Cidades subterrâneas podem ser um bom refúgio para futuros desastres

Melanie Shires / Canva

Coober Pedy, Austrália

Especialistas ouvidos pelo portal One Zero acreditam que cidades subterrâneas podem ser um bom refúgio para populações que possam vir a enfrentar desastres naturais no futuro potenciados pelas alterações climáticas.

À medida que os desastres naturais aumentam, as cidades e as suas populações podem vir a precisar de se moverem para o subsolo, começa por explicar o portal Futurism.

Mesmo que reunamos esforços para evitar alguns impactos causados pelas mudanças climáticas, algumas partes do mundo podem, por exemplo, vir a tornar-se gradualmente tão quentes ao ponto de as pessoas não poderem lá viver.

Assim, milhões de pessoas teriam de procurar um novo lar. Os especialistas e investigadores especializados em design acreditam que estas pessoas podem encontrar um bom refúgio no subsolo, em vez de se tornarem “refugiados climáticos” – propõem em criação de cidades subterrâneas sob as cidades onde vivemos.

O OneZero recorda que existem já alguns países a adotar esta estratégia. Por exemplo, toda a cidade australiana de Coober Pedy tem “trincheiras” e cavernas com nove metros de profundidades, onde as pessoas se podem resguardar do insuportável calor do deserto.

Japão, México, China e Finlândia têm também algumas regiões subterrâneas. Singapura e Estados Unidos estão a construir estruturas semelhantes.

Mas o arquiteto Esteban Suárez tem planos maiores: criar grandes cidades subterrâneas que se assemelham a arranha-céus de cabeça para baixo. “Achamos que seria muito interessante”, disse Suárez ao portal OneZero. “Em vez de subir com um arranha-céu, o que aconteceria se cavássemos estas camadas de cidades?”.

Inicialmente, Suárez queria levar a cabo o seu projeto, batizado de Earthscraper, no coração da Cidade do México, visando mitigar as longas e insustentáveis deslocações de cidadãos com baixos rendimentos. Contudo, a cidade acabou por travar o projeto, uma vez que a estrutura atingiria locais importantes do ponto de visto histórico e cultural.

“Precisamos de ficar na vertical nesta cidade porque a expansão urbana não pode continuar a crescer”, rematou o especialista.

Com 22 milhões de habitantes e com uma população a crescer rapidamente, a Cidade do México será, em breve, uma das cidades mais populosas da América do Norte.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

PSD recusa negociar com Costa e Silva (só "se vier a ser ministro")

Rui Rio disse, esta segunda-feira, que António Costa pode escolher quem entender para conselheiro económico, mas o PSD só aceitará negociar com ministros. O líder do PSD, Rui Rio, disse estar de acordo com a decisão …

"Não haverá acordo" se Londres não respeitar compromissos, avisa Michel Barnier

O negociador europeu para a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), Michel Barnier, sublinhou no domingo que "o tempo urge", avisando que não haverá acordo se Londres permanecer nas posições anteriores. "O Reino Unido …

Ex-Benfica Garay acusa Valência de "campanha difamatória"

Ezequiel Garay acusou o Valência de levar a cabo uma "campanha difamatória" contra si. "Dói ver estas coisas quando estão a prejudicar os que amas", disse o argentino. O ex-jogador do SL Benfica Ezequiel Garay cumpre …

O maior salto em cinco anos. Dívida pública atingiu recorde em abril

A dívida pública aumentou para 262,1 mil milhões de euros em abril, o valor mais alto desde 1995, segundo os dados divulgados pelo Banco de Portugal. A dívida pública aumentou para o valor recorde de 262,1 …

Diabéticos e hipertensos. PSD quer debater alteração que retirou estes doentes de regime excecional

O PSD pediu a apreciação parlamentar do decreto-lei que retirou doentes hipertensos e diabéticos do regime excecional de proteção relativo à covid-19. A apreciação parlamentar permite que a Assembleia da República debata, altere e, no limite, …

Norte sem contágios por covid-19. Grande Lisboa regista 96,5% dos novos casos

Portugal regista hoje 1.424 mortes relacionadas com a covid-19, mais 14 do que no domingo, e 32.700 infectados, mais 200, segundo o boletim da Direcção-Geral de Saúde (DGS). 193 dos novos casos são na área …

Aviões deixam de ter lotação reduzida a partir desta segunda-feira

Os aviões deixam, a partir desta segunda-feira, de ter a lotação de passageiros reduzida a dois terços, mas o uso de máscara comunitária é obrigatório. O Governo alinhou, assim, as regras nacionais pelas regras europeias no …

Marcelo pede que não se passe do "8 para o 80" e alerta para imagem do país

O Presidente da República reiterou hoje o apelo à população para que não se passe “do 8 para o 80” nas medidas de prevenção da covid-19, alertando para os riscos da imagem do país “cá …

Só metade das crianças deverá voltar ao pré-escolar esta segunda-feira

As crianças em idade pré-escolar regressam esta segunda-feira aos jardins de infância, que voltam a funcionar com novas regras, depois de encerradas durante mais de dois meses, devido à pandemia da covid-19. Apesar do regresso, que …

Dois astronautas (e um dinossauro de peluche) chegaram à EEI à boleia da SpaceX

Para além dos astronautas Doug Hurley e Bob Behnken, seguia a bordo da Crew Dragon um dinossauro de peluche com lantejoulas. E há uma explicação para isso. Este sábado, o foguetão Falcon 9, da SpaceX, fez …