Cientistas encontraram genes zombie

Uma equipa de investigadores norte-americanos descobriu um tipo de “genes zombie” que revivem alguns dias depois da morte do organismo.

Duas pesquisas publicadas esta semana identificaram que algumas partes do corpo humano continuam a funcionar depois da morte.

Esta situação é provocada por genes “zombie” que, apesar de não poderem devolver a vida, podem ter implicações sérias na investigação forense e nas doações de órgãos.

O primeiro estudo, liderado por Peter Noble, da Universidade de Washington, identificou que determinados genes continuam ativos por mais de 12 horas após a morte.

Por isso, a equipa pesquisou a atividade desses mesmos genes em células de ratos e peixes-zebra mortos.

Ao contrário do que seria previsto, em vez de encontrarem genes que levavam mais tempo para se “desligar”, os cientistas perceberam, na verdade, que estes aumentavam as suas atividades.

Nos ratos, 515 genes registaram atividades totais até 24 horas depois da morte, enquanto que, nos peixes-zebra, 548 genes mantiveram-se funcionais por quatro dias.

Destaque para o facto de estes genes “zombie” não serem os mais comuns, isto é, eram sim genes normalmente acionados em emergências como, por exemplo, em casos de inflamações, ativação do sistema imunológico, stress de reação e até genes ativados para formar um embrião.

No entanto, não foram só detectados genes benéficos mas também genes que promovem o crescimento de células cancerosas nos animais.

Apesar de não serem potentes o suficiente para reanimar um cadáver, os genes pós-morte podem ter um grande impacto nos transplantes de órgãos.

Estudos apontam que pessoas transplantadas têm maiores probabilidades de desenvolver 32 tipos de cancro, incluindo linfoma, cancro do rim ou do fígado.

“Enquanto que os transplantes salvam vidas, também aumentam o risco de cancro nos recipientes em parte devido às medicações que controlam o sistema imunológico a fim de evitar rejeição”, explica Eric A. Engels, do Instituto Nacional do Cancro dos EUA.

Os imunossupressores podem explicar parcialmente o índice de cancro nesses pacientes, mas os genes pós-morte nos órgãos transplantados também podem ter uma relação com estes dados.

 ZAP / Canal Tech

PARTILHAR

RESPONDER

Pelosi acionou votação para impeachment a Trump. "Os factos são incontestáveis"

A Presidente da Câmara de Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, anunciou esta quinta-feira que o órgão irá avançar com a redação de acusações contra o Presidente norte-americano, no âmbito do processo de impeachment. “As ações …

Relação volta a contrariar Ivo Rosa. Depoimentos de Salgado nos casos BES e Monte Branco podem ser usados na Operação Marquês

O Tribunal da Relação de Lisboa (TRL) autorizou a utilização na Operação Marquês dos depoimentos do banqueiro e arguido Ricardo Salgado, prestados nos processos Monte Branco e Universo GES/BES, contestando a decisão de Ivo Rosa, …

Carga fiscal subiu aos 35,4% em 2018. É o valor mais alto desde 2000

A carga fiscal em Portugal subiu dos 34,3% do PIB em 2017 para os 35,4% em 2018, o valor mais elevado desde 2000, acima da média dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento …

Família da jornalista assassinada apresenta queixa-crime em França contra várias figuras maltesas

A organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF) e a família da jornalista maltesa assassinada em 2017 disseram, esta quarta-feira, que apresentaram uma queixa-crime em França por “cumplicidade em homicídio” e “corrupção” contra várias figuras maltesas implicadas …

Portugal foi o país da Europa que mais pagou a agentes de futebol

Em 2019, Portugal foi o país da Europa que mais gastou em comissões a agentes nos processos de venda de jogadores de futebol. Os números são de um relatório FIFA, citado esta quinta-feira pelo Jornal de …

"Agregar, agregar, agregar". Se vencer, Pinto Luz conta com Rio e Montengro

O candidato à liderança do PSD Miguel Pinto Luz disse que caso vença as diretas de 11 de janeiro quer contar os seus adversários nesta corrida - o antigo líder parlamentar Luís Montenegro e o …

Açores são o único arquipélago do mundo com certificado de destino turístico sustentável

Os Açores são a primeira região do país certificada como destino turístico sustentável, distinção atribuída a apenas 13 regiões no mundo e entregue esta quinta-feira com a categoria de "prata" pela certificadora Earthcheck. "É com profundo …

Kendrick Lamar atua em data extra do Alive

O rapper norte-americano Kendrick Lamar vai atuar a 8 de julho, num dia extra do festival Alive, no Passeio Marítimo de Algés, em Oeiras. Esta será a terceira vez que o rapper atua em Portugal, tendo …

Hugh Grant em campanha porta a porta contra Boris Johnson e o Brexit

Hugh Grant está em campanha contra o primeiro-ministro do seu país. O ator britânico decidiu juntar-se aos trabalhistas e liberais democratas para derrotar Boris Johnson e, nos últimos dias, tem participado em ações de campanha …

Sarah previu a vitória de Trump em 2016. Agora, alerta para o perigo das redes sociais

Sarah Kendzior, que previu a vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais de 2016, diz que as redes sociais podem ser utilizadas como uma arma política. Quando quase todos menosprezavam a corrida eleitoral de Donald Trump …