram associados a abortos espontâneos num estudo feito com mulheres grávidas a viver e trabalhar em Beijing, na China. A China é um dos países que mais sofre com a poluição …

Empresas espanholas dominam obras públicas na ferrovia

As empresas espanholas dominam as obras públicas na ferrovia em Portugal, ascendendo a sua quota a 70%, avança o Expresso na sua edição deste sábado. Para presidente da Associação de Empresas de Construção e Obras …

Cada vez mais mulheres denunciam abusos médicos durante o parto

Um número crescente de mulheres tem vindo a denunciar casos de abuso durante o trabalho de parto. No entanto, pouco está a ser feito para mudar isto. Durante o parto, as mulheres ficam numa posição vulnerável …

Já podemos explorar "Melckmeyd", naufrágio holandês do século XVII

Nas profundezas do Oceano Atlântico, perto da costa da Islândia, encontram-se os destroços de um navio holandês que afundou há 360 anos, no qual agora podemos "mergulhar" graças a uma experiência de realidade virtual. Quando a …