“T-Rex” dos oceanos: Cientistas encontram tubarão gigante de águas profundas

Uma equipa de cientistas encontrou um tubarão-albafar de 4,9 metros a mais de 500 metros de profundidade. Nas palavras dos especialistas, que sublinham que pouco se sabe sobre a espécie, foi como encontrar um “T-Rex na água”.

Os investigadores, da Universidade Estadual da Flórida, nos Estados Unidos, encontraram o tubarão-albafar (Hexanchus griseus) durante uma expedição com um submersível, visando colocar um chip de rastreamento no enorme predador marinho, segundo o jornal Mirror.

O chip será utilizado para acompanhar o tubarão nos próximos meses, dando aos cientistas uma visão sobre os hábitos e os movimentos da espécie. A profundidade a que nada, por exemplo, é uma das características que será acompanhada pela equipa.

Por norma, esta espécie vive numa região oceânica conhecida como a “zona de penumbra”, área localizada entre 200 a 1.000 metros de profundidade, onde a luz solar que penetra nas águas é insuficiente para que os microrganismos possam realizar a fotossíntese.

De acordo com os especialistas, este enorme predador dos oceanos é conhecido pelos seus olhos verdes brilhantes e dentes fortes. O tubarão-albafar pertence ainda a uma linhagem que data de há mais de 180 milhões de anos, sendo por isso anterior a muitos dinossauros.

“Foi como ver um T-Rex na água“, confessou Gavin Naylor, um dos cientistas a bordo do submersível, que deu conta que o encontro foi, “provavelmente, a experiência mais mágica que já teve”, apontou ainda, citado pelo mesmo jornal.

Desde 2005, a equipa já conseguiu monitorizar mais de 20 tubarões contudo, alertou Naylor, a espécie continua ainda a ser pouco estudada.

“Tem sido gasto tanto dinheiro no rastreamento de tubarões-brancos, e aqui temos um predador de tamanho comparável e não sabemos quase nada sobre estes animais (…) [Estes tubarões] são realmente raros? A resposta pode estar no facto de poucas pessoas os procurarem”, frisou ainda Dean Grubbs, cientista que liderou a expedição.

Apesar de preferirem águas profundas, foram já avistados tubarões-albafar nos Açores e na Madeira a profundidades não superiores a 100 metros. Estes avistamentos são também prova do pouco do que ainda se sabe desta espécie.

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Na verdade, pouco se sabe a respeito do mar! O homem pesquisa o espaço, mas não dá valor pro mar. Só sabe jogar lixo e não respeitar os seres que lá vivem

    • Adoro estas observações da malta das secções de comentários. Então o homem não dá valor “pro” mar? Com base em que dados afirma isto? Sabe que podemos fazer pesquisas sobre o espaço e sobre ao mar ao mesmo tempo, certo? Ou acha que todos os laboratórios de medicina têm de fazer pesquisa sobre o cancro?

    • Nova? Mas leu o artigo? “O tubarão-albafar pertence ainda a uma linhagem que data de há mais de 180 milhões de anos”.

RESPONDER

Faca feita de fezes entre os vencedores deste ano dos prémios Ig Nobel

Uma faca feita com fezes congeladas e um jacaré a arrotar são alguns dos vencedores dos prémis Ig Nobel, que distinguem as invenções mais incomuns. Os prémios Ig Nobel – uma paródia dos prémios atribuídos pelas …

O hemisfério norte teve o verão mais quente de que há registo (e isso é um sinal de alerta para a Terra)

O hemisfério teve em 2020 o verão mais quente de que há registo. No geral, o Planeta Terra teve três dos meses mais quentes, e o mês de agosto foi o segundo mais quente que …

Há uma nova explicação para o naufrágio do Titanic: Uma fantástica Aurora Boreal

Todos conhecemos a história do Titanic. Também todos sabemos que o seu naufrágio aconteceu após o grande navio ter embatido num iceberg. Contudo, um investigador americano põe novas hipóteses em cima da mesa. E se …

Famalicão 1-5 Benfica | "Águia" faminta com nota artística

Após a desilusão de Salónica, que ditou um adeus precoce dos milhões da fase de grupos da Liga dos Campeões, o Benfica goleou na noite desta sexta-feira o Famalicão por 5-1, numa espécie de redenção. Neste …

O anonimato de Banksy teve um custo. Perdeu os direitos sobre uma das suas obras mais icónicas

O famoso artista de rua britânico Banksy perdeu uma longa batalha judicial pelos direitos autorais da obra "The Flower Thrower", contra a Full Colour Black, empresa que produz postais de felicitações. Banksy, o misterioso artista que, …

Reino Unido e Espanha aumentam restrições. Itália e Alemanha com quase dois mil casos

Madrid restringe movimentos de 850 mil pessoas, Itália regista um aumento dos casos de infeção nas últimas 24 horas, britânicos enfrentam novas restrições no país e Alemanha com dois mil novos casos de covid-19. A região …

Trump novamente acusado de assédio sexual. "Enfiou a língua na minha garganta", disse Amy Doris

O Presidente dos EUA, Donald Trump, foi acusado esta quinta-feira de agressão sexual por uma ex-modelo, num episódio que alegadamente terá ocorrido num torneio de ténis, em 1997. A ex-modelo Amy Dorris relatou ao jornal britânico …

Ventura pondera suspender mandato para se dedicar à campanha presidencial

O presidente do Chega afirmou hoje que o seu partido "está a analisar" no plano jurídico a questão da suspensão temporária do seu mandato de deputado para se dedicar às campanhas dos Açores e presidenciais. Em …

Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recupera, avisa neurologista

Um neurologista ouvido num documentário da RMC Sport diz que o ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recuperará. Já passaram quase sete anos desde que Michael Schumacher sofreu um acidente …

Processos com acórdãos a meias entre Rangel e Galante estão em risco

Durante dez anos, centenas de acórdãos do Tribunal da Relação de Lisboa foram feitos a meias entre Rui Rangel e Fátima Galante. Agora, esses processos estão em risco. A Procuradoria-Geral da República anunciou esta sexta-feira a …